Setembro 2018

01/09

08:00

CONHECENDO O ARTESÃO - Casa do Artesão - Sesc Casa do Artesão
  • O artesanato conta a história de uma região, suas tradições, cultura e costumes. Através dele a memória imaterial de um povo é mantida, seu modo de ser, fazer e viver. E quem melhor do que os próprios artesãos para contar sobre suas técnicas e trabalhos? Com esse intuito, o Sesc Casa do Artesão traz aos sábados um artista para produzir e mostrar seu trabalho ao público. Venha e conheça um pouco mais do artesanato de Mato Grosso.

    01/09 – Demerval Valeriano

    15/09 – Micheli Sierra

    22/09 – Ilma Divina

    29/09 – Deise Fátima

01/09

17:30

SESSÃO PIPOCA SETEMBRO - RONDONÓPOLIS - Rondonopolis - Teatro
  • EU E MEU GUARDA CHUVA

    (Toni Vanzolini, Brasil, Aventura, 2010, 83min)

    Sinopse: Eugênio é um garoto de 11 anos que jamais se separa do guarda chuva herdado de seu avô. No último dia de férias ele e Cebola, seu melhor amigo, precisam entrar na sombria casa onde fica sua nova escola. O motivo é para resgatar Frida, a grande paixão de Eugênio, que foi sequestrada pelo fantasma do Barão Von Staffen.

    01/09 | 26/09 (sessão pipoca azul) | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    PORCO ROSSO

    (Hayao Miyazaki, Japão, Aventura / Fantasia, 1994, 93min.)

    Sinopse: Entre as duas guerras, caçadores de prêmios ganham a vida lutando contra os piratas do ar que aterrorizam o Mar Adriático. Um deles é Porco Rosso. Gina, uma cantora e proprietária do Hotel Adriano, não desiste de tentar convencê-lo de que vale a pena procurar a humanidade, mas Porco resiste a falar do passado e detesta o único vestígio desses tempos.

    19/09 | 29/09 (sessão pipoca azul) | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    O MENINO NO ESPELHO

    (Guilherme Fiúza Zenha, Brasil, Drama, 2013, 90min.)

    Sinopse: Belo Horizonte, anos 1930. Fernando é um garoto de 10 anos que está cansado de fazer as coisas chatas da vida. Seu sonho era criar um sósia, que ficasse com estas tarefas enquanto ele poderia se divertir à vontade. Até que, um dia, é exatamente isto que acontece, quando o reflexo de Fernando deixa o espelho e ganha vida.

    22/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

03/09

15:00

QUEBRA TORTO - MÓDULO REGIÃO CENTRO-OESTE - Porto - Sesc Porto
  • 03/09 - MOJICA DE PINTADO

    10/09 - BOLO DE ARROZ CUIABANO

    17/09 - MARIA ISABEL

    24/09 - FURRUNDU

03/09

16:00

CLUBE DO JOGO - Porto - Espaço Recreativo
  • Jogos de mesa e oficina de "Jogos de Todo Mundo", no Jardim do Sesc Porto. 
    O objetivo é estimular o convívio em grupo e as atividades cerebrais.


04/09

16:00

CORTEJO CÊNICO - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Centro
  • Cortejo cênico com equipe de produção do festival e artistas convidados que participarão da Aldeia Rosa Bororo de Arte e Cultura.


    04/09 | 16h | Centro da Cidade | Livre

04/09

18:00

MOSTRA DE PROCESSOS - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Teatro
  • NÃO RECOMENDADO – GRUPO TEATRAL JOSÉ SOBRINHO (RONDONÓPOLIS –MT)
    Nesse espetáculo, diferentes histórias se cruzam, e somos apresentados a personagens que de alguma forma, praticam ou sofrem preconceitos e tem questionamentos internos sobre qual seu lugar no mundo. O processo todo é feito colaborativamente entre todos os participantes do grupo, desde a direção até a dramaturgia. A Cia é a união de alunos do curso de teatro do Centro Cultural José Sobrinho, que continuaram o trabalho após o curso ter sido finalizado.

    PROCESSOS EM URGÊNCIA – COLETIVO MODULAR (RONDONÓPOLIS-MT)
    O Coletivo Modular – ajuntamento de artistas, participantes dos cursos de teatro oferecidos pelo Sesc – traz à tona questões levantadas durante o processo de criação nas mais diversas formas de linguagem, do corpo ao fogo. 

    04/09 | 18h e 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | 14 anos

04/09

19:00

SESSÕES DE CINEMA - ALDEIA GUANÁ 2018 - Arsenal - Cinema
  • NUNCA ME SONHARAM - DIREÇÃO CACAU RHODEN

    Nunca Me Sonharam nos convida ao diálogo sobre a realidade do ensino médio nas escolas públicas do Brasil. Na voz de estudantes, gestores, professores e especialistas, o filme questiona: como nós, enquanto sociedade, estamos cuidando e valorizando a qualidade da educação oferecida aos jovens na fase mais sensível e transformadora de suas vidas?

    04/09 | 19h | Cinema | Gratuito

     

    A EDUCAÇÃO ESTÁ PROIBIDA - DIREÇÃO GERMAN DOIN

    “A Educação Está Proibida” tornou-se um fenômeno único que viajou a oito países e documentou 45 experiências educativas não-convencionais. O filme mostra a história ainda não contada sobre a necessidade latente de novas formas de educação.

    11/09 | 19h | Cinema | Gratuito

     

    SEMENTES DO NOSSO QUINTAL - DIREÇÃO FERNANDA HEINZ FIGUEREDO

    O filme retrata o cotidiano de uma escola de educação infantil sem precedentes que, através do pensamento-em-ação de sua idealizadora, a controversa e carismática educadora Therezita Pagani, nos revela o potencial estruturante da educação infantil verdadeira, firme e sensível.

    Somos levados a uma escola onde a criança está acima de métodos e fórmulas de se educar. Onde natureza, música, arte, conflitos, magia e cultura popular regem o encontro das crianças, que convivem diariamente entre diferentes faixas etárias.

    12/09 | 19h | Cinema | Gratuito

05/09

09:00

ESPETÁCULOS - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Teatro
  • A FÁBRICA DE BRINQUEDOS, COM TEATRO FACES JOVEM
    O Musical “A Fábrica de Brincadeiras” faz uma viagem pelas cantigas de rodas e os causos repassados através da oralidade de geração para geração nas cidades garimpeiras de Mato Grosso. Marcada, principalmente, pela imigração nordestina que faziam os migrantes acreditarem estar diante de um novo Eldorado e partissem para trabalhos que lhes custavam horas a fio, deixando para as crianças as brincadeiras no meio da rua, aprendidas não se sabe onde e nem quando.
    05/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Livre | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
    IN-PRÓPRIO PARA DINOSSAUROS, COM IN-PROPRIO COLETIVO (CUIABÁ-MT)
    A partir da escuta da trajetória de vida de mulheres que se colocaram a pensar essas questões, o In-Próprio Coletivo propõe uma obra que alia a aproximação entre as narrativas autobiográficas e o exercício autoficcional. O impulso vital desse projeto é produzir uma ode à desobediência dos códigos jurássicos que insistem em dizer sobre quem somos e o que desejamos.
    05/09 | 20h | Teatro | 01 L. de Leite UHT | 16 anos
     
    ‘‘NO QUINTAL, O MUNDO!”, COM CIA SOLTA (CUIABÁ-MT)
    É a história do encontro de esperas, saudades e aventuras entre um homem que, aos pés de uma árvore solitária de mil frutos, espera parado e de um menino que, sempre parado, espera brincando. Em um espetáculo desenvolvido para crianças de todas as idades, um ambiente lúdico recheado de simbolismo que passeia por todos os elementos da peça, traz a possibilidade de um encontro do público com a singeleza das histórias vividas por todos nós.
    06/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
     “PARA MENORES’’, COM  ELKA VICTORINO (CUIABÁ-MT)
    As experiências como professora de dança no Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o processo de construção do espetáculo “PARA MENORES”, com a bailarina Elka Moura Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a criação de uma rede de relações entre os corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos e a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As experiências vividas com jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. Um processo antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura daqueles jovens, ampliou o território da autoficção, mudando para a cena, o que antes habitava em jaula.
    06/09 | 20h | Teatro (plateia limitada) | 01 L. de leitte UHT | 16 anos
     
     “COMUM DE DOIS: RUA VITÓRIA, 281” – RIVER BOO (RONDONÓPOLIS –MT)
    O que é ser Drag Queen em solo mato-grossense? Em um momento de explosão cultural, em que a arte drag queen se faz presente em diversos meios midiáticos, ainda existe diversas questões a serem discutidas com muita delicadeza, questões essas que faz parte de um “Comum de dois: Rua Vitória, 281”. Assim, River Boo abre as portas para receber o público em um processo que visa mostrar de forma simples e objetiva os nascimentos. Quem acredita que nas coisas há memórias, coloca o dedo aqui! Sem abrir mão do humor e vivenciando as lembranças o processo trabalha pelo rompimento da norma e de quem aceitar o convite.
    07/09 | 18h | Teatro | 01 L. de leitte UHT | 16 anos

    “ELES NÃO USAM TÊNIS NAIQUE”
    Ambientado em uma favela do Rio de Janeiro, este espetáculo narra o reencontro de um pai e uma filha que não se viam há muitos anos. Ele foi traficante nos anos 1980, quando o comércio ilegal de drogas ainda mantinha um vínculo moral com a comunidade. Ela é uma jovem traficante nos dias atuais. O espetáculo gira em torno de um embate ideológico entre os dois personagens, representados em cena por quatro atores que se alternam sucessivamente nos dois papeis, num jogo cênico em que nenhuma posição é fixa e onde a ficção está sempre sob o risco da realidade.
    08/09 | 18h | Teatro | 01 L. de Leite UHT ou 01 livro | 14 anos

    “UM CONTO DE AMOR NORDESTINO” – TEATRO IMAGEM (CUIABÁ –MT)
    Um Conto de Amor Nordestino narra a história de amor mais atrapalhada e divertida que já se teve conhecimento em toda Maranguape. E é vinda de lá do interior de do Ceará que vocês vão conhecer Maria Jezebel: Uma moça cheia de garra e talento para administrar a sua padaria, na companhia de Arlindo Severino, seu fiel amigo; e João Lionel, seu verdadeiro amor. Os três vivem cômicas e intrigantes aventuras! Mas entre lobisomens, desencontros e atrapalhadas, o que esse trio mais quer, no final das contas, é encontrar paz, aconchego e amor. Com um rico cenário composto por quadros em xilogravura, figurinos distintos e narrativa inspirada em nossa literatura de cordel, o espetáculo propõe um diálogo de imersão na cultura popular e na riqueza cultural vinda da encantadora região nordeste de nosso país.
    09/09 | 16h30 | Parque das Águas (Cais de Rondonópolis) | 01 L. de Leite UHT | Livre
     
     
    ENTREPARTIDAS – TEATRO DO CONCRETO (BRASÍLIA–DF)
    Início da noite, a cidade se move como um complexo organismo. É hora do embarque! O público toma um ônibus e viaja pelas ruas da cidade onde conhece diversos personagens que se equilibram no fio do tempo, lembrando-nos que a vida é feita de encontros e instantes. Um espetáculo que fala, sobretudo, daquilo que é efêmero, chegadas e partidas, saudades, desejos, possibilidades, vida e morte. A viagem pela cidade como pretexto para viajar pelas ruas de si mesmo.
    11/09 | 19h30 | Embarque no Espaço Cultural (lugares limitados) | 01 L. de leite UHT | 16 anos
     
    A SALTO ALTO – CIRCO NO ATO (RIO DE JANEIRO –RJ)
    Entre gentilezas e extermínios, este espetáculo circense conta a história de sete pessoas que, ao terem acesso a outra maneira de viver, se despem de suas experiências para vestir essa outra realidade. O enredo se desenrola a partir do tensionamento entre um ambiente formal e refinado e personagens que, em sua essência, carregam a irreverência de quem precisa se reinventar e ressignificar a vida a cada instante. A fábula romântica da Cinderela é satirizada em meio a críticas ao consumismo desenfreado da nossa sociedade.
    12/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | Livre
     
    “IKIGAI” – CIRCONTATO (RONDONÓPOLIS–MT)
    No contexto de pressões vocacionais, necessidade de produção e expectativas vindas de todos os lados, uma grande angústia transborda além da cena. Se a urgência de liberdade e realização nos sufoca, como emergir?
    13/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | 12 anos

    “IMAGINARIUM” – CIA I9ART (RONDONÓPOLIS-MT)
    Todas as pessoas quando são crianças, tem um poder mágico de sonhar, que vai se perdendo conforme o tempo passa e a vida adulta chega. Imaginarium resgata o poder de sonhar e realizar seus sonhos de criança. Apresentando esse mundo está James Joshua, guardião guia dos que entrarem nesse sonho. Junto com ele estão C1, C2 e C3, três clowns com personalidades distintas, mas com uma coisa em comum: fazer muita bagunça! Entre nesse sonho junto com esses quatro personagens, para conhecer o mundo de Imaginarium.
    14/09 | 20h | 01 L. de leite UHT ou 01 livro | Livre

05/09

16:30

ESPETÁCULOS - ALDEIA GUANÁ 2018 - Arsenal - Centro de Cuiabá
  • RUAS ABERTAS, TEATRO DO CONCRETO (DF)

    Ruas Abertas é um conjunto de intervenções cênicas realizadas em faixas de pedestres, terminais rodoviários e áreas de grande movimentação nas cidades. As ações, imagens e proposições dos atores partem do tema amor e abandono para estabelecer um diálogo com esses espaços, transeuntes e motoristas. Não há uma narrativa, são fragmentos poéticos lançados no asfalto e que convidam o espectador do cotidiano a estabelecer redes de sentido.

    Duração: 60 minutos

    05/09 | 16h30 | Cruzamento Av. Prainha com Av. Isaac Póvoas, Cuiabá | Gratuito

     

    EXETINA KOPENOTY – HISTÓRIAS INDÍGENAS, ALICCE OLIVEIRA (MT)

    O espetáculo traz histórias da criação do mundo, a experiência dos animais, cantos no idioma Terena, manipulação de bonecos, uso de máscaras e paisagem sonora. Seu texto foi construído a partir de mitos do povo Terena e retirados de obras literárias escritas por pesquisadores, além de relatos e informações obtidas no decorrer da montagem da produção.

    Duração: 50 minutos

    09/09 | 19h | Teatro | Gratuito | Livre

     

    “TODO MÊS SANGRA”, COM TEATRO EXPERIMENTAL DE ALTA FLORESTA (MT)

    Uma mulher num momento de recortes, colagens e lembranças entorno de diálogos, que lhe permitem questionar e ressignificar sua vida de mulher na contemporaneidade. A poesia está em ser mulher e respeitada por isso.

    Nesta encenação, através da dança, a violência contra a mulher é o mote apontado em agressões físicas diretas e agressões silenciosas. TODO MÊS SANGRA alerta a distinção entre realidade ficcional e proximal. Por conotação, entre vida e jogo, entre realidade e representação. Dançar para uma perspectiva de respeito.

    11/09 | 20h | Salão Social | 16 anos | 1 L. de leite UHT

     

    “SEGUNDA PELE”, COM COLETIVO LUGAR COMUM (PE)

    Quantas peles habitam nosso corpo? Pêlo, casca, casa, cidade, olhar, pudor, prazer, cortes, avessos, toques, sorrisos, sons, leite, vento, chuva, memórias. O espetáculo Segunda Pele leva para cena corpos em troca de peles, em transformação, em desnudamentos.

    Movimentando entendimentos sobre a diversidade de corpos, pelas infinitas possibilidades do ser, e por tudo que ainda precisa ser discutido sobre padrões vigentes em nossa sociedade.

    Peles que escamam ao longo da cena, revelando histórias, corpos e experiências de vida das quatro dançarinas do elenco. Criado em 2012, o espetáculo foi recriado em 2016, com nova pele, novas vestes e novos desnudamentos em cena, ampliando o mergulho experimentado na montagem anterior.

    12/09 | 20h | Salão Social | 18 anos | 01 L. de leite UHT

     

    PARA MENORES, COM ELKA VICTORINO (MT)

    Experiências como professora de dança do Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o início de um processo de construção cênica em dança da bailarina Elka Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a contaminação dos corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos, a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As práticas de jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. As vivências, encarnadas em muitos contrastes, criaram um ambiente antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura dos corpos daqueles jovens, mudando para o lugar da cena, o que antes estava em jaula.

    14/09 | 20h | Teatro de Formas Animadas | 16 anos | 1 Litro de leite UHT

05/09

19:00

MESA - ALDEIA GUANÁ 2018 - Arsenal - Teatro
  • CINEMA COMO PROCESSO EDUCATIVO E EMANCIPATÓRIO,COM BETE BULLARA (SP) E MAURÍCIO PINTO (MT)

    Um filme pode ser encarado "apenas" como um objeto ou enquanto a marca final de um processo criativo. De acordo com este último sentido, o cinema não poder ser apreendido sem que o "fazer" esteja presente. Seria precisamente esta dimensão do processo de aprendizado aquela capaz de estimular a imaginação e reforçar a autoconfiança, engajando os alunos em seu próprio processo emancipatório. Inúmeras são as experiências que se valem desta pedagogia intrínseca ao fazer cinematográfico, e esta mesa propõe o diálogo com algumas delas.

    Bete Bullara é formada em Cinema pela UFF, fotógrafa, curadora de mostra e festivais, secretária executiva do Cineduc, dedica-se à área de Cinema e Educação desde 1975

    Maurício Rodrigues formado em Radialismo pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e tem atuado no audiovisual estadual como diretor, produtor e assistente de fotografia e arte. Dirigiu o curta “PANDORGA (2016)” e o documentário “Guardinha (2014)”. Ativo no audiovisual ministrou oficinas de fotografia e iluminação para cinema em parceria com o Sesc e com o Cineclube Coxiponés.

    05/09 | 19h | Cinema | 1 L. de leite UHT | Livre | Público de interesse: professores , educadores, cineastas, estudante e Trabalhador do Comércio

     

    CONFEITARIA HUMANA: A ARTE DE COMPARTILHAR, COM ALLAN VELASQUE (MT)

    Confeitaria Humana busca debater a respeito da história da confeitaria depois da descoberta do sorvete no século 13. Desde sempre a confeitaria foi baseada na criatividade e utilização dos insumos mais simples e locais, em partes pela influência das guerras e em partes pela influência das crises na era medieval. Boa parte do que consumimos hoje começou pelas mãos de gente pobre que precisava usar poucos insumos disponíveis para uma enorme variedade de receitas. Nos dias de hoje temos “glamourizado” o termo gourmet, quando, na verdade, este termo tem a ver com cozinheiros e confeiteiros que faziam produtos em casa, com matérias primas plantadas por eles, via de regra eram negócios familiares de famílias de classe baixa. Portanto, precisamos falar da humanidade por trás do ato de comer e entender que elitização da confeitaria moderna não deve menosprezar suas raízes.

    Ministrante: Allan Dias Velasque, Relações Públicas, atuou com marketing por dez anos e atualmente empreende no Food Service. É mestre sorveteiro da Matteo Gelato Criativo, uma marca que produz sorvetes artesanais, com técnica italiana, inspirada na inovação, criatividade, espírito jovem e bem estar.

