Maio 2018

18/05

19:30

CINESESC ARSENAL MAIO - Arsenal - Cinema
  • 24 SEMANAS

    (Anne Zohra Berrached, Alemanha, Drama, 2016, 103 min.)

    O drama conta a história de uma mulher grávida de seis meses que descobre que seu bebê foi diagnosticado com Síndrome de Down e um problema no coração. Diante de um dilema insolúvel, somente ela poderá tomar uma decisão a respeito do futuro.

    Sesc Arsenal | 03/05 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 12 anos (Linguagem Imprópria e Angústia)

    Cinesesc com Embaixada da Alemanha

     

    TERRAS

    (Maya Da-Rin, Brasil, Documentário, 2009, 75min.)

    Na fronteira tríplice entre Brasil, Colômbia e Peru, as cidades gêmeas Letícia e Tabatinga formam uma ilha urbana cercada pela floresta amazônica. As delimitações territoriais se confundem nos corpos e rostos de seus moradores. “Terras” acompanha o ritmo desse lugar de encontro e passagem.

    Sesc Arsenal | 06, 11, 20 e 26/05 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 Anos (Consumo de Drogas e Nudez)

     

    TERRA VERMELHA

    (Marco Bechis, Brasil, Drama, 2008, 84min.)

    Um grupo de índios vive em uma fazenda trabalhando como escravos e ganham alguns trocados para posarem como atração turística. Eles decidem reivindicar suas terras de seus ancestrais por direito, começando um grande conito com os fazendeiros da região.

    Sesc Arsenal | 02, 12, 27 e 31/05 | 19h30 | Cinema | Gratuito |

    14 Anos (Consumo de drogas, Relação Sexual, Exposição de Cadáver)

     

    CINESESC - DOCUMENTÁRIOS

    O VALE DOS QUILOMBOS

    (Chico Guariba, Brasil, Documentário, 2010, 40min.)

    No interior do Vale do Ribeira vivem várias comunidades de povos tradicionais. São indígenas, caiçaras, quilombolas e pequenos agricultores tradicionais. O documentário conta um pouco da luta dos quilombolas na região, uma história que começou há mais de trezentos anos.

     

    É O QUE EU PENSO, É O QUE EU VEJO

    (Arto Cavalcanti, Brasil, Documentário, 2017, 25min.)

    Três localidades e situações urbanas são apresentadas. Moradores, lideranças comunitárias e técnicos comprometidos com as lutas por direitos revelam histórias de vida e de moradia, violações de direitos, ameaças de remoção e precariedades (muitas vezes não reconhecidas como tal) e trilham caminhos de resistência.

     

    NÃO REPARA A BAGUNÇA

    (Luri Barcelos / Ciro Barros, Brasil, Documentário, 2017, 18min.)

    O curta-metragem investiga as quatro faces do décit habitacional na cidade de São Paulo. Ilustrado por lutadores e lutadoras, personagens que vivem na rua, em ocupações, cortiços e favelas. Recheado de estatísticas sobre o problema da falta de moradia no país.

    Sesc Arsenal | 10, 19 e 24/05 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC - DOCUMENTÁRIOS

    OUTRO OLHAR – CONVIVENDO COM A DIFERENÇA

    (Renata Sette, Brasil, Documentário, 2015, 34min.)

    O documentário conta a história de Charbel Gabriel, um senhor de 60 anos que interage diariamente com a família e a comunidade, e tem síndrome de Down, em que a síndrome não limita seu convívio com a comunidade, sua família e amigos.

     

    USP 7%

    (Daniel Mello / Bruno Bocchini, Documentário, 2015, 15min.)

    Quatro relatos da luta contra o racismo estrutural, passando por diferentes gerações e pontos de vista. A mobilização em favor da implantação das cotas raciais em uma das mais importantes universidades do país.

    Sesc Arsenal | 05, 13, 17 e 25/05 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC DEBATE

    LIMPAM COM FOGO

    (Conrado Ferrato / Rafael Crespo / César Vieira, Brasil, Documentário, 2017, 84min.)

    O documentário investiga os reais motivos por trás da seletividade do fogo, e explora a relação entre empresas do setor imobiliário e os vereadores que participaram da CPI dos Incêndios em Favelas na Câmara dos Vereadores de São Paulo.

    Sesc Arsenal | 18/05 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 14 Anos (Violência e Conteúdo Impactante)