    06/09 |19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT

     

    MEMÓRIA CORPORAL: MOVIMENTOS IMPREGNADOS, COM FERNANDA FRANDSEN (MT), CYBELLI BUSSIKI (MT), CLODOALDO ARRUDA (MT) E DOMINGAS LEONOR (MT)

    Não se tem conhecimento ainda hoje, de pesquisas ou publicações bibliográficas acerca da história do ensino de dança em Cuiabá, tão pouco em Mato Grosso. As múltiplas modalidades trazem consigo múltiplas histórias da dança, e com elas a necessidade de resgatar essa memória e iniciar-se um diálogo acerca das histórias das danças em Mato Grosso. Para tanto, convidamos três precursoras da dança para compartilhar suas memórias sobre as danças em Cuiabá no século XX. Das danças clássicas a danças popular busca-se resgatar histórias do ensino de arte e cultura, especialmente das danças em Cuiabá nas décadas de 70, 80 e 90.

    07/09 | 19h | Teatro | 01 L. de leite UHT

     

    ARTE E EDUCAÇÃO MUSICAL, COM CARLOS KATER (SP) E ESTELA CEREGATTI (MT)

    Carlos Kater é educador, musicólogo e compositor. Doutor pela Universidade de Paris IV – Sorbonne e Professor Titular pela Escola de Música da Universidade Federal de Minas Gerais. Editou durante vários anos as revistas Cadernos de Estudo: Análise Musical e Cadernos de Estudo: Educação Musical que se tornaram referências na vida acadêmica brasileira. Professor Colaborador do Curso de Pós-Graduação em Música, da ECA/USP, atua como conferencista, consultor e professor, ministrando cursos e oficinas dirigidas à "Formação Musical Inventiva" com foco no desenvolvimento humano.

    11/09 | 19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT | Público de interesse professores , educadores musicais e interessados (Trabalhador do Comércio)

     

    EDUCAÇÃO EM ARTES VISUAIS

    A proposta da mesa é apresentar relatos de Arte e Educação Visual realizada em diversas instituições, sendo esses relatos incentivadores de práticas cotidianas para instituições e escolas da rede pública e privada.

    Representação do Sesc SP

    Prof° Dr° Imara Quadros - docente de artes do Instituto Federal do Estado de Mato Grosso - Campus Cuiabá - Octayde Jorge da silva

    Representação da Universidade Estadual de Mato Grosso – UNEMAT - Curso de Licenciatura em Artes Visuais.

    Elisabete Regina Rossetto, Coordenadora Universidade Aberta do Brasil (UAB) Polo Cuiabá

    12/09 | 19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT

05/09

19:00

PROJETO OLHAR INTERIOR - Arsenal - Choperia
  • A música popular brasileira de boa qualidade para descontração e entretenimento no final de tarde.

    Luth Peixoto – 05, 13 e 22/09

    Jheo Gil – 08, 12 e 27/09

    Mariana Borealis – 21, 26, 30/09

    Branco Barros – 09, 19 e 28/09

    André Coruja – 06, 23 e 29/09

    Quarta-feira a domingo | 19h às 23h | Choperia Sesc Arsenal | Couvert Artístico R$3,00

05/09

20:00

ESPETÁCULOS - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Teatro
  • A FÁBRICA DE BRINQUEDOS, COM TEATRO FACES JOVEM
    O Musical “A Fábrica de Brincadeiras” faz uma viagem pelas cantigas de rodas e os causos repassados através da oralidade de geração para geração nas cidades garimpeiras de Mato Grosso. Marcada, principalmente, pela imigração nordestina que faziam os migrantes acreditarem estar diante de um novo Eldorado e partissem para trabalhos que lhes custavam horas a fio, deixando para as crianças as brincadeiras no meio da rua, aprendidas não se sabe onde e nem quando.
    05/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Livre | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
    IN-PRÓPRIO PARA DINOSSAUROS, COM IN-PROPRIO COLETIVO (CUIABÁ-MT)
    A partir da escuta da trajetória de vida de mulheres que se colocaram a pensar essas questões, o In-Próprio Coletivo propõe uma obra que alia a aproximação entre as narrativas autobiográficas e o exercício autoficcional. O impulso vital desse projeto é produzir uma ode à desobediência dos códigos jurássicos que insistem em dizer sobre quem somos e o que desejamos.
    05/09 | 20h | Teatro | 01 L. de Leite UHT | 16 anos
     
    ‘‘NO QUINTAL, O MUNDO!”, COM CIA SOLTA (CUIABÁ-MT)
    É a história do encontro de esperas, saudades e aventuras entre um homem que, aos pés de uma árvore solitária de mil frutos, espera parado e de um menino que, sempre parado, espera brincando. Em um espetáculo desenvolvido para crianças de todas as idades, um ambiente lúdico recheado de simbolismo que passeia por todos os elementos da peça, traz a possibilidade de um encontro do público com a singeleza das histórias vividas por todos nós.
    06/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
     “PARA MENORES’’, COM  ELKA VICTORINO (CUIABÁ-MT)
    As experiências como professora de dança no Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o processo de construção do espetáculo “PARA MENORES”, com a bailarina Elka Moura Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a criação de uma rede de relações entre os corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos e a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As experiências vividas com jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. Um processo antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura daqueles jovens, ampliou o território da autoficção, mudando para a cena, o que antes habitava em jaula.
    06/09 | 20h | Teatro (plateia limitada) | 01 L. de leitte UHT | 16 anos
     
     “COMUM DE DOIS: RUA VITÓRIA, 281” – RIVER BOO (RONDONÓPOLIS –MT)
    O que é ser Drag Queen em solo mato-grossense? Em um momento de explosão cultural, em que a arte drag queen se faz presente em diversos meios midiáticos, ainda existe diversas questões a serem discutidas com muita delicadeza, questões essas que faz parte de um “Comum de dois: Rua Vitória, 281”. Assim, River Boo abre as portas para receber o público em um processo que visa mostrar de forma simples e objetiva os nascimentos. Quem acredita que nas coisas há memórias, coloca o dedo aqui! Sem abrir mão do humor e vivenciando as lembranças o processo trabalha pelo rompimento da norma e de quem aceitar o convite.
    07/09 | 18h | Teatro | 01 L. de leitte UHT | 16 anos

    “ELES NÃO USAM TÊNIS NAIQUE”
    Ambientado em uma favela do Rio de Janeiro, este espetáculo narra o reencontro de um pai e uma filha que não se viam há muitos anos. Ele foi traficante nos anos 1980, quando o comércio ilegal de drogas ainda mantinha um vínculo moral com a comunidade. Ela é uma jovem traficante nos dias atuais. O espetáculo gira em torno de um embate ideológico entre os dois personagens, representados em cena por quatro atores que se alternam sucessivamente nos dois papeis, num jogo cênico em que nenhuma posição é fixa e onde a ficção está sempre sob o risco da realidade.
    08/09 | 18h | Teatro | 01 L. de Leite UHT ou 01 livro | 14 anos

    “UM CONTO DE AMOR NORDESTINO” – TEATRO IMAGEM (CUIABÁ –MT)
    Um Conto de Amor Nordestino narra a história de amor mais atrapalhada e divertida que já se teve conhecimento em toda Maranguape. E é vinda de lá do interior de do Ceará que vocês vão conhecer Maria Jezebel: Uma moça cheia de garra e talento para administrar a sua padaria, na companhia de Arlindo Severino, seu fiel amigo; e João Lionel, seu verdadeiro amor. Os três vivem cômicas e intrigantes aventuras! Mas entre lobisomens, desencontros e atrapalhadas, o que esse trio mais quer, no final das contas, é encontrar paz, aconchego e amor. Com um rico cenário composto por quadros em xilogravura, figurinos distintos e narrativa inspirada em nossa literatura de cordel, o espetáculo propõe um diálogo de imersão na cultura popular e na riqueza cultural vinda da encantadora região nordeste de nosso país.
    09/09 | 16h30 | Parque das Águas (Cais de Rondonópolis) | 01 L. de Leite UHT | Livre
     
     
    ENTREPARTIDAS – TEATRO DO CONCRETO (BRASÍLIA–DF)
    Início da noite, a cidade se move como um complexo organismo. É hora do embarque! O público toma um ônibus e viaja pelas ruas da cidade onde conhece diversos personagens que se equilibram no fio do tempo, lembrando-nos que a vida é feita de encontros e instantes. Um espetáculo que fala, sobretudo, daquilo que é efêmero, chegadas e partidas, saudades, desejos, possibilidades, vida e morte. A viagem pela cidade como pretexto para viajar pelas ruas de si mesmo.
    11/09 | 19h30 | Embarque no Espaço Cultural (lugares limitados) | 01 L. de leite UHT | 16 anos
     
    A SALTO ALTO – CIRCO NO ATO (RIO DE JANEIRO –RJ)
    Entre gentilezas e extermínios, este espetáculo circense conta a história de sete pessoas que, ao terem acesso a outra maneira de viver, se despem de suas experiências para vestir essa outra realidade. O enredo se desenrola a partir do tensionamento entre um ambiente formal e refinado e personagens que, em sua essência, carregam a irreverência de quem precisa se reinventar e ressignificar a vida a cada instante. A fábula romântica da Cinderela é satirizada em meio a críticas ao consumismo desenfreado da nossa sociedade.
    12/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | Livre
     
    “IKIGAI” – CIRCONTATO (RONDONÓPOLIS–MT)
    No contexto de pressões vocacionais, necessidade de produção e expectativas vindas de todos os lados, uma grande angústia transborda além da cena. Se a urgência de liberdade e realização nos sufoca, como emergir?
    13/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | 12 anos

    “IMAGINARIUM” – CIA I9ART (RONDONÓPOLIS-MT)
    Todas as pessoas quando são crianças, tem um poder mágico de sonhar, que vai se perdendo conforme o tempo passa e a vida adulta chega. Imaginarium resgata o poder de sonhar e realizar seus sonhos de criança. Apresentando esse mundo está James Joshua, guardião guia dos que entrarem nesse sonho. Junto com ele estão C1, C2 e C3, três clowns com personalidades distintas, mas com uma coisa em comum: fazer muita bagunça! Entre nesse sonho junto com esses quatro personagens, para conhecer o mundo de Imaginarium.
    14/09 | 20h | 01 L. de leite UHT ou 01 livro | Livre

06/09

09:00

ESPETÁCULOS - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Teatro
  • A FÁBRICA DE BRINQUEDOS, COM TEATRO FACES JOVEM
    O Musical “A Fábrica de Brincadeiras” faz uma viagem pelas cantigas de rodas e os causos repassados através da oralidade de geração para geração nas cidades garimpeiras de Mato Grosso. Marcada, principalmente, pela imigração nordestina que faziam os migrantes acreditarem estar diante de um novo Eldorado e partissem para trabalhos que lhes custavam horas a fio, deixando para as crianças as brincadeiras no meio da rua, aprendidas não se sabe onde e nem quando.
    05/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Livre | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
    IN-PRÓPRIO PARA DINOSSAUROS, COM IN-PROPRIO COLETIVO (CUIABÁ-MT)
    A partir da escuta da trajetória de vida de mulheres que se colocaram a pensar essas questões, o In-Próprio Coletivo propõe uma obra que alia a aproximação entre as narrativas autobiográficas e o exercício autoficcional. O impulso vital desse projeto é produzir uma ode à desobediência dos códigos jurássicos que insistem em dizer sobre quem somos e o que desejamos.
    05/09 | 20h | Teatro | 01 L. de Leite UHT | 16 anos
     
    ‘‘NO QUINTAL, O MUNDO!”, COM CIA SOLTA (CUIABÁ-MT)
    É a história do encontro de esperas, saudades e aventuras entre um homem que, aos pés de uma árvore solitária de mil frutos, espera parado e de um menino que, sempre parado, espera brincando. Em um espetáculo desenvolvido para crianças de todas as idades, um ambiente lúdico recheado de simbolismo que passeia por todos os elementos da peça, traz a possibilidade de um encontro do público com a singeleza das histórias vividas por todos nós.
    06/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
     “PARA MENORES’’, COM  ELKA VICTORINO (CUIABÁ-MT)
    As experiências como professora de dança no Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o processo de construção do espetáculo “PARA MENORES”, com a bailarina Elka Moura Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a criação de uma rede de relações entre os corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos e a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As experiências vividas com jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. Um processo antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura daqueles jovens, ampliou o território da autoficção, mudando para a cena, o que antes habitava em jaula.
    06/09 | 20h | Teatro (plateia limitada) | 01 L. de leitte UHT | 16 anos
     
     “COMUM DE DOIS: RUA VITÓRIA, 281” – RIVER BOO (RONDONÓPOLIS –MT)
    O que é ser Drag Queen em solo mato-grossense? Em um momento de explosão cultural, em que a arte drag queen se faz presente em diversos meios midiáticos, ainda existe diversas questões a serem discutidas com muita delicadeza, questões essas que faz parte de um “Comum de dois: Rua Vitória, 281”. Assim, River Boo abre as portas para receber o público em um processo que visa mostrar de forma simples e objetiva os nascimentos. Quem acredita que nas coisas há memórias, coloca o dedo aqui! Sem abrir mão do humor e vivenciando as lembranças o processo trabalha pelo rompimento da norma e de quem aceitar o convite.
    07/09 | 18h | Teatro | 01 L. de leitte UHT | 16 anos

    “ELES NÃO USAM TÊNIS NAIQUE”
    Ambientado em uma favela do Rio de Janeiro, este espetáculo narra o reencontro de um pai e uma filha que não se viam há muitos anos. Ele foi traficante nos anos 1980, quando o comércio ilegal de drogas ainda mantinha um vínculo moral com a comunidade. Ela é uma jovem traficante nos dias atuais. O espetáculo gira em torno de um embate ideológico entre os dois personagens, representados em cena por quatro atores que se alternam sucessivamente nos dois papeis, num jogo cênico em que nenhuma posição é fixa e onde a ficção está sempre sob o risco da realidade.
    08/09 | 18h | Teatro | 01 L. de Leite UHT ou 01 livro | 14 anos

    “UM CONTO DE AMOR NORDESTINO” – TEATRO IMAGEM (CUIABÁ –MT)
    Um Conto de Amor Nordestino narra a história de amor mais atrapalhada e divertida que já se teve conhecimento em toda Maranguape. E é vinda de lá do interior de do Ceará que vocês vão conhecer Maria Jezebel: Uma moça cheia de garra e talento para administrar a sua padaria, na companhia de Arlindo Severino, seu fiel amigo; e João Lionel, seu verdadeiro amor. Os três vivem cômicas e intrigantes aventuras! Mas entre lobisomens, desencontros e atrapalhadas, o que esse trio mais quer, no final das contas, é encontrar paz, aconchego e amor. Com um rico cenário composto por quadros em xilogravura, figurinos distintos e narrativa inspirada em nossa literatura de cordel, o espetáculo propõe um diálogo de imersão na cultura popular e na riqueza cultural vinda da encantadora região nordeste de nosso país.
    09/09 | 16h30 | Parque das Águas (Cais de Rondonópolis) | 01 L. de Leite UHT | Livre
     
     
    ENTREPARTIDAS – TEATRO DO CONCRETO (BRASÍLIA–DF)
    Início da noite, a cidade se move como um complexo organismo. É hora do embarque! O público toma um ônibus e viaja pelas ruas da cidade onde conhece diversos personagens que se equilibram no fio do tempo, lembrando-nos que a vida é feita de encontros e instantes. Um espetáculo que fala, sobretudo, daquilo que é efêmero, chegadas e partidas, saudades, desejos, possibilidades, vida e morte. A viagem pela cidade como pretexto para viajar pelas ruas de si mesmo.
    11/09 | 19h30 | Embarque no Espaço Cultural (lugares limitados) | 01 L. de leite UHT | 16 anos
     
    A SALTO ALTO – CIRCO NO ATO (RIO DE JANEIRO –RJ)
    Entre gentilezas e extermínios, este espetáculo circense conta a história de sete pessoas que, ao terem acesso a outra maneira de viver, se despem de suas experiências para vestir essa outra realidade. O enredo se desenrola a partir do tensionamento entre um ambiente formal e refinado e personagens que, em sua essência, carregam a irreverência de quem precisa se reinventar e ressignificar a vida a cada instante. A fábula romântica da Cinderela é satirizada em meio a críticas ao consumismo desenfreado da nossa sociedade.
    12/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | Livre
     
    “IKIGAI” – CIRCONTATO (RONDONÓPOLIS–MT)
    No contexto de pressões vocacionais, necessidade de produção e expectativas vindas de todos os lados, uma grande angústia transborda além da cena. Se a urgência de liberdade e realização nos sufoca, como emergir?
    13/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | 12 anos

    “IMAGINARIUM” – CIA I9ART (RONDONÓPOLIS-MT)
    Todas as pessoas quando são crianças, tem um poder mágico de sonhar, que vai se perdendo conforme o tempo passa e a vida adulta chega. Imaginarium resgata o poder de sonhar e realizar seus sonhos de criança. Apresentando esse mundo está James Joshua, guardião guia dos que entrarem nesse sonho. Junto com ele estão C1, C2 e C3, três clowns com personalidades distintas, mas com uma coisa em comum: fazer muita bagunça! Entre nesse sonho junto com esses quatro personagens, para conhecer o mundo de Imaginarium.
    14/09 | 20h | 01 L. de leite UHT ou 01 livro | Livre

06/09

15:00

CULINÁRIA DA VOVÓ - BOLO NEGA MALUCA - Porto - Cozinha Experimental

06/09

19:00

MESA - ALDEIA GUANÁ 2018 - Arsenal - Teatro de Formas Animadas
  • CINEMA COMO PROCESSO EDUCATIVO E EMANCIPATÓRIO,COM BETE BULLARA (SP) E MAURÍCIO PINTO (MT)

    Um filme pode ser encarado "apenas" como um objeto ou enquanto a marca final de um processo criativo. De acordo com este último sentido, o cinema não poder ser apreendido sem que o "fazer" esteja presente. Seria precisamente esta dimensão do processo de aprendizado aquela capaz de estimular a imaginação e reforçar a autoconfiança, engajando os alunos em seu próprio processo emancipatório. Inúmeras são as experiências que se valem desta pedagogia intrínseca ao fazer cinematográfico, e esta mesa propõe o diálogo com algumas delas.

    Bete Bullara é formada em Cinema pela UFF, fotógrafa, curadora de mostra e festivais, secretária executiva do Cineduc, dedica-se à área de Cinema e Educação desde 1975

    Maurício Rodrigues formado em Radialismo pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e tem atuado no audiovisual estadual como diretor, produtor e assistente de fotografia e arte. Dirigiu o curta “PANDORGA (2016)” e o documentário “Guardinha (2014)”. Ativo no audiovisual ministrou oficinas de fotografia e iluminação para cinema em parceria com o Sesc e com o Cineclube Coxiponés.

    05/09 | 19h | Cinema | 1 L. de leite UHT | Livre | Público de interesse: professores , educadores, cineastas, estudante e Trabalhador do Comércio

     

    CONFEITARIA HUMANA: A ARTE DE COMPARTILHAR, COM ALLAN VELASQUE (MT)

    Confeitaria Humana busca debater a respeito da história da confeitaria depois da descoberta do sorvete no século 13. Desde sempre a confeitaria foi baseada na criatividade e utilização dos insumos mais simples e locais, em partes pela influência das guerras e em partes pela influência das crises na era medieval. Boa parte do que consumimos hoje começou pelas mãos de gente pobre que precisava usar poucos insumos disponíveis para uma enorme variedade de receitas. Nos dias de hoje temos “glamourizado” o termo gourmet, quando, na verdade, este termo tem a ver com cozinheiros e confeiteiros que faziam produtos em casa, com matérias primas plantadas por eles, via de regra eram negócios familiares de famílias de classe baixa. Portanto, precisamos falar da humanidade por trás do ato de comer e entender que elitização da confeitaria moderna não deve menosprezar suas raízes.

    Ministrante: Allan Dias Velasque, Relações Públicas, atuou com marketing por dez anos e atualmente empreende no Food Service. É mestre sorveteiro da Matteo Gelato Criativo, uma marca que produz sorvetes artesanais, com técnica italiana, inspirada na inovação, criatividade, espírito jovem e bem estar.

    06/09 |19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT

     

    MEMÓRIA CORPORAL: MOVIMENTOS IMPREGNADOS, COM FERNANDA FRANDSEN (MT), CYBELLI BUSSIKI (MT), CLODOALDO ARRUDA (MT) E DOMINGAS LEONOR (MT)

    Não se tem conhecimento ainda hoje, de pesquisas ou publicações bibliográficas acerca da história do ensino de dança em Cuiabá, tão pouco em Mato Grosso. As múltiplas modalidades trazem consigo múltiplas histórias da dança, e com elas a necessidade de resgatar essa memória e iniciar-se um diálogo acerca das histórias das danças em Mato Grosso. Para tanto, convidamos três precursoras da dança para compartilhar suas memórias sobre as danças em Cuiabá no século XX. Das danças clássicas a danças popular busca-se resgatar histórias do ensino de arte e cultura, especialmente das danças em Cuiabá nas décadas de 70, 80 e 90.

    07/09 | 19h | Teatro | 01 L. de leite UHT

     

    ARTE E EDUCAÇÃO MUSICAL, COM CARLOS KATER (SP) E ESTELA CEREGATTI (MT)

    Carlos Kater é educador, musicólogo e compositor. Doutor pela Universidade de Paris IV – Sorbonne e Professor Titular pela Escola de Música da Universidade Federal de Minas Gerais. Editou durante vários anos as revistas Cadernos de Estudo: Análise Musical e Cadernos de Estudo: Educação Musical que se tornaram referências na vida acadêmica brasileira. Professor Colaborador do Curso de Pós-Graduação em Música, da ECA/USP, atua como conferencista, consultor e professor, ministrando cursos e oficinas dirigidas à "Formação Musical Inventiva" com foco no desenvolvimento humano.

    11/09 | 19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT | Público de interesse professores , educadores musicais e interessados (Trabalhador do Comércio)

     

    EDUCAÇÃO EM ARTES VISUAIS

    A proposta da mesa é apresentar relatos de Arte e Educação Visual realizada em diversas instituições, sendo esses relatos incentivadores de práticas cotidianas para instituições e escolas da rede pública e privada.

    Representação do Sesc SP

    Prof° Dr° Imara Quadros - docente de artes do Instituto Federal do Estado de Mato Grosso - Campus Cuiabá - Octayde Jorge da silva

    Representação da Universidade Estadual de Mato Grosso – UNEMAT - Curso de Licenciatura em Artes Visuais.

    Elisabete Regina Rossetto, Coordenadora Universidade Aberta do Brasil (UAB) Polo Cuiabá

    12/09 | 19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT

06/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - SESC ARSENAL - Arsenal - Cinema
  • CINESESC COM EMBAIXADA DA ALEMANHA

    ESTRELA SOLITÁRIA [DON'T COME KNOCKING]

    (Wim Wenders, Alemanha, Drama, 2005, 122min.)

    Howard Spence já teve dias melhores: antes um protagonista dos westerns, agora ele só consegue papéis secundários e leva uma vida autocentrada, afogado em álcool, drogas e jovens mulheres. Quando sua mãe revela que ele tem um filho desconhecido, Howard vê nisso uma razão para remontar ao passado e, a partir daí, conviver melhor com o presente.

    06/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 14 anos

     

    LOUCEIRAS

    (Tatiana Toffoli, Brasil, Documentário, 2013, 54min.)

    Louceiras acompanha o dia a dia das últimas ceramistas do grupo étnico Kariri-Xocó que tiram do barro o sustento da família. Herdeiras de uma tradição que passa de mãe para filha, elas compartilham com seu povo o conhecimento.

    09 e 27/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC DEBATE: ARÁBIA

    (Affonso Uchoa/João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 96min.)

    Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem (Murilo Caliari) encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    13, 21 (CineSesc Debate) e 30/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 16 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Caio Cavechini/Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65min.)

    Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    14 e 23/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

     

    CINESESC: TRABALHAR CANSA

    (Juliana Rojas, Brasil, Drama/Terror, 2011, 99min.)

    A jovem dona-de-casa Helena resolve realizar um desejo antigo e abrir seu primeiro empreendimento: um mini mercado. Ela contrata a empregada doméstica Paula para tomar conta das tarefas do lar e de Vanessa, sua filha. Quando seu marido Otávio perde o emprego como gerente de uma grande corporação, as relações pessoais e de trabalho entre os três personagens sofrem uma inversão inesperada, ao mesmo tempo em que ocorrências perturbadoras passam a ameaçar os negócios de Helena.

    20 e 29/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

    CINESESC: A GENTE

    (Aly Muritiba, Brasil Documentário, 2013, 90min.)

    Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme.

    22 e 28/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 12 anos


06/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - SESC ARSENAL - Arsenal - Cinema
  • CINESESC COM EMBAIXADA DA ALEMANHA

    ESTRELA SOLITÁRIA [DON'T COME KNOCKING]

    (Wim Wenders, Alemanha, Drama, 2005, 122min.)

    Howard Spence já teve dias melhores: antes um protagonista dos westerns, agora ele só consegue papéis secundários e leva uma vida autocentrada, afogado em álcool, drogas e jovens mulheres. Quando sua mãe revela que ele tem um filho desconhecido, Howard vê nisso uma razão para remontar ao passado e, a partir daí, conviver melhor com o presente.

    06/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 14 anos

     

    LOUCEIRAS

    (Tatiana Toffoli, Brasil, Documentário, 2013, 54min.)

    Louceiras acompanha o dia a dia das últimas ceramistas do grupo étnico Kariri-Xocó que tiram do barro o sustento da família. Herdeiras de uma tradição que passa de mãe para filha, elas compartilham com seu povo o conhecimento.

    09 e 27/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC DEBATE: ARÁBIA

    (Affonso Uchoa/João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 96min.)

    Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem (Murilo Caliari) encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    13, 21 (CineSesc Debate) e 30/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 16 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Caio Cavechini/Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65min.)

    Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    14 e 23/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

     

    CINESESC: TRABALHAR CANSA

    (Juliana Rojas, Brasil, Drama/Terror, 2011, 99min.)

    A jovem dona-de-casa Helena resolve realizar um desejo antigo e abrir seu primeiro empreendimento: um mini mercado. Ela contrata a empregada doméstica Paula para tomar conta das tarefas do lar e de Vanessa, sua filha. Quando seu marido Otávio perde o emprego como gerente de uma grande corporação, as relações pessoais e de trabalho entre os três personagens sofrem uma inversão inesperada, ao mesmo tempo em que ocorrências perturbadoras passam a ameaçar os negócios de Helena.

    20 e 29/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

    CINESESC: A GENTE

    (Aly Muritiba, Brasil Documentário, 2013, 90min.)

    Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme.

    22 e 28/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 12 anos


06/09

20:00

ESPETÁCULOS - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Teatro
  • A FÁBRICA DE BRINQUEDOS, COM TEATRO FACES JOVEM
    O Musical “A Fábrica de Brincadeiras” faz uma viagem pelas cantigas de rodas e os causos repassados através da oralidade de geração para geração nas cidades garimpeiras de Mato Grosso. Marcada, principalmente, pela imigração nordestina que faziam os migrantes acreditarem estar diante de um novo Eldorado e partissem para trabalhos que lhes custavam horas a fio, deixando para as crianças as brincadeiras no meio da rua, aprendidas não se sabe onde e nem quando.
    05/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Livre | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
    IN-PRÓPRIO PARA DINOSSAUROS, COM IN-PROPRIO COLETIVO (CUIABÁ-MT)
    A partir da escuta da trajetória de vida de mulheres que se colocaram a pensar essas questões, o In-Próprio Coletivo propõe uma obra que alia a aproximação entre as narrativas autobiográficas e o exercício autoficcional. O impulso vital desse projeto é produzir uma ode à desobediência dos códigos jurássicos que insistem em dizer sobre quem somos e o que desejamos.
    05/09 | 20h | Teatro | 01 L. de Leite UHT | 16 anos
     
    ‘‘NO QUINTAL, O MUNDO!”, COM CIA SOLTA (CUIABÁ-MT)
    É a história do encontro de esperas, saudades e aventuras entre um homem que, aos pés de uma árvore solitária de mil frutos, espera parado e de um menino que, sempre parado, espera brincando. Em um espetáculo desenvolvido para crianças de todas as idades, um ambiente lúdico recheado de simbolismo que passeia por todos os elementos da peça, traz a possibilidade de um encontro do público com a singeleza das histórias vividas por todos nós.
    06/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
     “PARA MENORES’’, COM  ELKA VICTORINO (CUIABÁ-MT)
    As experiências como professora de dança no Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o processo de construção do espetáculo “PARA MENORES”, com a bailarina Elka Moura Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a criação de uma rede de relações entre os corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos e a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As experiências vividas com jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. Um processo antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura daqueles jovens, ampliou o território da autoficção, mudando para a cena, o que antes habitava em jaula.
    06/09 | 20h | Teatro (plateia limitada) | 01 L. de leitte UHT | 16 anos
     
     “COMUM DE DOIS: RUA VITÓRIA, 281” – RIVER BOO (RONDONÓPOLIS –MT)
    O que é ser Drag Queen em solo mato-grossense? Em um momento de explosão cultural, em que a arte drag queen se faz presente em diversos meios midiáticos, ainda existe diversas questões a serem discutidas com muita delicadeza, questões essas que faz parte de um “Comum de dois: Rua Vitória, 281”. Assim, River Boo abre as portas para receber o público em um processo que visa mostrar de forma simples e objetiva os nascimentos. Quem acredita que nas coisas há memórias, coloca o dedo aqui! Sem abrir mão do humor e vivenciando as lembranças o processo trabalha pelo rompimento da norma e de quem aceitar o convite.
    07/09 | 18h | Teatro | 01 L. de leitte UHT | 16 anos

    “ELES NÃO USAM TÊNIS NAIQUE”
    Ambientado em uma favela do Rio de Janeiro, este espetáculo narra o reencontro de um pai e uma filha que não se viam há muitos anos. Ele foi traficante nos anos 1980, quando o comércio ilegal de drogas ainda mantinha um vínculo moral com a comunidade. Ela é uma jovem traficante nos dias atuais. O espetáculo gira em torno de um embate ideológico entre os dois personagens, representados em cena por quatro atores que se alternam sucessivamente nos dois papeis, num jogo cênico em que nenhuma posição é fixa e onde a ficção está sempre sob o risco da realidade.
    08/09 | 18h | Teatro | 01 L. de Leite UHT ou 01 livro | 14 anos

    “UM CONTO DE AMOR NORDESTINO” – TEATRO IMAGEM (CUIABÁ –MT)
    Um Conto de Amor Nordestino narra a história de amor mais atrapalhada e divertida que já se teve conhecimento em toda Maranguape. E é vinda de lá do interior de do Ceará que vocês vão conhecer Maria Jezebel: Uma moça cheia de garra e talento para administrar a sua padaria, na companhia de Arlindo Severino, seu fiel amigo; e João Lionel, seu verdadeiro amor. Os três vivem cômicas e intrigantes aventuras! Mas entre lobisomens, desencontros e atrapalhadas, o que esse trio mais quer, no final das contas, é encontrar paz, aconchego e amor. Com um rico cenário composto por quadros em xilogravura, figurinos distintos e narrativa inspirada em nossa literatura de cordel, o espetáculo propõe um diálogo de imersão na cultura popular e na riqueza cultural vinda da encantadora região nordeste de nosso país.
    09/09 | 16h30 | Parque das Águas (Cais de Rondonópolis) | 01 L. de Leite UHT | Livre
     
     
    ENTREPARTIDAS – TEATRO DO CONCRETO (BRASÍLIA–DF)
    Início da noite, a cidade se move como um complexo organismo. É hora do embarque! O público toma um ônibus e viaja pelas ruas da cidade onde conhece diversos personagens que se equilibram no fio do tempo, lembrando-nos que a vida é feita de encontros e instantes. Um espetáculo que fala, sobretudo, daquilo que é efêmero, chegadas e partidas, saudades, desejos, possibilidades, vida e morte. A viagem pela cidade como pretexto para viajar pelas ruas de si mesmo.
    11/09 | 19h30 | Embarque no Espaço Cultural (lugares limitados) | 01 L. de leite UHT | 16 anos
     
    A SALTO ALTO – CIRCO NO ATO (RIO DE JANEIRO –RJ)
    Entre gentilezas e extermínios, este espetáculo circense conta a história de sete pessoas que, ao terem acesso a outra maneira de viver, se despem de suas experiências para vestir essa outra realidade. O enredo se desenrola a partir do tensionamento entre um ambiente formal e refinado e personagens que, em sua essência, carregam a irreverência de quem precisa se reinventar e ressignificar a vida a cada instante. A fábula romântica da Cinderela é satirizada em meio a críticas ao consumismo desenfreado da nossa sociedade.
    12/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | Livre
     
    “IKIGAI” – CIRCONTATO (RONDONÓPOLIS–MT)
    No contexto de pressões vocacionais, necessidade de produção e expectativas vindas de todos os lados, uma grande angústia transborda além da cena. Se a urgência de liberdade e realização nos sufoca, como emergir?
    13/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | 12 anos

    “IMAGINARIUM” – CIA I9ART (RONDONÓPOLIS-MT)
    Todas as pessoas quando são crianças, tem um poder mágico de sonhar, que vai se perdendo conforme o tempo passa e a vida adulta chega. Imaginarium resgata o poder de sonhar e realizar seus sonhos de criança. Apresentando esse mundo está James Joshua, guardião guia dos que entrarem nesse sonho. Junto com ele estão C1, C2 e C3, três clowns com personalidades distintas, mas com uma coisa em comum: fazer muita bagunça! Entre nesse sonho junto com esses quatro personagens, para conhecer o mundo de Imaginarium.
    14/09 | 20h | 01 L. de leite UHT ou 01 livro | Livre

07/09

18:00

ESPETÁCULOS - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Teatro
  • A FÁBRICA DE BRINQUEDOS, COM TEATRO FACES JOVEM
    O Musical “A Fábrica de Brincadeiras” faz uma viagem pelas cantigas de rodas e os causos repassados através da oralidade de geração para geração nas cidades garimpeiras de Mato Grosso. Marcada, principalmente, pela imigração nordestina que faziam os migrantes acreditarem estar diante de um novo Eldorado e partissem para trabalhos que lhes custavam horas a fio, deixando para as crianças as brincadeiras no meio da rua, aprendidas não se sabe onde e nem quando.
    05/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Livre | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
    IN-PRÓPRIO PARA DINOSSAUROS, COM IN-PROPRIO COLETIVO (CUIABÁ-MT)
    A partir da escuta da trajetória de vida de mulheres que se colocaram a pensar essas questões, o In-Próprio Coletivo propõe uma obra que alia a aproximação entre as narrativas autobiográficas e o exercício autoficcional. O impulso vital desse projeto é produzir uma ode à desobediência dos códigos jurássicos que insistem em dizer sobre quem somos e o que desejamos.
    05/09 | 20h | Teatro | 01 L. de Leite UHT | 16 anos
     
    ‘‘NO QUINTAL, O MUNDO!”, COM CIA SOLTA (CUIABÁ-MT)
    É a história do encontro de esperas, saudades e aventuras entre um homem que, aos pés de uma árvore solitária de mil frutos, espera parado e de um menino que, sempre parado, espera brincando. Em um espetáculo desenvolvido para crianças de todas as idades, um ambiente lúdico recheado de simbolismo que passeia por todos os elementos da peça, traz a possibilidade de um encontro do público com a singeleza das histórias vividas por todos nós.
    06/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
     “PARA MENORES’’, COM  ELKA VICTORINO (CUIABÁ-MT)
    As experiências como professora de dança no Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o processo de construção do espetáculo “PARA MENORES”, com a bailarina Elka Moura Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a criação de uma rede de relações entre os corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos e a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As experiências vividas com jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. Um processo antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura daqueles jovens, ampliou o território da autoficção, mudando para a cena, o que antes habitava em jaula.
    06/09 | 20h | Teatro (plateia limitada) | 01 L. de leitte UHT | 16 anos
     
     “COMUM DE DOIS: RUA VITÓRIA, 281” – RIVER BOO (RONDONÓPOLIS –MT)
    O que é ser Drag Queen em solo mato-grossense? Em um momento de explosão cultural, em que a arte drag queen se faz presente em diversos meios midiáticos, ainda existe diversas questões a serem discutidas com muita delicadeza, questões essas que faz parte de um “Comum de dois: Rua Vitória, 281”. Assim, River Boo abre as portas para receber o público em um processo que visa mostrar de forma simples e objetiva os nascimentos. Quem acredita que nas coisas há memórias, coloca o dedo aqui! Sem abrir mão do humor e vivenciando as lembranças o processo trabalha pelo rompimento da norma e de quem aceitar o convite.
    07/09 | 18h | Teatro | 01 L. de leitte UHT | 16 anos

    “ELES NÃO USAM TÊNIS NAIQUE”
    Ambientado em uma favela do Rio de Janeiro, este espetáculo narra o reencontro de um pai e uma filha que não se viam há muitos anos. Ele foi traficante nos anos 1980, quando o comércio ilegal de drogas ainda mantinha um vínculo moral com a comunidade. Ela é uma jovem traficante nos dias atuais. O espetáculo gira em torno de um embate ideológico entre os dois personagens, representados em cena por quatro atores que se alternam sucessivamente nos dois papeis, num jogo cênico em que nenhuma posição é fixa e onde a ficção está sempre sob o risco da realidade.
    08/09 | 18h | Teatro | 01 L. de Leite UHT ou 01 livro | 14 anos

    “UM CONTO DE AMOR NORDESTINO” – TEATRO IMAGEM (CUIABÁ –MT)
    Um Conto de Amor Nordestino narra a história de amor mais atrapalhada e divertida que já se teve conhecimento em toda Maranguape. E é vinda de lá do interior de do Ceará que vocês vão conhecer Maria Jezebel: Uma moça cheia de garra e talento para administrar a sua padaria, na companhia de Arlindo Severino, seu fiel amigo; e João Lionel, seu verdadeiro amor. Os três vivem cômicas e intrigantes aventuras! Mas entre lobisomens, desencontros e atrapalhadas, o que esse trio mais quer, no final das contas, é encontrar paz, aconchego e amor. Com um rico cenário composto por quadros em xilogravura, figurinos distintos e narrativa inspirada em nossa literatura de cordel, o espetáculo propõe um diálogo de imersão na cultura popular e na riqueza cultural vinda da encantadora região nordeste de nosso país.
    09/09 | 16h30 | Parque das Águas (Cais de Rondonópolis) | 01 L. de Leite UHT | Livre
     
     
    ENTREPARTIDAS – TEATRO DO CONCRETO (BRASÍLIA–DF)
    Início da noite, a cidade se move como um complexo organismo. É hora do embarque! O público toma um ônibus e viaja pelas ruas da cidade onde conhece diversos personagens que se equilibram no fio do tempo, lembrando-nos que a vida é feita de encontros e instantes. Um espetáculo que fala, sobretudo, daquilo que é efêmero, chegadas e partidas, saudades, desejos, possibilidades, vida e morte. A viagem pela cidade como pretexto para viajar pelas ruas de si mesmo.
    11/09 | 19h30 | Embarque no Espaço Cultural (lugares limitados) | 01 L. de leite UHT | 16 anos
     
    A SALTO ALTO – CIRCO NO ATO (RIO DE JANEIRO –RJ)
    Entre gentilezas e extermínios, este espetáculo circense conta a história de sete pessoas que, ao terem acesso a outra maneira de viver, se despem de suas experiências para vestir essa outra realidade. O enredo se desenrola a partir do tensionamento entre um ambiente formal e refinado e personagens que, em sua essência, carregam a irreverência de quem precisa se reinventar e ressignificar a vida a cada instante. A fábula romântica da Cinderela é satirizada em meio a críticas ao consumismo desenfreado da nossa sociedade.
    12/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | Livre
     
    “IKIGAI” – CIRCONTATO (RONDONÓPOLIS–MT)
    No contexto de pressões vocacionais, necessidade de produção e expectativas vindas de todos os lados, uma grande angústia transborda além da cena. Se a urgência de liberdade e realização nos sufoca, como emergir?
    13/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | 12 anos

    “IMAGINARIUM” – CIA I9ART (RONDONÓPOLIS-MT)
    Todas as pessoas quando são crianças, tem um poder mágico de sonhar, que vai se perdendo conforme o tempo passa e a vida adulta chega. Imaginarium resgata o poder de sonhar e realizar seus sonhos de criança. Apresentando esse mundo está James Joshua, guardião guia dos que entrarem nesse sonho. Junto com ele estão C1, C2 e C3, três clowns com personalidades distintas, mas com uma coisa em comum: fazer muita bagunça! Entre nesse sonho junto com esses quatro personagens, para conhecer o mundo de Imaginarium.
    14/09 | 20h | 01 L. de leite UHT ou 01 livro | Livre

07/09

19:00

MESA - ALDEIA GUANÁ 2018 - - Teatro
  • CINEMA COMO PROCESSO EDUCATIVO E EMANCIPATÓRIO,COM BETE BULLARA (SP) E MAURÍCIO PINTO (MT)

    Um filme pode ser encarado "apenas" como um objeto ou enquanto a marca final de um processo criativo. De acordo com este último sentido, o cinema não poder ser apreendido sem que o "fazer" esteja presente. Seria precisamente esta dimensão do processo de aprendizado aquela capaz de estimular a imaginação e reforçar a autoconfiança, engajando os alunos em seu próprio processo emancipatório. Inúmeras são as experiências que se valem desta pedagogia intrínseca ao fazer cinematográfico, e esta mesa propõe o diálogo com algumas delas.

    Bete Bullara é formada em Cinema pela UFF, fotógrafa, curadora de mostra e festivais, secretária executiva do Cineduc, dedica-se à área de Cinema e Educação desde 1975

    Maurício Rodrigues formado em Radialismo pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e tem atuado no audiovisual estadual como diretor, produtor e assistente de fotografia e arte. Dirigiu o curta “PANDORGA (2016)” e o documentário “Guardinha (2014)”. Ativo no audiovisual ministrou oficinas de fotografia e iluminação para cinema em parceria com o Sesc e com o Cineclube Coxiponés.

    05/09 | 19h | Cinema | 1 L. de leite UHT | Livre | Público de interesse: professores , educadores, cineastas, estudante e Trabalhador do Comércio

     

    CONFEITARIA HUMANA: A ARTE DE COMPARTILHAR, COM ALLAN VELASQUE (MT)

    Confeitaria Humana busca debater a respeito da história da confeitaria depois da descoberta do sorvete no século 13. Desde sempre a confeitaria foi baseada na criatividade e utilização dos insumos mais simples e locais, em partes pela influência das guerras e em partes pela influência das crises na era medieval. Boa parte do que consumimos hoje começou pelas mãos de gente pobre que precisava usar poucos insumos disponíveis para uma enorme variedade de receitas. Nos dias de hoje temos “glamourizado” o termo gourmet, quando, na verdade, este termo tem a ver com cozinheiros e confeiteiros que faziam produtos em casa, com matérias primas plantadas por eles, via de regra eram negócios familiares de famílias de classe baixa. Portanto, precisamos falar da humanidade por trás do ato de comer e entender que elitização da confeitaria moderna não deve menosprezar suas raízes.

    Ministrante: Allan Dias Velasque, Relações Públicas, atuou com marketing por dez anos e atualmente empreende no Food Service. É mestre sorveteiro da Matteo Gelato Criativo, uma marca que produz sorvetes artesanais, com técnica italiana, inspirada na inovação, criatividade, espírito jovem e bem estar.

    06/09 |19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT

     

    MEMÓRIA CORPORAL: MOVIMENTOS IMPREGNADOS, COM FERNANDA FRANDSEN (MT), CYBELLI BUSSIKI (MT), CLODOALDO ARRUDA (MT) E DOMINGAS LEONOR (MT)

    Não se tem conhecimento ainda hoje, de pesquisas ou publicações bibliográficas acerca da história do ensino de dança em Cuiabá, tão pouco em Mato Grosso. As múltiplas modalidades trazem consigo múltiplas histórias da dança, e com elas a necessidade de resgatar essa memória e iniciar-se um diálogo acerca das histórias das danças em Mato Grosso. Para tanto, convidamos três precursoras da dança para compartilhar suas memórias sobre as danças em Cuiabá no século XX. Das danças clássicas a danças popular busca-se resgatar histórias do ensino de arte e cultura, especialmente das danças em Cuiabá nas décadas de 70, 80 e 90.

    07/09 | 19h | Teatro | 01 L. de leite UHT

     

    ARTE E EDUCAÇÃO MUSICAL, COM CARLOS KATER (SP) E ESTELA CEREGATTI (MT)

    Carlos Kater é educador, musicólogo e compositor. Doutor pela Universidade de Paris IV – Sorbonne e Professor Titular pela Escola de Música da Universidade Federal de Minas Gerais. Editou durante vários anos as revistas Cadernos de Estudo: Análise Musical e Cadernos de Estudo: Educação Musical que se tornaram referências na vida acadêmica brasileira. Professor Colaborador do Curso de Pós-Graduação em Música, da ECA/USP, atua como conferencista, consultor e professor, ministrando cursos e oficinas dirigidas à "Formação Musical Inventiva" com foco no desenvolvimento humano.

    11/09 | 19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT | Público de interesse professores , educadores musicais e interessados (Trabalhador do Comércio)

     

    EDUCAÇÃO EM ARTES VISUAIS

    A proposta da mesa é apresentar relatos de Arte e Educação Visual realizada em diversas instituições, sendo esses relatos incentivadores de práticas cotidianas para instituições e escolas da rede pública e privada.

    Representação do Sesc SP

    Prof° Dr° Imara Quadros - docente de artes do Instituto Federal do Estado de Mato Grosso - Campus Cuiabá - Octayde Jorge da silva

    Representação da Universidade Estadual de Mato Grosso – UNEMAT - Curso de Licenciatura em Artes Visuais.

    Elisabete Regina Rossetto, Coordenadora Universidade Aberta do Brasil (UAB) Polo Cuiabá

    12/09 | 19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT

07/09

19:30

MESA - ALDEIA BORORO 2018 - Rondonopolis - Teatro
  • ARTE/EDUCAÇÃO: POR UMA PEDAGOGIA INTERCULTURAL

    Participantes: Beth Bullara (RJ), Lucianne Gomes (Rondonópolis-MT), Elka Victorino (Cuiabá-MT), Mediação: Camila Pinho (Rondonópolis-MT)

    07/09 | 19h30 | Teatro

     

    PANORAMA DAS ARTES CÊNICAS EM MATO GROSSO

    Participantes: Wanderson Lana (MT), Humberto Campos (MT), Everton Britto (MT), Flávio Ferreira (MT), Mediação: Jane Schoninger (Sesc - RS)

    08/09 | 20h | Teatro

     

    ARTES CÊNICAS EM CAMPO EXPANDIDO: RUÍDOS DA ARTE NA CIDADE

    Participantes: Francis Wilker (CE), Rafael Irineu (MT), Maria Thereza Azevedo (UFMT), Mediador: Jan Moura (Sesc –MT)

    09/09 | 19h | Teatro

     

07/09

21:00

SHOW - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Estacionamento
  • SHOW MALUNGO BRASILEIRO - GABRIEL CARMO (RONDONÓPOLIS-MT)
    A proposta do show instrumental “Malungo Brasileiro” é trazer uma conexão entre ritmos brasileiros e africanos sabendo que a música brasileira foi totalmente influenciada pelo continente ancestral. A palavra “Malungo” tem um sentido de irmandade, companheirismo, da própria amizade que os escravos tinham dentro das embarcações que vinham da África para o Brasil, logo o nome do show remete a essa união que liga os nossos povos por um laço muito forte e simbólico, pois, a nossa cultura brasileira tem suas raízes também na África. Particularmente sempre foi fascinado com a riquíssima rítmica que existe na música brasileira e sempre se dedicou em estudar os ritmos e linguagens musicais do nosso país, porém, quando vamos um pouco mais a fundo nas pesquisas notamos que todo esse “molho” tem origem e logo os caminhos se cruzam, e uma autentica linguagem é formada.
    07/09 | 21h | Palco no Estacionamento do Teatro | 01 L. de leitte UHT |  Livre

    SHOW ‘‘AQUI NO MATO GROSSO’’, COM UIRÁ PAIVA (BARRA DO GARÇAS-MT)
    Na proposta de dar visibilidade à cultura mato-grossense, “Aqui no Mato-Grosso” é o terceiro disco do artista, que tem como proposta “um grito” para o cenário musical brasileiro: é possível ser artista no seu próprio estado. Dialoga com a realidade de viver no interior do estado, mas ao mesmo tempo com as antenas ligadas para o que acontece no Brasil e no mundo. Este show de lançamento desse disco pretende atravessar o estado e também o país, levando outra visão do que é produzido musicalmente no estado de Mato Grosso.
    08/09 | 22h | Palco no estacionamento do Teatro | 01 L. de Leite UHT | Livre

08/09

13:00

ENCONTRO: CORPO, AÇÃO, CENA E RITUAL, COM NAINE TERENA E CONVIDADOS (MT E MS) - Arsenal - Salão Social
  • Trata-se de uma oficina cênica resultante da pesquisa no universo indígena, a partir de cantos, danças, pinturas e ornamentos, afim de verificar a organicidade do corpo cotidiano indígena e promover ao ator/bailarino/autor, a possibilidade de experimentar através de exercícios físicos/encenações, elementos da cultura indígena brasileira. Público-alvo: comunidade em geral Inscrição pode ser feita com 01 hora antes do início.

    08/09 | 13h às 20h | Salão Social | 02 L. de leite UHT

08/09

17:30

CINESESC - SESSÃO PIPOCA - Arsenal - Cinema
  • Exibições de obras destinadas ao público infantojuvenil com o intuito de semear a paixão pelo cinema. Ao término das sessões é distribuída pipoca ao público presente.

     

    EU E MEU GUARDA CHUVA

    (Toni Vanzolini, Brasil, Aventura, 2010, 83min)

    Sinopse: Eugênio é um garoto de 11 anos que jamais se separa do guarda chuva herdado de seu avô. No último dia de férias ele e Cebola, seu melhor amigo, precisam entrar na sombria casa onde fica sua nova escola. O motivo é para resgatar Frida, a grande paixão de Eugênio, que foi sequestrada pelo fantasma do Barão Von Staffen.

    08 e 29/09 (Sessão Pipoca Azul) | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    PORCO ROSSO

    (Hayao Miyazaki, Japão, Aventura / Fantasia, 1994, 93min.)

    Sinopse: Entre as duas guerras, caçadores de prêmios ganham a vida lutando contra os piratas do ar que aterrorizam o Mar Adriático. Um deles é Porco Rosso. Gina, uma cantora e proprietária do Hotel Adriano, não desiste de tentar convencê-lo de que vale a pena procurar a humanidade, mas Porco resiste a falar do passado e detesta o único vestígio desses tempos.

    09 (Sessão Pipoca Azul) e 23/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    O MENINO NO ESPELHO

    (Guilherme Fiúza Zenha, Brasil, Drama, 2013, 90min.)

    Sinopse: Belo Horizonte, anos 1930. Fernando é um garoto de 10 anos que está cansado de fazer as coisas chatas da vida. Seu sonho era criar um sósia, que ficasse com estas tarefas enquanto ele poderia se divertir à vontade. Até que, um dia, é exatamente isto que acontece, quando o reflexo de Fernando deixa o espelho e ganha vida.

    22 e 30/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

08/09

17:30

CINESESC - SESSÃO PIPOCA - Arsenal - Cinema
  • Exibições de obras destinadas ao público infantojuvenil com o intuito de semear a paixão pelo cinema. Ao término das sessões é distribuída pipoca ao público presente.

     

    EU E MEU GUARDA CHUVA

    (Toni Vanzolini, Brasil, Aventura, 2010, 83min)

    Sinopse: Eugênio é um garoto de 11 anos que jamais se separa do guarda chuva herdado de seu avô. No último dia de férias ele e Cebola, seu melhor amigo, precisam entrar na sombria casa onde fica sua nova escola. O motivo é para resgatar Frida, a grande paixão de Eugênio, que foi sequestrada pelo fantasma do Barão Von Staffen.

    08 e 29/09 (Sessão Pipoca Azul) | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    PORCO ROSSO

    (Hayao Miyazaki, Japão, Aventura / Fantasia, 1994, 93min.)

    Sinopse: Entre as duas guerras, caçadores de prêmios ganham a vida lutando contra os piratas do ar que aterrorizam o Mar Adriático. Um deles é Porco Rosso. Gina, uma cantora e proprietária do Hotel Adriano, não desiste de tentar convencê-lo de que vale a pena procurar a humanidade, mas Porco resiste a falar do passado e detesta o único vestígio desses tempos.

    09 (Sessão Pipoca Azul) e 23/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    O MENINO NO ESPELHO

    (Guilherme Fiúza Zenha, Brasil, Drama, 2013, 90min.)

    Sinopse: Belo Horizonte, anos 1930. Fernando é um garoto de 10 anos que está cansado de fazer as coisas chatas da vida. Seu sonho era criar um sósia, que ficasse com estas tarefas enquanto ele poderia se divertir à vontade. Até que, um dia, é exatamente isto que acontece, quando o reflexo de Fernando deixa o espelho e ganha vida.

    22 e 30/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

08/09

18:00

ESPETÁCULOS - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Teatro
  • A FÁBRICA DE BRINQUEDOS, COM TEATRO FACES JOVEM
    O Musical “A Fábrica de Brincadeiras” faz uma viagem pelas cantigas de rodas e os causos repassados através da oralidade de geração para geração nas cidades garimpeiras de Mato Grosso. Marcada, principalmente, pela imigração nordestina que faziam os migrantes acreditarem estar diante de um novo Eldorado e partissem para trabalhos que lhes custavam horas a fio, deixando para as crianças as brincadeiras no meio da rua, aprendidas não se sabe onde e nem quando.
    05/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Livre | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
    IN-PRÓPRIO PARA DINOSSAUROS, COM IN-PROPRIO COLETIVO (CUIABÁ-MT)
    A partir da escuta da trajetória de vida de mulheres que se colocaram a pensar essas questões, o In-Próprio Coletivo propõe uma obra que alia a aproximação entre as narrativas autobiográficas e o exercício autoficcional. O impulso vital desse projeto é produzir uma ode à desobediência dos códigos jurássicos que insistem em dizer sobre quem somos e o que desejamos.
    05/09 | 20h | Teatro | 01 L. de Leite UHT | 16 anos
     
    ‘‘NO QUINTAL, O MUNDO!”, COM CIA SOLTA (CUIABÁ-MT)
    É a história do encontro de esperas, saudades e aventuras entre um homem que, aos pés de uma árvore solitária de mil frutos, espera parado e de um menino que, sempre parado, espera brincando. Em um espetáculo desenvolvido para crianças de todas as idades, um ambiente lúdico recheado de simbolismo que passeia por todos os elementos da peça, traz a possibilidade de um encontro do público com a singeleza das histórias vividas por todos nós.
    06/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
     “PARA MENORES’’, COM  ELKA VICTORINO (CUIABÁ-MT)
    As experiências como professora de dança no Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o processo de construção do espetáculo “PARA MENORES”, com a bailarina Elka Moura Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a criação de uma rede de relações entre os corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos e a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As experiências vividas com jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. Um processo antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura daqueles jovens, ampliou o território da autoficção, mudando para a cena, o que antes habitava em jaula.
    06/09 | 20h | Teatro (plateia limitada) | 01 L. de leitte UHT | 16 anos
     
     “COMUM DE DOIS: RUA VITÓRIA, 281” – RIVER BOO (RONDONÓPOLIS –MT)
    O que é ser Drag Queen em solo mato-grossense? Em um momento de explosão cultural, em que a arte drag queen se faz presente em diversos meios midiáticos, ainda existe diversas questões a serem discutidas com muita delicadeza, questões essas que faz parte de um “Comum de dois: Rua Vitória, 281”. Assim, River Boo abre as portas para receber o público em um processo que visa mostrar de forma simples e objetiva os nascimentos. Quem acredita que nas coisas há memórias, coloca o dedo aqui! Sem abrir mão do humor e vivenciando as lembranças o processo trabalha pelo rompimento da norma e de quem aceitar o convite.
    07/09 | 18h | Teatro | 01 L. de leitte UHT | 16 anos

    “ELES NÃO USAM TÊNIS NAIQUE”
    Ambientado em uma favela do Rio de Janeiro, este espetáculo narra o reencontro de um pai e uma filha que não se viam há muitos anos. Ele foi traficante nos anos 1980, quando o comércio ilegal de drogas ainda mantinha um vínculo moral com a comunidade. Ela é uma jovem traficante nos dias atuais. O espetáculo gira em torno de um embate ideológico entre os dois personagens, representados em cena por quatro atores que se alternam sucessivamente nos dois papeis, num jogo cênico em que nenhuma posição é fixa e onde a ficção está sempre sob o risco da realidade.
    08/09 | 18h | Teatro | 01 L. de Leite UHT ou 01 livro | 14 anos

    “UM CONTO DE AMOR NORDESTINO” – TEATRO IMAGEM (CUIABÁ –MT)
    Um Conto de Amor Nordestino narra a história de amor mais atrapalhada e divertida que já se teve conhecimento em toda Maranguape. E é vinda de lá do interior de do Ceará que vocês vão conhecer Maria Jezebel: Uma moça cheia de garra e talento para administrar a sua padaria, na companhia de Arlindo Severino, seu fiel amigo; e João Lionel, seu verdadeiro amor. Os três vivem cômicas e intrigantes aventuras! Mas entre lobisomens, desencontros e atrapalhadas, o que esse trio mais quer, no final das contas, é encontrar paz, aconchego e amor. Com um rico cenário composto por quadros em xilogravura, figurinos distintos e narrativa inspirada em nossa literatura de cordel, o espetáculo propõe um diálogo de imersão na cultura popular e na riqueza cultural vinda da encantadora região nordeste de nosso país.
    09/09 | 16h30 | Parque das Águas (Cais de Rondonópolis) | 01 L. de Leite UHT | Livre
     
     
    ENTREPARTIDAS – TEATRO DO CONCRETO (BRASÍLIA–DF)
    Início da noite, a cidade se move como um complexo organismo. É hora do embarque! O público toma um ônibus e viaja pelas ruas da cidade onde conhece diversos personagens que se equilibram no fio do tempo, lembrando-nos que a vida é feita de encontros e instantes. Um espetáculo que fala, sobretudo, daquilo que é efêmero, chegadas e partidas, saudades, desejos, possibilidades, vida e morte. A viagem pela cidade como pretexto para viajar pelas ruas de si mesmo.
    11/09 | 19h30 | Embarque no Espaço Cultural (lugares limitados) | 01 L. de leite UHT | 16 anos
     
    A SALTO ALTO – CIRCO NO ATO (RIO DE JANEIRO –RJ)
    Entre gentilezas e extermínios, este espetáculo circense conta a história de sete pessoas que, ao terem acesso a outra maneira de viver, se despem de suas experiências para vestir essa outra realidade. O enredo se desenrola a partir do tensionamento entre um ambiente formal e refinado e personagens que, em sua essência, carregam a irreverência de quem precisa se reinventar e ressignificar a vida a cada instante. A fábula romântica da Cinderela é satirizada em meio a críticas ao consumismo desenfreado da nossa sociedade.
    12/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | Livre
     
    “IKIGAI” – CIRCONTATO (RONDONÓPOLIS–MT)
    No contexto de pressões vocacionais, necessidade de produção e expectativas vindas de todos os lados, uma grande angústia transborda além da cena. Se a urgência de liberdade e realização nos sufoca, como emergir?
    13/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | 12 anos

    “IMAGINARIUM” – CIA I9ART (RONDONÓPOLIS-MT)
    Todas as pessoas quando são crianças, tem um poder mágico de sonhar, que vai se perdendo conforme o tempo passa e a vida adulta chega. Imaginarium resgata o poder de sonhar e realizar seus sonhos de criança. Apresentando esse mundo está James Joshua, guardião guia dos que entrarem nesse sonho. Junto com ele estão C1, C2 e C3, três clowns com personalidades distintas, mas com uma coisa em comum: fazer muita bagunça! Entre nesse sonho junto com esses quatro personagens, para conhecer o mundo de Imaginarium.
    14/09 | 20h | 01 L. de leite UHT ou 01 livro | Livre

08/09

20:00

MESA - ALDEIA BORORO 2018 - Rondonopolis - Teatro
  • ARTE/EDUCAÇÃO: POR UMA PEDAGOGIA INTERCULTURAL

    Participantes: Beth Bullara (RJ), Lucianne Gomes (Rondonópolis-MT), Elka Victorino (Cuiabá-MT), Mediação: Camila Pinho (Rondonópolis-MT)

    07/09 | 19h30 | Teatro

     

    PANORAMA DAS ARTES CÊNICAS EM MATO GROSSO

    Participantes: Wanderson Lana (MT), Humberto Campos (MT), Everton Britto (MT), Flávio Ferreira (MT), Mediação: Jane Schoninger (Sesc - RS)

    08/09 | 20h | Teatro

     

    ARTES CÊNICAS EM CAMPO EXPANDIDO: RUÍDOS DA ARTE NA CIDADE

    Participantes: Francis Wilker (CE), Rafael Irineu (MT), Maria Thereza Azevedo (UFMT), Mediador: Jan Moura (Sesc –MT)

    09/09 | 19h | Teatro

     

08/09

22:00

SHOW - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Estacionamento
  • SHOW MALUNGO BRASILEIRO - GABRIEL CARMO (RONDONÓPOLIS-MT)
    A proposta do show instrumental “Malungo Brasileiro” é trazer uma conexão entre ritmos brasileiros e africanos sabendo que a música brasileira foi totalmente influenciada pelo continente ancestral. A palavra “Malungo” tem um sentido de irmandade, companheirismo, da própria amizade que os escravos tinham dentro das embarcações que vinham da África para o Brasil, logo o nome do show remete a essa união que liga os nossos povos por um laço muito forte e simbólico, pois, a nossa cultura brasileira tem suas raízes também na África. Particularmente sempre foi fascinado com a riquíssima rítmica que existe na música brasileira e sempre se dedicou em estudar os ritmos e linguagens musicais do nosso país, porém, quando vamos um pouco mais a fundo nas pesquisas notamos que todo esse “molho” tem origem e logo os caminhos se cruzam, e uma autentica linguagem é formada.
    07/09 | 21h | Palco no Estacionamento do Teatro | 01 L. de leitte UHT |  Livre

    SHOW ‘‘AQUI NO MATO GROSSO’’, COM UIRÁ PAIVA (BARRA DO GARÇAS-MT)
    Na proposta de dar visibilidade à cultura mato-grossense, “Aqui no Mato-Grosso” é o terceiro disco do artista, que tem como proposta “um grito” para o cenário musical brasileiro: é possível ser artista no seu próprio estado. Dialoga com a realidade de viver no interior do estado, mas ao mesmo tempo com as antenas ligadas para o que acontece no Brasil e no mundo. Este show de lançamento desse disco pretende atravessar o estado e também o país, levando outra visão do que é produzido musicalmente no estado de Mato Grosso.
    08/09 | 22h | Palco no estacionamento do Teatro | 01 L. de Leite UHT | Livre

09/09

09:00

SESC NA FEIRA - Balneário - Feira Popular Osmar Cabral
  • Atividades de Educação em Saúde, Recreativas e Lúdicas com o público presente. Aferição de pressão arterial, teste de glicemia capilar, I.M.C, jogos recreativos, orientações e outros.

09/09

11:30

RESTAURANTE SESC BALNEÁRIO - Balneário - Sesc Balneário
  • SÁBADO (22/09):

     

    SALADAS:

    Mix de Alface

    Salada de Tomate com Pepino

    Rúcula com Tomate Seco

    Mix de Vetais

    Farfalle Especial

     

    MOLHOS:

    Vinagrete

    Alho

     

    PRATOS QUENTES:

    Feijoada

    File a Milanesa

    Couve Refogada

    Purê de Batata

    Arroz Branco

    Feijão

     

    SOBREMESA

    Creme de Coco com Chocolate

     

     

     

    DOMINGO (22/09):

    SALADAS:

    Mix de Alface

    Salada de Tomate com Pepino

    Rúcula com Tomate Seco

    Grão de Bico com Tomate

    Acelga com Abacaxi

     

    MOLHOS:

    Vinagrete

    Alho

     

    PRATOS QUENTES:

    Strogonoff de Carne

    Frango Assado com Batata

    Farofa de Alho com Bacon

    Brócolis ao Creme Branco

    Arroz Branco

    Feijão

     

    SOBREMESA

    Creme de Coco com Chocolate

     

     

    HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO:

    Sáb., Dom. e Feriados: 11h30 às 14h30 ou até a capacidade máxima de 430 refeições/dia.

     

    VALORES POR QUILO:

    Trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo e dependentes: R$ 18,00

    Público geral: R$ 35,00

     

    Obs.: O cardápio poderá sofrer alterações sem aviso prévio.

09/09

15:15

OFICINA DE CULINÁRIA: BOLO DE BANANA COM CASCA - Balneário - Sesc Balneário
  • Vários nutrientes estão presentes em partes que geralmente são descartadas, como sementes, cascas, folhas e talos. As partes não convencionais dos alimentos possuem um rico valor nutricional. Este mês aprenderemos fazer um delicioso Bolo de Banana com Casca que é rica em Vitamina A, C, complexo B, fósforo e potássio. O aproveitamento integral consiste em pequenas mudanças do cotidiano.

09/09

16:30

ESPETÁCULOS - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Parque das Águas (Rondonópolis)
  • A FÁBRICA DE BRINQUEDOS, COM TEATRO FACES JOVEM
    O Musical “A Fábrica de Brincadeiras” faz uma viagem pelas cantigas de rodas e os causos repassados através da oralidade de geração para geração nas cidades garimpeiras de Mato Grosso. Marcada, principalmente, pela imigração nordestina que faziam os migrantes acreditarem estar diante de um novo Eldorado e partissem para trabalhos que lhes custavam horas a fio, deixando para as crianças as brincadeiras no meio da rua, aprendidas não se sabe onde e nem quando.
    05/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Livre | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
    IN-PRÓPRIO PARA DINOSSAUROS, COM IN-PROPRIO COLETIVO (CUIABÁ-MT)
    A partir da escuta da trajetória de vida de mulheres que se colocaram a pensar essas questões, o In-Próprio Coletivo propõe uma obra que alia a aproximação entre as narrativas autobiográficas e o exercício autoficcional. O impulso vital desse projeto é produzir uma ode à desobediência dos códigos jurássicos que insistem em dizer sobre quem somos e o que desejamos.
    05/09 | 20h | Teatro | 01 L. de Leite UHT | 16 anos
     
    ‘‘NO QUINTAL, O MUNDO!”, COM CIA SOLTA (CUIABÁ-MT)
    É a história do encontro de esperas, saudades e aventuras entre um homem que, aos pés de uma árvore solitária de mil frutos, espera parado e de um menino que, sempre parado, espera brincando. Em um espetáculo desenvolvido para crianças de todas as idades, um ambiente lúdico recheado de simbolismo que passeia por todos os elementos da peça, traz a possibilidade de um encontro do público com a singeleza das histórias vividas por todos nós.
    06/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
     “PARA MENORES’’, COM  ELKA VICTORINO (CUIABÁ-MT)
    As experiências como professora de dança no Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o processo de construção do espetáculo “PARA MENORES”, com a bailarina Elka Moura Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a criação de uma rede de relações entre os corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos e a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As experiências vividas com jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. Um processo antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura daqueles jovens, ampliou o território da autoficção, mudando para a cena, o que antes habitava em jaula.
    06/09 | 20h | Teatro (plateia limitada) | 01 L. de leitte UHT | 16 anos
     
     “COMUM DE DOIS: RUA VITÓRIA, 281” – RIVER BOO (RONDONÓPOLIS –MT)
    O que é ser Drag Queen em solo mato-grossense? Em um momento de explosão cultural, em que a arte drag queen se faz presente em diversos meios midiáticos, ainda existe diversas questões a serem discutidas com muita delicadeza, questões essas que faz parte de um “Comum de dois: Rua Vitória, 281”. Assim, River Boo abre as portas para receber o público em um processo que visa mostrar de forma simples e objetiva os nascimentos. Quem acredita que nas coisas há memórias, coloca o dedo aqui! Sem abrir mão do humor e vivenciando as lembranças o processo trabalha pelo rompimento da norma e de quem aceitar o convite.
    07/09 | 18h | Teatro | 01 L. de leitte UHT | 16 anos

    “ELES NÃO USAM TÊNIS NAIQUE”
    Ambientado em uma favela do Rio de Janeiro, este espetáculo narra o reencontro de um pai e uma filha que não se viam há muitos anos. Ele foi traficante nos anos 1980, quando o comércio ilegal de drogas ainda mantinha um vínculo moral com a comunidade. Ela é uma jovem traficante nos dias atuais. O espetáculo gira em torno de um embate ideológico entre os dois personagens, representados em cena por quatro atores que se alternam sucessivamente nos dois papeis, num jogo cênico em que nenhuma posição é fixa e onde a ficção está sempre sob o risco da realidade.
    08/09 | 18h | Teatro | 01 L. de Leite UHT ou 01 livro | 14 anos

    “UM CONTO DE AMOR NORDESTINO” – TEATRO IMAGEM (CUIABÁ –MT)
    Um Conto de Amor Nordestino narra a história de amor mais atrapalhada e divertida que já se teve conhecimento em toda Maranguape. E é vinda de lá do interior de do Ceará que vocês vão conhecer Maria Jezebel: Uma moça cheia de garra e talento para administrar a sua padaria, na companhia de Arlindo Severino, seu fiel amigo; e João Lionel, seu verdadeiro amor. Os três vivem cômicas e intrigantes aventuras! Mas entre lobisomens, desencontros e atrapalhadas, o que esse trio mais quer, no final das contas, é encontrar paz, aconchego e amor. Com um rico cenário composto por quadros em xilogravura, figurinos distintos e narrativa inspirada em nossa literatura de cordel, o espetáculo propõe um diálogo de imersão na cultura popular e na riqueza cultural vinda da encantadora região nordeste de nosso país.
    09/09 | 16h30 | Parque das Águas (Cais de Rondonópolis) | 01 L. de Leite UHT | Livre
     
     
    ENTREPARTIDAS – TEATRO DO CONCRETO (BRASÍLIA–DF)
    Início da noite, a cidade se move como um complexo organismo. É hora do embarque! O público toma um ônibus e viaja pelas ruas da cidade onde conhece diversos personagens que se equilibram no fio do tempo, lembrando-nos que a vida é feita de encontros e instantes. Um espetáculo que fala, sobretudo, daquilo que é efêmero, chegadas e partidas, saudades, desejos, possibilidades, vida e morte. A viagem pela cidade como pretexto para viajar pelas ruas de si mesmo.
    11/09 | 19h30 | Embarque no Espaço Cultural (lugares limitados) | 01 L. de leite UHT | 16 anos
     
    A SALTO ALTO – CIRCO NO ATO (RIO DE JANEIRO –RJ)
    Entre gentilezas e extermínios, este espetáculo circense conta a história de sete pessoas que, ao terem acesso a outra maneira de viver, se despem de suas experiências para vestir essa outra realidade. O enredo se desenrola a partir do tensionamento entre um ambiente formal e refinado e personagens que, em sua essência, carregam a irreverência de quem precisa se reinventar e ressignificar a vida a cada instante. A fábula romântica da Cinderela é satirizada em meio a críticas ao consumismo desenfreado da nossa sociedade.
    12/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | Livre
     
    “IKIGAI” – CIRCONTATO (RONDONÓPOLIS–MT)
    No contexto de pressões vocacionais, necessidade de produção e expectativas vindas de todos os lados, uma grande angústia transborda além da cena. Se a urgência de liberdade e realização nos sufoca, como emergir?
    13/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | 12 anos

    “IMAGINARIUM” – CIA I9ART (RONDONÓPOLIS-MT)
    Todas as pessoas quando são crianças, tem um poder mágico de sonhar, que vai se perdendo conforme o tempo passa e a vida adulta chega. Imaginarium resgata o poder de sonhar e realizar seus sonhos de criança. Apresentando esse mundo está James Joshua, guardião guia dos que entrarem nesse sonho. Junto com ele estão C1, C2 e C3, três clowns com personalidades distintas, mas com uma coisa em comum: fazer muita bagunça! Entre nesse sonho junto com esses quatro personagens, para conhecer o mundo de Imaginarium.
    14/09 | 20h | 01 L. de leite UHT ou 01 livro | Livre

09/09

17:30

CINESESC - SESSÃO PIPOCA - Arsenal - Cinema
  • Exibições de obras destinadas ao público infantojuvenil com o intuito de semear a paixão pelo cinema. Ao término das sessões é distribuída pipoca ao público presente.

     

    EU E MEU GUARDA CHUVA

    (Toni Vanzolini, Brasil, Aventura, 2010, 83min)

    Sinopse: Eugênio é um garoto de 11 anos que jamais se separa do guarda chuva herdado de seu avô. No último dia de férias ele e Cebola, seu melhor amigo, precisam entrar na sombria casa onde fica sua nova escola. O motivo é para resgatar Frida, a grande paixão de Eugênio, que foi sequestrada pelo fantasma do Barão Von Staffen.

    08 e 29/09 (Sessão Pipoca Azul) | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    PORCO ROSSO

    (Hayao Miyazaki, Japão, Aventura / Fantasia, 1994, 93min.)

    Sinopse: Entre as duas guerras, caçadores de prêmios ganham a vida lutando contra os piratas do ar que aterrorizam o Mar Adriático. Um deles é Porco Rosso. Gina, uma cantora e proprietária do Hotel Adriano, não desiste de tentar convencê-lo de que vale a pena procurar a humanidade, mas Porco resiste a falar do passado e detesta o único vestígio desses tempos.

    09 (Sessão Pipoca Azul) e 23/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    O MENINO NO ESPELHO

    (Guilherme Fiúza Zenha, Brasil, Drama, 2013, 90min.)

    Sinopse: Belo Horizonte, anos 1930. Fernando é um garoto de 10 anos que está cansado de fazer as coisas chatas da vida. Seu sonho era criar um sósia, que ficasse com estas tarefas enquanto ele poderia se divertir à vontade. Até que, um dia, é exatamente isto que acontece, quando o reflexo de Fernando deixa o espelho e ganha vida.

    22 e 30/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

09/09

19:00

ESPETÁCULOS - ALDEIA GUANÁ 2018 - Arsenal - Teatro
  • RUAS ABERTAS, TEATRO DO CONCRETO (DF)

    Ruas Abertas é um conjunto de intervenções cênicas realizadas em faixas de pedestres, terminais rodoviários e áreas de grande movimentação nas cidades. As ações, imagens e proposições dos atores partem do tema amor e abandono para estabelecer um diálogo com esses espaços, transeuntes e motoristas. Não há uma narrativa, são fragmentos poéticos lançados no asfalto e que convidam o espectador do cotidiano a estabelecer redes de sentido.

    Duração: 60 minutos

    05/09 | 16h30 | Cruzamento Av. Prainha com Av. Isaac Póvoas, Cuiabá | Gratuito

     

    EXETINA KOPENOTY – HISTÓRIAS INDÍGENAS, ALICCE OLIVEIRA (MT)

    O espetáculo traz histórias da criação do mundo, a experiência dos animais, cantos no idioma Terena, manipulação de bonecos, uso de máscaras e paisagem sonora. Seu texto foi construído a partir de mitos do povo Terena e retirados de obras literárias escritas por pesquisadores, além de relatos e informações obtidas no decorrer da montagem da produção.

    Duração: 50 minutos

    09/09 | 19h | Teatro | Gratuito | Livre

     

    “TODO MÊS SANGRA”, COM TEATRO EXPERIMENTAL DE ALTA FLORESTA (MT)

    Uma mulher num momento de recortes, colagens e lembranças entorno de diálogos, que lhe permitem questionar e ressignificar sua vida de mulher na contemporaneidade. A poesia está em ser mulher e respeitada por isso.

    Nesta encenação, através da dança, a violência contra a mulher é o mote apontado em agressões físicas diretas e agressões silenciosas. TODO MÊS SANGRA alerta a distinção entre realidade ficcional e proximal. Por conotação, entre vida e jogo, entre realidade e representação. Dançar para uma perspectiva de respeito.

    11/09 | 20h | Salão Social | 16 anos | 1 L. de leite UHT

     

    “SEGUNDA PELE”, COM COLETIVO LUGAR COMUM (PE)

    Quantas peles habitam nosso corpo? Pêlo, casca, casa, cidade, olhar, pudor, prazer, cortes, avessos, toques, sorrisos, sons, leite, vento, chuva, memórias. O espetáculo Segunda Pele leva para cena corpos em troca de peles, em transformação, em desnudamentos.

    Movimentando entendimentos sobre a diversidade de corpos, pelas infinitas possibilidades do ser, e por tudo que ainda precisa ser discutido sobre padrões vigentes em nossa sociedade.

    Peles que escamam ao longo da cena, revelando histórias, corpos e experiências de vida das quatro dançarinas do elenco. Criado em 2012, o espetáculo foi recriado em 2016, com nova pele, novas vestes e novos desnudamentos em cena, ampliando o mergulho experimentado na montagem anterior.

    12/09 | 20h | Salão Social | 18 anos | 01 L. de leite UHT

     

    PARA MENORES, COM ELKA VICTORINO (MT)

    Experiências como professora de dança do Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o início de um processo de construção cênica em dança da bailarina Elka Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a contaminação dos corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos, a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As práticas de jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. As vivências, encarnadas em muitos contrastes, criaram um ambiente antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura dos corpos daqueles jovens, mudando para o lugar da cena, o que antes estava em jaula.

    14/09 | 20h | Teatro de Formas Animadas | 16 anos | 1 Litro de leite UHT

09/09

19:00

MESA - ALDEIA BORORO 2018 - Rondonopolis - Teatro
  • ARTE/EDUCAÇÃO: POR UMA PEDAGOGIA INTERCULTURAL

    Participantes: Beth Bullara (RJ), Lucianne Gomes (Rondonópolis-MT), Elka Victorino (Cuiabá-MT), Mediação: Camila Pinho (Rondonópolis-MT)

    07/09 | 19h30 | Teatro

     

    PANORAMA DAS ARTES CÊNICAS EM MATO GROSSO

    Participantes: Wanderson Lana (MT), Humberto Campos (MT), Everton Britto (MT), Flávio Ferreira (MT), Mediação: Jane Schoninger (Sesc - RS)

    08/09 | 20h | Teatro

     

    ARTES CÊNICAS EM CAMPO EXPANDIDO: RUÍDOS DA ARTE NA CIDADE

    Participantes: Francis Wilker (CE), Rafael Irineu (MT), Maria Thereza Azevedo (UFMT), Mediador: Jan Moura (Sesc –MT)

    09/09 | 19h | Teatro

     

09/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - SESC ARSENAL - Arsenal - Cinema
  • CINESESC COM EMBAIXADA DA ALEMANHA

    ESTRELA SOLITÁRIA [DON'T COME KNOCKING]

    (Wim Wenders, Alemanha, Drama, 2005, 122min.)

    Howard Spence já teve dias melhores: antes um protagonista dos westerns, agora ele só consegue papéis secundários e leva uma vida autocentrada, afogado em álcool, drogas e jovens mulheres. Quando sua mãe revela que ele tem um filho desconhecido, Howard vê nisso uma razão para remontar ao passado e, a partir daí, conviver melhor com o presente.

    06/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 14 anos

     

    LOUCEIRAS

    (Tatiana Toffoli, Brasil, Documentário, 2013, 54min.)

    Louceiras acompanha o dia a dia das últimas ceramistas do grupo étnico Kariri-Xocó que tiram do barro o sustento da família. Herdeiras de uma tradição que passa de mãe para filha, elas compartilham com seu povo o conhecimento.

    09 e 27/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC DEBATE: ARÁBIA

    (Affonso Uchoa/João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 96min.)

    Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem (Murilo Caliari) encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    13, 21 (CineSesc Debate) e 30/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 16 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Caio Cavechini/Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65min.)

    Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    14 e 23/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

     

    CINESESC: TRABALHAR CANSA

    (Juliana Rojas, Brasil, Drama/Terror, 2011, 99min.)

    A jovem dona-de-casa Helena resolve realizar um desejo antigo e abrir seu primeiro empreendimento: um mini mercado. Ela contrata a empregada doméstica Paula para tomar conta das tarefas do lar e de Vanessa, sua filha. Quando seu marido Otávio perde o emprego como gerente de uma grande corporação, as relações pessoais e de trabalho entre os três personagens sofrem uma inversão inesperada, ao mesmo tempo em que ocorrências perturbadoras passam a ameaçar os negócios de Helena.

    20 e 29/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

    CINESESC: A GENTE

    (Aly Muritiba, Brasil Documentário, 2013, 90min.)

    Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme.

    22 e 28/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 12 anos


10/09

15:00

QUEBRA TORTO - MÓDULO REGIÃO CENTRO-OESTE - Porto - Sesc Porto
  • 03/09 - MOJICA DE PINTADO

    10/09 - BOLO DE ARROZ CUIABANO

    17/09 - MARIA ISABEL

    24/09 - FURRUNDU

11/09

19:00

SESSÕES DE CINEMA - ALDEIA GUANÁ 2018 - Arsenal - Cinema
  • NUNCA ME SONHARAM - DIREÇÃO CACAU RHODEN

    Nunca Me Sonharam nos convida ao diálogo sobre a realidade do ensino médio nas escolas públicas do Brasil. Na voz de estudantes, gestores, professores e especialistas, o filme questiona: como nós, enquanto sociedade, estamos cuidando e valorizando a qualidade da educação oferecida aos jovens na fase mais sensível e transformadora de suas vidas?

    04/09 | 19h | Cinema | Gratuito

     

    A EDUCAÇÃO ESTÁ PROIBIDA - DIREÇÃO GERMAN DOIN

    “A Educação Está Proibida” tornou-se um fenômeno único que viajou a oito países e documentou 45 experiências educativas não-convencionais. O filme mostra a história ainda não contada sobre a necessidade latente de novas formas de educação.

    11/09 | 19h | Cinema | Gratuito

     

    SEMENTES DO NOSSO QUINTAL - DIREÇÃO FERNANDA HEINZ FIGUEREDO

    O filme retrata o cotidiano de uma escola de educação infantil sem precedentes que, através do pensamento-em-ação de sua idealizadora, a controversa e carismática educadora Therezita Pagani, nos revela o potencial estruturante da educação infantil verdadeira, firme e sensível.

    Somos levados a uma escola onde a criança está acima de métodos e fórmulas de se educar. Onde natureza, música, arte, conflitos, magia e cultura popular regem o encontro das crianças, que convivem diariamente entre diferentes faixas etárias.

    12/09 | 19h | Cinema | Gratuito

11/09

19:00

MESA - ALDEIA GUANÁ 2018 - Arsenal - Teatro de Formas Animadas
  • CINEMA COMO PROCESSO EDUCATIVO E EMANCIPATÓRIO,COM BETE BULLARA (SP) E MAURÍCIO PINTO (MT)

    Um filme pode ser encarado "apenas" como um objeto ou enquanto a marca final de um processo criativo. De acordo com este último sentido, o cinema não poder ser apreendido sem que o "fazer" esteja presente. Seria precisamente esta dimensão do processo de aprendizado aquela capaz de estimular a imaginação e reforçar a autoconfiança, engajando os alunos em seu próprio processo emancipatório. Inúmeras são as experiências que se valem desta pedagogia intrínseca ao fazer cinematográfico, e esta mesa propõe o diálogo com algumas delas.

    Bete Bullara é formada em Cinema pela UFF, fotógrafa, curadora de mostra e festivais, secretária executiva do Cineduc, dedica-se à área de Cinema e Educação desde 1975

    Maurício Rodrigues formado em Radialismo pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e tem atuado no audiovisual estadual como diretor, produtor e assistente de fotografia e arte. Dirigiu o curta “PANDORGA (2016)” e o documentário “Guardinha (2014)”. Ativo no audiovisual ministrou oficinas de fotografia e iluminação para cinema em parceria com o Sesc e com o Cineclube Coxiponés.

    05/09 | 19h | Cinema | 1 L. de leite UHT | Livre | Público de interesse: professores , educadores, cineastas, estudante e Trabalhador do Comércio

     

    CONFEITARIA HUMANA: A ARTE DE COMPARTILHAR, COM ALLAN VELASQUE (MT)

    Confeitaria Humana busca debater a respeito da história da confeitaria depois da descoberta do sorvete no século 13. Desde sempre a confeitaria foi baseada na criatividade e utilização dos insumos mais simples e locais, em partes pela influência das guerras e em partes pela influência das crises na era medieval. Boa parte do que consumimos hoje começou pelas mãos de gente pobre que precisava usar poucos insumos disponíveis para uma enorme variedade de receitas. Nos dias de hoje temos “glamourizado” o termo gourmet, quando, na verdade, este termo tem a ver com cozinheiros e confeiteiros que faziam produtos em casa, com matérias primas plantadas por eles, via de regra eram negócios familiares de famílias de classe baixa. Portanto, precisamos falar da humanidade por trás do ato de comer e entender que elitização da confeitaria moderna não deve menosprezar suas raízes.

    Ministrante: Allan Dias Velasque, Relações Públicas, atuou com marketing por dez anos e atualmente empreende no Food Service. É mestre sorveteiro da Matteo Gelato Criativo, uma marca que produz sorvetes artesanais, com técnica italiana, inspirada na inovação, criatividade, espírito jovem e bem estar.

    06/09 |19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT

     

    MEMÓRIA CORPORAL: MOVIMENTOS IMPREGNADOS, COM FERNANDA FRANDSEN (MT), CYBELLI BUSSIKI (MT), CLODOALDO ARRUDA (MT) E DOMINGAS LEONOR (MT)

    Não se tem conhecimento ainda hoje, de pesquisas ou publicações bibliográficas acerca da história do ensino de dança em Cuiabá, tão pouco em Mato Grosso. As múltiplas modalidades trazem consigo múltiplas histórias da dança, e com elas a necessidade de resgatar essa memória e iniciar-se um diálogo acerca das histórias das danças em Mato Grosso. Para tanto, convidamos três precursoras da dança para compartilhar suas memórias sobre as danças em Cuiabá no século XX. Das danças clássicas a danças popular busca-se resgatar histórias do ensino de arte e cultura, especialmente das danças em Cuiabá nas décadas de 70, 80 e 90.

    07/09 | 19h | Teatro | 01 L. de leite UHT

     

    ARTE E EDUCAÇÃO MUSICAL, COM CARLOS KATER (SP) E ESTELA CEREGATTI (MT)

    Carlos Kater é educador, musicólogo e compositor. Doutor pela Universidade de Paris IV – Sorbonne e Professor Titular pela Escola de Música da Universidade Federal de Minas Gerais. Editou durante vários anos as revistas Cadernos de Estudo: Análise Musical e Cadernos de Estudo: Educação Musical que se tornaram referências na vida acadêmica brasileira. Professor Colaborador do Curso de Pós-Graduação em Música, da ECA/USP, atua como conferencista, consultor e professor, ministrando cursos e oficinas dirigidas à "Formação Musical Inventiva" com foco no desenvolvimento humano.

    11/09 | 19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT | Público de interesse professores , educadores musicais e interessados (Trabalhador do Comércio)

     

    EDUCAÇÃO EM ARTES VISUAIS

    A proposta da mesa é apresentar relatos de Arte e Educação Visual realizada em diversas instituições, sendo esses relatos incentivadores de práticas cotidianas para instituições e escolas da rede pública e privada.

    Representação do Sesc SP

    Prof° Dr° Imara Quadros - docente de artes do Instituto Federal do Estado de Mato Grosso - Campus Cuiabá - Octayde Jorge da silva

    Representação da Universidade Estadual de Mato Grosso – UNEMAT - Curso de Licenciatura em Artes Visuais.

    Elisabete Regina Rossetto, Coordenadora Universidade Aberta do Brasil (UAB) Polo Cuiabá

    12/09 | 19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT

11/09

19:30

ESPETÁCULOS - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Espaço Cultural
  • A FÁBRICA DE BRINQUEDOS, COM TEATRO FACES JOVEM
    O Musical “A Fábrica de Brincadeiras” faz uma viagem pelas cantigas de rodas e os causos repassados através da oralidade de geração para geração nas cidades garimpeiras de Mato Grosso. Marcada, principalmente, pela imigração nordestina que faziam os migrantes acreditarem estar diante de um novo Eldorado e partissem para trabalhos que lhes custavam horas a fio, deixando para as crianças as brincadeiras no meio da rua, aprendidas não se sabe onde e nem quando.
    05/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Livre | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
    IN-PRÓPRIO PARA DINOSSAUROS, COM IN-PROPRIO COLETIVO (CUIABÁ-MT)
    A partir da escuta da trajetória de vida de mulheres que se colocaram a pensar essas questões, o In-Próprio Coletivo propõe uma obra que alia a aproximação entre as narrativas autobiográficas e o exercício autoficcional. O impulso vital desse projeto é produzir uma ode à desobediência dos códigos jurássicos que insistem em dizer sobre quem somos e o que desejamos.
    05/09 | 20h | Teatro | 01 L. de Leite UHT | 16 anos
     
    ‘‘NO QUINTAL, O MUNDO!”, COM CIA SOLTA (CUIABÁ-MT)
    É a história do encontro de esperas, saudades e aventuras entre um homem que, aos pés de uma árvore solitária de mil frutos, espera parado e de um menino que, sempre parado, espera brincando. Em um espetáculo desenvolvido para crianças de todas as idades, um ambiente lúdico recheado de simbolismo que passeia por todos os elementos da peça, traz a possibilidade de um encontro do público com a singeleza das histórias vividas por todos nós.
    06/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
     “PARA MENORES’’, COM  ELKA VICTORINO (CUIABÁ-MT)
    As experiências como professora de dança no Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o processo de construção do espetáculo “PARA MENORES”, com a bailarina Elka Moura Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a criação de uma rede de relações entre os corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos e a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As experiências vividas com jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. Um processo antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura daqueles jovens, ampliou o território da autoficção, mudando para a cena, o que antes habitava em jaula.
    06/09 | 20h | Teatro (plateia limitada) | 01 L. de leitte UHT | 16 anos
     
     “COMUM DE DOIS: RUA VITÓRIA, 281” – RIVER BOO (RONDONÓPOLIS –MT)
    O que é ser Drag Queen em solo mato-grossense? Em um momento de explosão cultural, em que a arte drag queen se faz presente em diversos meios midiáticos, ainda existe diversas questões a serem discutidas com muita delicadeza, questões essas que faz parte de um “Comum de dois: Rua Vitória, 281”. Assim, River Boo abre as portas para receber o público em um processo que visa mostrar de forma simples e objetiva os nascimentos. Quem acredita que nas coisas há memórias, coloca o dedo aqui! Sem abrir mão do humor e vivenciando as lembranças o processo trabalha pelo rompimento da norma e de quem aceitar o convite.
    07/09 | 18h | Teatro | 01 L. de leitte UHT | 16 anos

    “ELES NÃO USAM TÊNIS NAIQUE”
    Ambientado em uma favela do Rio de Janeiro, este espetáculo narra o reencontro de um pai e uma filha que não se viam há muitos anos. Ele foi traficante nos anos 1980, quando o comércio ilegal de drogas ainda mantinha um vínculo moral com a comunidade. Ela é uma jovem traficante nos dias atuais. O espetáculo gira em torno de um embate ideológico entre os dois personagens, representados em cena por quatro atores que se alternam sucessivamente nos dois papeis, num jogo cênico em que nenhuma posição é fixa e onde a ficção está sempre sob o risco da realidade.
    08/09 | 18h | Teatro | 01 L. de Leite UHT ou 01 livro | 14 anos

    “UM CONTO DE AMOR NORDESTINO” – TEATRO IMAGEM (CUIABÁ –MT)
    Um Conto de Amor Nordestino narra a história de amor mais atrapalhada e divertida que já se teve conhecimento em toda Maranguape. E é vinda de lá do interior de do Ceará que vocês vão conhecer Maria Jezebel: Uma moça cheia de garra e talento para administrar a sua padaria, na companhia de Arlindo Severino, seu fiel amigo; e João Lionel, seu verdadeiro amor. Os três vivem cômicas e intrigantes aventuras! Mas entre lobisomens, desencontros e atrapalhadas, o que esse trio mais quer, no final das contas, é encontrar paz, aconchego e amor. Com um rico cenário composto por quadros em xilogravura, figurinos distintos e narrativa inspirada em nossa literatura de cordel, o espetáculo propõe um diálogo de imersão na cultura popular e na riqueza cultural vinda da encantadora região nordeste de nosso país.
    09/09 | 16h30 | Parque das Águas (Cais de Rondonópolis) | 01 L. de Leite UHT | Livre
     
     
    ENTREPARTIDAS – TEATRO DO CONCRETO (BRASÍLIA–DF)
    Início da noite, a cidade se move como um complexo organismo. É hora do embarque! O público toma um ônibus e viaja pelas ruas da cidade onde conhece diversos personagens que se equilibram no fio do tempo, lembrando-nos que a vida é feita de encontros e instantes. Um espetáculo que fala, sobretudo, daquilo que é efêmero, chegadas e partidas, saudades, desejos, possibilidades, vida e morte. A viagem pela cidade como pretexto para viajar pelas ruas de si mesmo.
    11/09 | 19h30 | Embarque no Espaço Cultural (lugares limitados) | 01 L. de leite UHT | 16 anos
     
    A SALTO ALTO – CIRCO NO ATO (RIO DE JANEIRO –RJ)
    Entre gentilezas e extermínios, este espetáculo circense conta a história de sete pessoas que, ao terem acesso a outra maneira de viver, se despem de suas experiências para vestir essa outra realidade. O enredo se desenrola a partir do tensionamento entre um ambiente formal e refinado e personagens que, em sua essência, carregam a irreverência de quem precisa se reinventar e ressignificar a vida a cada instante. A fábula romântica da Cinderela é satirizada em meio a críticas ao consumismo desenfreado da nossa sociedade.
    12/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | Livre
     
    “IKIGAI” – CIRCONTATO (RONDONÓPOLIS–MT)
    No contexto de pressões vocacionais, necessidade de produção e expectativas vindas de todos os lados, uma grande angústia transborda além da cena. Se a urgência de liberdade e realização nos sufoca, como emergir?
    13/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | 12 anos

    “IMAGINARIUM” – CIA I9ART (RONDONÓPOLIS-MT)
    Todas as pessoas quando são crianças, tem um poder mágico de sonhar, que vai se perdendo conforme o tempo passa e a vida adulta chega. Imaginarium resgata o poder de sonhar e realizar seus sonhos de criança. Apresentando esse mundo está James Joshua, guardião guia dos que entrarem nesse sonho. Junto com ele estão C1, C2 e C3, três clowns com personalidades distintas, mas com uma coisa em comum: fazer muita bagunça! Entre nesse sonho junto com esses quatro personagens, para conhecer o mundo de Imaginarium.
    14/09 | 20h | 01 L. de leite UHT ou 01 livro | Livre

11/09

20:00

ESPETÁCULOS - ALDEIA GUANÁ 2018 - Arsenal - Salão Social
  • RUAS ABERTAS, TEATRO DO CONCRETO (DF)

    Ruas Abertas é um conjunto de intervenções cênicas realizadas em faixas de pedestres, terminais rodoviários e áreas de grande movimentação nas cidades. As ações, imagens e proposições dos atores partem do tema amor e abandono para estabelecer um diálogo com esses espaços, transeuntes e motoristas. Não há uma narrativa, são fragmentos poéticos lançados no asfalto e que convidam o espectador do cotidiano a estabelecer redes de sentido.

    Duração: 60 minutos

    05/09 | 16h30 | Cruzamento Av. Prainha com Av. Isaac Póvoas, Cuiabá | Gratuito

     

    EXETINA KOPENOTY – HISTÓRIAS INDÍGENAS, ALICCE OLIVEIRA (MT)

    O espetáculo traz histórias da criação do mundo, a experiência dos animais, cantos no idioma Terena, manipulação de bonecos, uso de máscaras e paisagem sonora. Seu texto foi construído a partir de mitos do povo Terena e retirados de obras literárias escritas por pesquisadores, além de relatos e informações obtidas no decorrer da montagem da produção.

    Duração: 50 minutos

    09/09 | 19h | Teatro | Gratuito | Livre

     

    “TODO MÊS SANGRA”, COM TEATRO EXPERIMENTAL DE ALTA FLORESTA (MT)

    Uma mulher num momento de recortes, colagens e lembranças entorno de diálogos, que lhe permitem questionar e ressignificar sua vida de mulher na contemporaneidade. A poesia está em ser mulher e respeitada por isso.

    Nesta encenação, através da dança, a violência contra a mulher é o mote apontado em agressões físicas diretas e agressões silenciosas. TODO MÊS SANGRA alerta a distinção entre realidade ficcional e proximal. Por conotação, entre vida e jogo, entre realidade e representação. Dançar para uma perspectiva de respeito.

    11/09 | 20h | Salão Social | 16 anos | 1 L. de leite UHT

     

    “SEGUNDA PELE”, COM COLETIVO LUGAR COMUM (PE)

    Quantas peles habitam nosso corpo? Pêlo, casca, casa, cidade, olhar, pudor, prazer, cortes, avessos, toques, sorrisos, sons, leite, vento, chuva, memórias. O espetáculo Segunda Pele leva para cena corpos em troca de peles, em transformação, em desnudamentos.

    Movimentando entendimentos sobre a diversidade de corpos, pelas infinitas possibilidades do ser, e por tudo que ainda precisa ser discutido sobre padrões vigentes em nossa sociedade.

    Peles que escamam ao longo da cena, revelando histórias, corpos e experiências de vida das quatro dançarinas do elenco. Criado em 2012, o espetáculo foi recriado em 2016, com nova pele, novas vestes e novos desnudamentos em cena, ampliando o mergulho experimentado na montagem anterior.

    12/09 | 20h | Salão Social | 18 anos | 01 L. de leite UHT

     

    PARA MENORES, COM ELKA VICTORINO (MT)

    Experiências como professora de dança do Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o início de um processo de construção cênica em dança da bailarina Elka Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a contaminação dos corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos, a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As práticas de jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. As vivências, encarnadas em muitos contrastes, criaram um ambiente antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura dos corpos daqueles jovens, mudando para o lugar da cena, o que antes estava em jaula.

    14/09 | 20h | Teatro de Formas Animadas | 16 anos | 1 Litro de leite UHT

12/09

19:00

SESSÕES DE CINEMA - ALDEIA GUANÁ 2018 - Arsenal - Cinema
  • NUNCA ME SONHARAM - DIREÇÃO CACAU RHODEN

    Nunca Me Sonharam nos convida ao diálogo sobre a realidade do ensino médio nas escolas públicas do Brasil. Na voz de estudantes, gestores, professores e especialistas, o filme questiona: como nós, enquanto sociedade, estamos cuidando e valorizando a qualidade da educação oferecida aos jovens na fase mais sensível e transformadora de suas vidas?

    04/09 | 19h | Cinema | Gratuito

     

    A EDUCAÇÃO ESTÁ PROIBIDA - DIREÇÃO GERMAN DOIN

    “A Educação Está Proibida” tornou-se um fenômeno único que viajou a oito países e documentou 45 experiências educativas não-convencionais. O filme mostra a história ainda não contada sobre a necessidade latente de novas formas de educação.

    11/09 | 19h | Cinema | Gratuito

     

    SEMENTES DO NOSSO QUINTAL - DIREÇÃO FERNANDA HEINZ FIGUEREDO

    O filme retrata o cotidiano de uma escola de educação infantil sem precedentes que, através do pensamento-em-ação de sua idealizadora, a controversa e carismática educadora Therezita Pagani, nos revela o potencial estruturante da educação infantil verdadeira, firme e sensível.

    Somos levados a uma escola onde a criança está acima de métodos e fórmulas de se educar. Onde natureza, música, arte, conflitos, magia e cultura popular regem o encontro das crianças, que convivem diariamente entre diferentes faixas etárias.

    12/09 | 19h | Cinema | Gratuito

12/09

19:00

MESA - ALDEIA GUANÁ 2018 - Arsenal - Teatro de Formas Animadas
  • CINEMA COMO PROCESSO EDUCATIVO E EMANCIPATÓRIO,COM BETE BULLARA (SP) E MAURÍCIO PINTO (MT)

    Um filme pode ser encarado "apenas" como um objeto ou enquanto a marca final de um processo criativo. De acordo com este último sentido, o cinema não poder ser apreendido sem que o "fazer" esteja presente. Seria precisamente esta dimensão do processo de aprendizado aquela capaz de estimular a imaginação e reforçar a autoconfiança, engajando os alunos em seu próprio processo emancipatório. Inúmeras são as experiências que se valem desta pedagogia intrínseca ao fazer cinematográfico, e esta mesa propõe o diálogo com algumas delas.

    Bete Bullara é formada em Cinema pela UFF, fotógrafa, curadora de mostra e festivais, secretária executiva do Cineduc, dedica-se à área de Cinema e Educação desde 1975

    Maurício Rodrigues formado em Radialismo pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e tem atuado no audiovisual estadual como diretor, produtor e assistente de fotografia e arte. Dirigiu o curta “PANDORGA (2016)” e o documentário “Guardinha (2014)”. Ativo no audiovisual ministrou oficinas de fotografia e iluminação para cinema em parceria com o Sesc e com o Cineclube Coxiponés.

    05/09 | 19h | Cinema | 1 L. de leite UHT | Livre | Público de interesse: professores , educadores, cineastas, estudante e Trabalhador do Comércio

     

    CONFEITARIA HUMANA: A ARTE DE COMPARTILHAR, COM ALLAN VELASQUE (MT)

    Confeitaria Humana busca debater a respeito da história da confeitaria depois da descoberta do sorvete no século 13. Desde sempre a confeitaria foi baseada na criatividade e utilização dos insumos mais simples e locais, em partes pela influência das guerras e em partes pela influência das crises na era medieval. Boa parte do que consumimos hoje começou pelas mãos de gente pobre que precisava usar poucos insumos disponíveis para uma enorme variedade de receitas. Nos dias de hoje temos “glamourizado” o termo gourmet, quando, na verdade, este termo tem a ver com cozinheiros e confeiteiros que faziam produtos em casa, com matérias primas plantadas por eles, via de regra eram negócios familiares de famílias de classe baixa. Portanto, precisamos falar da humanidade por trás do ato de comer e entender que elitização da confeitaria moderna não deve menosprezar suas raízes.

    Ministrante: Allan Dias Velasque, Relações Públicas, atuou com marketing por dez anos e atualmente empreende no Food Service. É mestre sorveteiro da Matteo Gelato Criativo, uma marca que produz sorvetes artesanais, com técnica italiana, inspirada na inovação, criatividade, espírito jovem e bem estar.

    06/09 |19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT

     

    MEMÓRIA CORPORAL: MOVIMENTOS IMPREGNADOS, COM FERNANDA FRANDSEN (MT), CYBELLI BUSSIKI (MT), CLODOALDO ARRUDA (MT) E DOMINGAS LEONOR (MT)

    Não se tem conhecimento ainda hoje, de pesquisas ou publicações bibliográficas acerca da história do ensino de dança em Cuiabá, tão pouco em Mato Grosso. As múltiplas modalidades trazem consigo múltiplas histórias da dança, e com elas a necessidade de resgatar essa memória e iniciar-se um diálogo acerca das histórias das danças em Mato Grosso. Para tanto, convidamos três precursoras da dança para compartilhar suas memórias sobre as danças em Cuiabá no século XX. Das danças clássicas a danças popular busca-se resgatar histórias do ensino de arte e cultura, especialmente das danças em Cuiabá nas décadas de 70, 80 e 90.

    07/09 | 19h | Teatro | 01 L. de leite UHT

     

    ARTE E EDUCAÇÃO MUSICAL, COM CARLOS KATER (SP) E ESTELA CEREGATTI (MT)

    Carlos Kater é educador, musicólogo e compositor. Doutor pela Universidade de Paris IV – Sorbonne e Professor Titular pela Escola de Música da Universidade Federal de Minas Gerais. Editou durante vários anos as revistas Cadernos de Estudo: Análise Musical e Cadernos de Estudo: Educação Musical que se tornaram referências na vida acadêmica brasileira. Professor Colaborador do Curso de Pós-Graduação em Música, da ECA/USP, atua como conferencista, consultor e professor, ministrando cursos e oficinas dirigidas à "Formação Musical Inventiva" com foco no desenvolvimento humano.

    11/09 | 19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT | Público de interesse professores , educadores musicais e interessados (Trabalhador do Comércio)

     

    EDUCAÇÃO EM ARTES VISUAIS

    A proposta da mesa é apresentar relatos de Arte e Educação Visual realizada em diversas instituições, sendo esses relatos incentivadores de práticas cotidianas para instituições e escolas da rede pública e privada.

    Representação do Sesc SP

    Prof° Dr° Imara Quadros - docente de artes do Instituto Federal do Estado de Mato Grosso - Campus Cuiabá - Octayde Jorge da silva

    Representação da Universidade Estadual de Mato Grosso – UNEMAT - Curso de Licenciatura em Artes Visuais.

    Elisabete Regina Rossetto, Coordenadora Universidade Aberta do Brasil (UAB) Polo Cuiabá

    12/09 | 19h | Teatro de Formas Animadas | 01 L. de leite UHT

12/09

20:00

ESPETÁCULOS - ALDEIA GUANÁ 2018 - Arsenal - Salão Social
  • RUAS ABERTAS, TEATRO DO CONCRETO (DF)

    Ruas Abertas é um conjunto de intervenções cênicas realizadas em faixas de pedestres, terminais rodoviários e áreas de grande movimentação nas cidades. As ações, imagens e proposições dos atores partem do tema amor e abandono para estabelecer um diálogo com esses espaços, transeuntes e motoristas. Não há uma narrativa, são fragmentos poéticos lançados no asfalto e que convidam o espectador do cotidiano a estabelecer redes de sentido.

    Duração: 60 minutos

    05/09 | 16h30 | Cruzamento Av. Prainha com Av. Isaac Póvoas, Cuiabá | Gratuito

     

    EXETINA KOPENOTY – HISTÓRIAS INDÍGENAS, ALICCE OLIVEIRA (MT)

    O espetáculo traz histórias da criação do mundo, a experiência dos animais, cantos no idioma Terena, manipulação de bonecos, uso de máscaras e paisagem sonora. Seu texto foi construído a partir de mitos do povo Terena e retirados de obras literárias escritas por pesquisadores, além de relatos e informações obtidas no decorrer da montagem da produção.

    Duração: 50 minutos

    09/09 | 19h | Teatro | Gratuito | Livre

     

    “TODO MÊS SANGRA”, COM TEATRO EXPERIMENTAL DE ALTA FLORESTA (MT)

    Uma mulher num momento de recortes, colagens e lembranças entorno de diálogos, que lhe permitem questionar e ressignificar sua vida de mulher na contemporaneidade. A poesia está em ser mulher e respeitada por isso.

    Nesta encenação, através da dança, a violência contra a mulher é o mote apontado em agressões físicas diretas e agressões silenciosas. TODO MÊS SANGRA alerta a distinção entre realidade ficcional e proximal. Por conotação, entre vida e jogo, entre realidade e representação. Dançar para uma perspectiva de respeito.

    11/09 | 20h | Salão Social | 16 anos | 1 L. de leite UHT

     

    “SEGUNDA PELE”, COM COLETIVO LUGAR COMUM (PE)

    Quantas peles habitam nosso corpo? Pêlo, casca, casa, cidade, olhar, pudor, prazer, cortes, avessos, toques, sorrisos, sons, leite, vento, chuva, memórias. O espetáculo Segunda Pele leva para cena corpos em troca de peles, em transformação, em desnudamentos.

    Movimentando entendimentos sobre a diversidade de corpos, pelas infinitas possibilidades do ser, e por tudo que ainda precisa ser discutido sobre padrões vigentes em nossa sociedade.

    Peles que escamam ao longo da cena, revelando histórias, corpos e experiências de vida das quatro dançarinas do elenco. Criado em 2012, o espetáculo foi recriado em 2016, com nova pele, novas vestes e novos desnudamentos em cena, ampliando o mergulho experimentado na montagem anterior.

    12/09 | 20h | Salão Social | 18 anos | 01 L. de leite UHT

     

    PARA MENORES, COM ELKA VICTORINO (MT)

    Experiências como professora de dança do Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o início de um processo de construção cênica em dança da bailarina Elka Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a contaminação dos corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos, a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As práticas de jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. As vivências, encarnadas em muitos contrastes, criaram um ambiente antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura dos corpos daqueles jovens, mudando para o lugar da cena, o que antes estava em jaula.

    14/09 | 20h | Teatro de Formas Animadas | 16 anos | 1 Litro de leite UHT

12/09

20:00

ESPETÁCULOS - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Teatro
  • A FÁBRICA DE BRINQUEDOS, COM TEATRO FACES JOVEM
    O Musical “A Fábrica de Brincadeiras” faz uma viagem pelas cantigas de rodas e os causos repassados através da oralidade de geração para geração nas cidades garimpeiras de Mato Grosso. Marcada, principalmente, pela imigração nordestina que faziam os migrantes acreditarem estar diante de um novo Eldorado e partissem para trabalhos que lhes custavam horas a fio, deixando para as crianças as brincadeiras no meio da rua, aprendidas não se sabe onde e nem quando.
    05/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Livre | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
    IN-PRÓPRIO PARA DINOSSAUROS, COM IN-PROPRIO COLETIVO (CUIABÁ-MT)
    A partir da escuta da trajetória de vida de mulheres que se colocaram a pensar essas questões, o In-Próprio Coletivo propõe uma obra que alia a aproximação entre as narrativas autobiográficas e o exercício autoficcional. O impulso vital desse projeto é produzir uma ode à desobediência dos códigos jurássicos que insistem em dizer sobre quem somos e o que desejamos.
    05/09 | 20h | Teatro | 01 L. de Leite UHT | 16 anos
     
    ‘‘NO QUINTAL, O MUNDO!”, COM CIA SOLTA (CUIABÁ-MT)
    É a história do encontro de esperas, saudades e aventuras entre um homem que, aos pés de uma árvore solitária de mil frutos, espera parado e de um menino que, sempre parado, espera brincando. Em um espetáculo desenvolvido para crianças de todas as idades, um ambiente lúdico recheado de simbolismo que passeia por todos os elementos da peça, traz a possibilidade de um encontro do público com a singeleza das histórias vividas por todos nós.
    06/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
     “PARA MENORES’’, COM  ELKA VICTORINO (CUIABÁ-MT)
    As experiências como professora de dança no Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o processo de construção do espetáculo “PARA MENORES”, com a bailarina Elka Moura Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a criação de uma rede de relações entre os corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos e a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As experiências vividas com jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. Um processo antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura daqueles jovens, ampliou o território da autoficção, mudando para a cena, o que antes habitava em jaula.
    06/09 | 20h | Teatro (plateia limitada) | 01 L. de leitte UHT | 16 anos
     
     “COMUM DE DOIS: RUA VITÓRIA, 281” – RIVER BOO (RONDONÓPOLIS –MT)
    O que é ser Drag Queen em solo mato-grossense? Em um momento de explosão cultural, em que a arte drag queen se faz presente em diversos meios midiáticos, ainda existe diversas questões a serem discutidas com muita delicadeza, questões essas que faz parte de um “Comum de dois: Rua Vitória, 281”. Assim, River Boo abre as portas para receber o público em um processo que visa mostrar de forma simples e objetiva os nascimentos. Quem acredita que nas coisas há memórias, coloca o dedo aqui! Sem abrir mão do humor e vivenciando as lembranças o processo trabalha pelo rompimento da norma e de quem aceitar o convite.
    07/09 | 18h | Teatro | 01 L. de leitte UHT | 16 anos

    “ELES NÃO USAM TÊNIS NAIQUE”
    Ambientado em uma favela do Rio de Janeiro, este espetáculo narra o reencontro de um pai e uma filha que não se viam há muitos anos. Ele foi traficante nos anos 1980, quando o comércio ilegal de drogas ainda mantinha um vínculo moral com a comunidade. Ela é uma jovem traficante nos dias atuais. O espetáculo gira em torno de um embate ideológico entre os dois personagens, representados em cena por quatro atores que se alternam sucessivamente nos dois papeis, num jogo cênico em que nenhuma posição é fixa e onde a ficção está sempre sob o risco da realidade.
    08/09 | 18h | Teatro | 01 L. de Leite UHT ou 01 livro | 14 anos

    “UM CONTO DE AMOR NORDESTINO” – TEATRO IMAGEM (CUIABÁ –MT)
    Um Conto de Amor Nordestino narra a história de amor mais atrapalhada e divertida que já se teve conhecimento em toda Maranguape. E é vinda de lá do interior de do Ceará que vocês vão conhecer Maria Jezebel: Uma moça cheia de garra e talento para administrar a sua padaria, na companhia de Arlindo Severino, seu fiel amigo; e João Lionel, seu verdadeiro amor. Os três vivem cômicas e intrigantes aventuras! Mas entre lobisomens, desencontros e atrapalhadas, o que esse trio mais quer, no final das contas, é encontrar paz, aconchego e amor. Com um rico cenário composto por quadros em xilogravura, figurinos distintos e narrativa inspirada em nossa literatura de cordel, o espetáculo propõe um diálogo de imersão na cultura popular e na riqueza cultural vinda da encantadora região nordeste de nosso país.
    09/09 | 16h30 | Parque das Águas (Cais de Rondonópolis) | 01 L. de Leite UHT | Livre
     
     
    ENTREPARTIDAS – TEATRO DO CONCRETO (BRASÍLIA–DF)
    Início da noite, a cidade se move como um complexo organismo. É hora do embarque! O público toma um ônibus e viaja pelas ruas da cidade onde conhece diversos personagens que se equilibram no fio do tempo, lembrando-nos que a vida é feita de encontros e instantes. Um espetáculo que fala, sobretudo, daquilo que é efêmero, chegadas e partidas, saudades, desejos, possibilidades, vida e morte. A viagem pela cidade como pretexto para viajar pelas ruas de si mesmo.
    11/09 | 19h30 | Embarque no Espaço Cultural (lugares limitados) | 01 L. de leite UHT | 16 anos
     
    A SALTO ALTO – CIRCO NO ATO (RIO DE JANEIRO –RJ)
    Entre gentilezas e extermínios, este espetáculo circense conta a história de sete pessoas que, ao terem acesso a outra maneira de viver, se despem de suas experiências para vestir essa outra realidade. O enredo se desenrola a partir do tensionamento entre um ambiente formal e refinado e personagens que, em sua essência, carregam a irreverência de quem precisa se reinventar e ressignificar a vida a cada instante. A fábula romântica da Cinderela é satirizada em meio a críticas ao consumismo desenfreado da nossa sociedade.
    12/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | Livre
     
    “IKIGAI” – CIRCONTATO (RONDONÓPOLIS–MT)
    No contexto de pressões vocacionais, necessidade de produção e expectativas vindas de todos os lados, uma grande angústia transborda além da cena. Se a urgência de liberdade e realização nos sufoca, como emergir?
    13/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | 12 anos

    “IMAGINARIUM” – CIA I9ART (RONDONÓPOLIS-MT)
    Todas as pessoas quando são crianças, tem um poder mágico de sonhar, que vai se perdendo conforme o tempo passa e a vida adulta chega. Imaginarium resgata o poder de sonhar e realizar seus sonhos de criança. Apresentando esse mundo está James Joshua, guardião guia dos que entrarem nesse sonho. Junto com ele estão C1, C2 e C3, três clowns com personalidades distintas, mas com uma coisa em comum: fazer muita bagunça! Entre nesse sonho junto com esses quatro personagens, para conhecer o mundo de Imaginarium.
    14/09 | 20h | 01 L. de leite UHT ou 01 livro | Livre

13/09

18:00

SESC MATERNA - Porto - Sesc Porto
  • Grupo formado por famílias que buscam informações sobre os aspectos físicos e emocionais no período gestacional, parto e pós-parto. Espaço destinado às pessoas que entendem o nascimento como um evento familiar emocionante e transformador onde vivências individuais contribuem para fortalecer o grupo como um todo.

13/09

19:00

NÚCLEO DE MEMÓRIA E PESQUISA EM ARTES CÊNICAS - Arsenal - Teatro
  • MOSTRA PROCESSO – NÚCLEO DE PESQUISA EM ARTES:

    O Núcleo de Memória e Pesquisa em Artes Cênicas em 2018 realizará sua terceira edição da Mostra de Processos Núcleo-Guaná, um espaço de fruição e diálogo a partir dos trabalhos cênicos em processo de pesquisa e montagem, e onde colocamos artistas e público em comunicação, testemunhando-se reciprocamente. Assim como nas edições anteriores, a Mostra de Processos será realizada em parceria com o laboratório prático de crítica do projeto Cena Em Questão. Neste ano, a oficina "Crítica-etc" é ministrada por Carlinhos Santos, historiador, comunicador e crítico.

    Venha conferir a programação da mostra e ser um agente criador, e não apenas aquele que contempla a obra como resultado do processo!


    ENCARDIDO, COLETIVO ATRO (MT)

    Sinopse: Espetáculo performativo Encardidos tem como objetivo principal mostrar as marcas e as feridas presentes nas pessoas negras e como elas se reverberam até os dias atuais. O projeto nasce a partir das experiências vivenciadas pelos integrantes do coletivo. Duração: 30 minutos.

     

    TRAMANDO ÊSOPO, THEATRO FÚRIA (MT)

    Sinopse: Propõe a discussão a respeito do porquê de se narrar histórias, e a quê se destina tanto a narração quanto a própria história. Neste encontro, serão narradas algumas histórias de Êsopo, apropriadas pelo grupo que utiliza manipulação de objetos para ilustra-las. Duração: 30 minutos.

     

    CORPO QUE TRANSITO, SANDRO LUCOSE (MT)

    Sinopse: Performance concebida a partir de relatos e memórias do corpo transexual e de corpos travestis em seu estado híbrido e performativo na cena teatral contemporânea. A performance apresentada parte de tais hibridismos tanto da transexualidade quanto das linguagens artísticas, para centrar-se nos devires trans e performer. Duração: 30 minutos.


    13/09 | 19h (distribuição única de convites, às 18h, para acompanhar os três trabalhos) | Público restrito (40 lugares) | 16 anos | Todos os trabalhos são seguidos de rápidos bate-papos.

13/09

19:00

PENSAMENTO GIRATÓRIO - ALDEIA GUANÁ 2018 - Arsenal - Banco de Textos de Artes Cênicas
  • MEMÓRIA, AFETOS E DANÇA, COM COLETIVO LUGAR COMUM (PE)

    Trazemos como proposta para Pensamento Giratório discutir o entendimento do que vestimos. Quais questões nos vestem além da pele, revelando memórias e padrões culturais que atravessam nossos corpos e pensamento, propiciando também uma intensa discussão sobre gênero e identidade tão necessária em nossa sociedade de hoje. Além disso, vamos abordar uma das questões que consideramos importante em de Segunda Pele, e no funcionamento do Coletivo Lugar Comum, que é a manutenção do afeto em nosso fazer artístico. Para nós, a relação de afeto que mantemos entre os 14 integrantes do grupo e que levamos também para cena no espetáculo é um posicionamento político de mundo e de lidar com o outro, e com o público. Discutir essa questão também nos parece importante na atualidade.

    13/09 | 19h | Banco de Textos

13/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - SESC ARSENAL - Arsenal - Cinema
  • CINESESC COM EMBAIXADA DA ALEMANHA

    ESTRELA SOLITÁRIA [DON'T COME KNOCKING]

    (Wim Wenders, Alemanha, Drama, 2005, 122min.)

    Howard Spence já teve dias melhores: antes um protagonista dos westerns, agora ele só consegue papéis secundários e leva uma vida autocentrada, afogado em álcool, drogas e jovens mulheres. Quando sua mãe revela que ele tem um filho desconhecido, Howard vê nisso uma razão para remontar ao passado e, a partir daí, conviver melhor com o presente.

    06/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 14 anos

     

    LOUCEIRAS

    (Tatiana Toffoli, Brasil, Documentário, 2013, 54min.)

    Louceiras acompanha o dia a dia das últimas ceramistas do grupo étnico Kariri-Xocó que tiram do barro o sustento da família. Herdeiras de uma tradição que passa de mãe para filha, elas compartilham com seu povo o conhecimento.

    09 e 27/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC DEBATE: ARÁBIA

    (Affonso Uchoa/João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 96min.)

    Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem (Murilo Caliari) encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    13, 21 (CineSesc Debate) e 30/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 16 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Caio Cavechini/Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65min.)

    Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    14 e 23/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

     

    CINESESC: TRABALHAR CANSA

    (Juliana Rojas, Brasil, Drama/Terror, 2011, 99min.)

    A jovem dona-de-casa Helena resolve realizar um desejo antigo e abrir seu primeiro empreendimento: um mini mercado. Ela contrata a empregada doméstica Paula para tomar conta das tarefas do lar e de Vanessa, sua filha. Quando seu marido Otávio perde o emprego como gerente de uma grande corporação, as relações pessoais e de trabalho entre os três personagens sofrem uma inversão inesperada, ao mesmo tempo em que ocorrências perturbadoras passam a ameaçar os negócios de Helena.

    20 e 29/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

    CINESESC: A GENTE

    (Aly Muritiba, Brasil Documentário, 2013, 90min.)

    Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme.

    22 e 28/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 12 anos


13/09

20:00

ESPETÁCULOS - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Teatro
  • A FÁBRICA DE BRINQUEDOS, COM TEATRO FACES JOVEM
    O Musical “A Fábrica de Brincadeiras” faz uma viagem pelas cantigas de rodas e os causos repassados através da oralidade de geração para geração nas cidades garimpeiras de Mato Grosso. Marcada, principalmente, pela imigração nordestina que faziam os migrantes acreditarem estar diante de um novo Eldorado e partissem para trabalhos que lhes custavam horas a fio, deixando para as crianças as brincadeiras no meio da rua, aprendidas não se sabe onde e nem quando.
    05/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Livre | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
    IN-PRÓPRIO PARA DINOSSAUROS, COM IN-PROPRIO COLETIVO (CUIABÁ-MT)
    A partir da escuta da trajetória de vida de mulheres que se colocaram a pensar essas questões, o In-Próprio Coletivo propõe uma obra que alia a aproximação entre as narrativas autobiográficas e o exercício autoficcional. O impulso vital desse projeto é produzir uma ode à desobediência dos códigos jurássicos que insistem em dizer sobre quem somos e o que desejamos.
    05/09 | 20h | Teatro | 01 L. de Leite UHT | 16 anos
     
    ‘‘NO QUINTAL, O MUNDO!”, COM CIA SOLTA (CUIABÁ-MT)
    É a história do encontro de esperas, saudades e aventuras entre um homem que, aos pés de uma árvore solitária de mil frutos, espera parado e de um menino que, sempre parado, espera brincando. Em um espetáculo desenvolvido para crianças de todas as idades, um ambiente lúdico recheado de simbolismo que passeia por todos os elementos da peça, traz a possibilidade de um encontro do público com a singeleza das histórias vividas por todos nós.
    06/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
     “PARA MENORES’’, COM  ELKA VICTORINO (CUIABÁ-MT)
    As experiências como professora de dança no Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o processo de construção do espetáculo “PARA MENORES”, com a bailarina Elka Moura Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a criação de uma rede de relações entre os corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos e a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As experiências vividas com jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. Um processo antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura daqueles jovens, ampliou o território da autoficção, mudando para a cena, o que antes habitava em jaula.
    06/09 | 20h | Teatro (plateia limitada) | 01 L. de leitte UHT | 16 anos
     
     “COMUM DE DOIS: RUA VITÓRIA, 281” – RIVER BOO (RONDONÓPOLIS –MT)
    O que é ser Drag Queen em solo mato-grossense? Em um momento de explosão cultural, em que a arte drag queen se faz presente em diversos meios midiáticos, ainda existe diversas questões a serem discutidas com muita delicadeza, questões essas que faz parte de um “Comum de dois: Rua Vitória, 281”. Assim, River Boo abre as portas para receber o público em um processo que visa mostrar de forma simples e objetiva os nascimentos. Quem acredita que nas coisas há memórias, coloca o dedo aqui! Sem abrir mão do humor e vivenciando as lembranças o processo trabalha pelo rompimento da norma e de quem aceitar o convite.
    07/09 | 18h | Teatro | 01 L. de leitte UHT | 16 anos

    “ELES NÃO USAM TÊNIS NAIQUE”
    Ambientado em uma favela do Rio de Janeiro, este espetáculo narra o reencontro de um pai e uma filha que não se viam há muitos anos. Ele foi traficante nos anos 1980, quando o comércio ilegal de drogas ainda mantinha um vínculo moral com a comunidade. Ela é uma jovem traficante nos dias atuais. O espetáculo gira em torno de um embate ideológico entre os dois personagens, representados em cena por quatro atores que se alternam sucessivamente nos dois papeis, num jogo cênico em que nenhuma posição é fixa e onde a ficção está sempre sob o risco da realidade.
    08/09 | 18h | Teatro | 01 L. de Leite UHT ou 01 livro | 14 anos

    “UM CONTO DE AMOR NORDESTINO” – TEATRO IMAGEM (CUIABÁ –MT)
    Um Conto de Amor Nordestino narra a história de amor mais atrapalhada e divertida que já se teve conhecimento em toda Maranguape. E é vinda de lá do interior de do Ceará que vocês vão conhecer Maria Jezebel: Uma moça cheia de garra e talento para administrar a sua padaria, na companhia de Arlindo Severino, seu fiel amigo; e João Lionel, seu verdadeiro amor. Os três vivem cômicas e intrigantes aventuras! Mas entre lobisomens, desencontros e atrapalhadas, o que esse trio mais quer, no final das contas, é encontrar paz, aconchego e amor. Com um rico cenário composto por quadros em xilogravura, figurinos distintos e narrativa inspirada em nossa literatura de cordel, o espetáculo propõe um diálogo de imersão na cultura popular e na riqueza cultural vinda da encantadora região nordeste de nosso país.
    09/09 | 16h30 | Parque das Águas (Cais de Rondonópolis) | 01 L. de Leite UHT | Livre
     
     
    ENTREPARTIDAS – TEATRO DO CONCRETO (BRASÍLIA–DF)
    Início da noite, a cidade se move como um complexo organismo. É hora do embarque! O público toma um ônibus e viaja pelas ruas da cidade onde conhece diversos personagens que se equilibram no fio do tempo, lembrando-nos que a vida é feita de encontros e instantes. Um espetáculo que fala, sobretudo, daquilo que é efêmero, chegadas e partidas, saudades, desejos, possibilidades, vida e morte. A viagem pela cidade como pretexto para viajar pelas ruas de si mesmo.
    11/09 | 19h30 | Embarque no Espaço Cultural (lugares limitados) | 01 L. de leite UHT | 16 anos
     
    A SALTO ALTO – CIRCO NO ATO (RIO DE JANEIRO –RJ)
    Entre gentilezas e extermínios, este espetáculo circense conta a história de sete pessoas que, ao terem acesso a outra maneira de viver, se despem de suas experiências para vestir essa outra realidade. O enredo se desenrola a partir do tensionamento entre um ambiente formal e refinado e personagens que, em sua essência, carregam a irreverência de quem precisa se reinventar e ressignificar a vida a cada instante. A fábula romântica da Cinderela é satirizada em meio a críticas ao consumismo desenfreado da nossa sociedade.
    12/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | Livre
     
    “IKIGAI” – CIRCONTATO (RONDONÓPOLIS–MT)
    No contexto de pressões vocacionais, necessidade de produção e expectativas vindas de todos os lados, uma grande angústia transborda além da cena. Se a urgência de liberdade e realização nos sufoca, como emergir?
    13/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | 12 anos

    “IMAGINARIUM” – CIA I9ART (RONDONÓPOLIS-MT)
    Todas as pessoas quando são crianças, tem um poder mágico de sonhar, que vai se perdendo conforme o tempo passa e a vida adulta chega. Imaginarium resgata o poder de sonhar e realizar seus sonhos de criança. Apresentando esse mundo está James Joshua, guardião guia dos que entrarem nesse sonho. Junto com ele estão C1, C2 e C3, três clowns com personalidades distintas, mas com uma coisa em comum: fazer muita bagunça! Entre nesse sonho junto com esses quatro personagens, para conhecer o mundo de Imaginarium.
    14/09 | 20h | 01 L. de leite UHT ou 01 livro | Livre

14/09

13:30

INTERVENÇÃO LEITURA ITINERANTE - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Gramado do Centro Histórico
  • A intervenção “Leitura itinerante” propõe o desenvolvimento da mediação de leitura para crianças e jovens, incentivando a leitura em espaços públicos, sendo um espaço abrangente para toda a família. Especialistas contam que quanto mais cedo a criança entra em contato com os livros e com a leitura, melhor. No entanto, as experiências literárias nos primeiros anos de vida da criança dependem dos adultos — "aqueles que sabem ler" — que a rodeiam: professores, mediadores de leitura, pais e familiares. Nesse espaço se aprende a ler o livro como um todo, como o que é um ilustrador, quem é o escritor, qual a importância da editora em um livro. A intenção é possibilitar, através da mediação a descoberta de que os livros são fonte inesgotável de informações e que é uma companhia inigualável.

    14/09 | 01 L. de leite UHT | Gratuito | Livre
    13h30 às 16h30 - Local: Lar dos Idosos ou Escola Daniel (ainda em negociação devido à disponibilidade de agenda das instituições)
    17h30 às 20h30 - Local: Gramado do Centro Histórico (Casario)

14/09

19:00

NOITE DE LAZER - Rondonopolis - Concha Acústica
  • 14/09 - Da Nostalgia aos Dias Atuais , com Adriana Dias

    17/09 - Especial Samba com Grupo Filhos da Resenha e Banda Fim do Contrato


    14 e 17/09 | 19h às 22h | Concha Acústica | Entrada: 01 L. leite UHT


14/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - SESC ARSENAL - Arsenal - Cinema
  • CINESESC COM EMBAIXADA DA ALEMANHA

    ESTRELA SOLITÁRIA [DON'T COME KNOCKING]

    (Wim Wenders, Alemanha, Drama, 2005, 122min.)

    Howard Spence já teve dias melhores: antes um protagonista dos westerns, agora ele só consegue papéis secundários e leva uma vida autocentrada, afogado em álcool, drogas e jovens mulheres. Quando sua mãe revela que ele tem um filho desconhecido, Howard vê nisso uma razão para remontar ao passado e, a partir daí, conviver melhor com o presente.

    06/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 14 anos

     

    LOUCEIRAS

    (Tatiana Toffoli, Brasil, Documentário, 2013, 54min.)

    Louceiras acompanha o dia a dia das últimas ceramistas do grupo étnico Kariri-Xocó que tiram do barro o sustento da família. Herdeiras de uma tradição que passa de mãe para filha, elas compartilham com seu povo o conhecimento.

    09 e 27/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC DEBATE: ARÁBIA

    (Affonso Uchoa/João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 96min.)

    Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem (Murilo Caliari) encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    13, 21 (CineSesc Debate) e 30/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 16 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Caio Cavechini/Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65min.)

    Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    14 e 23/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

     

    CINESESC: TRABALHAR CANSA

    (Juliana Rojas, Brasil, Drama/Terror, 2011, 99min.)

    A jovem dona-de-casa Helena resolve realizar um desejo antigo e abrir seu primeiro empreendimento: um mini mercado. Ela contrata a empregada doméstica Paula para tomar conta das tarefas do lar e de Vanessa, sua filha. Quando seu marido Otávio perde o emprego como gerente de uma grande corporação, as relações pessoais e de trabalho entre os três personagens sofrem uma inversão inesperada, ao mesmo tempo em que ocorrências perturbadoras passam a ameaçar os negócios de Helena.

    20 e 29/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

    CINESESC: A GENTE

    (Aly Muritiba, Brasil Documentário, 2013, 90min.)

    Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme.

    22 e 28/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 12 anos


14/09

20:00

ESPETÁCULOS - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Teatro
  • A FÁBRICA DE BRINQUEDOS, COM TEATRO FACES JOVEM
    O Musical “A Fábrica de Brincadeiras” faz uma viagem pelas cantigas de rodas e os causos repassados através da oralidade de geração para geração nas cidades garimpeiras de Mato Grosso. Marcada, principalmente, pela imigração nordestina que faziam os migrantes acreditarem estar diante de um novo Eldorado e partissem para trabalhos que lhes custavam horas a fio, deixando para as crianças as brincadeiras no meio da rua, aprendidas não se sabe onde e nem quando.
    05/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Livre | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
    IN-PRÓPRIO PARA DINOSSAUROS, COM IN-PROPRIO COLETIVO (CUIABÁ-MT)
    A partir da escuta da trajetória de vida de mulheres que se colocaram a pensar essas questões, o In-Próprio Coletivo propõe uma obra que alia a aproximação entre as narrativas autobiográficas e o exercício autoficcional. O impulso vital desse projeto é produzir uma ode à desobediência dos códigos jurássicos que insistem em dizer sobre quem somos e o que desejamos.
    05/09 | 20h | Teatro | 01 L. de Leite UHT | 16 anos
     
    ‘‘NO QUINTAL, O MUNDO!”, COM CIA SOLTA (CUIABÁ-MT)
    É a história do encontro de esperas, saudades e aventuras entre um homem que, aos pés de uma árvore solitária de mil frutos, espera parado e de um menino que, sempre parado, espera brincando. Em um espetáculo desenvolvido para crianças de todas as idades, um ambiente lúdico recheado de simbolismo que passeia por todos os elementos da peça, traz a possibilidade de um encontro do público com a singeleza das histórias vividas por todos nós.
    06/09 | 09h | Teatro | Gratuito | Para agend. de grupos e Informações: (66) 3411-1491/1484  ou pelo e-mail culturarondonopolis@sescmt.com.br
     
     “PARA MENORES’’, COM  ELKA VICTORINO (CUIABÁ-MT)
    As experiências como professora de dança no Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o processo de construção do espetáculo “PARA MENORES”, com a bailarina Elka Moura Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a criação de uma rede de relações entre os corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos e a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As experiências vividas com jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. Um processo antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura daqueles jovens, ampliou o território da autoficção, mudando para a cena, o que antes habitava em jaula.
    06/09 | 20h | Teatro (plateia limitada) | 01 L. de leitte UHT | 16 anos
     
     “COMUM DE DOIS: RUA VITÓRIA, 281” – RIVER BOO (RONDONÓPOLIS –MT)
    O que é ser Drag Queen em solo mato-grossense? Em um momento de explosão cultural, em que a arte drag queen se faz presente em diversos meios midiáticos, ainda existe diversas questões a serem discutidas com muita delicadeza, questões essas que faz parte de um “Comum de dois: Rua Vitória, 281”. Assim, River Boo abre as portas para receber o público em um processo que visa mostrar de forma simples e objetiva os nascimentos. Quem acredita que nas coisas há memórias, coloca o dedo aqui! Sem abrir mão do humor e vivenciando as lembranças o processo trabalha pelo rompimento da norma e de quem aceitar o convite.
    07/09 | 18h | Teatro | 01 L. de leitte UHT | 16 anos

    “ELES NÃO USAM TÊNIS NAIQUE”
    Ambientado em uma favela do Rio de Janeiro, este espetáculo narra o reencontro de um pai e uma filha que não se viam há muitos anos. Ele foi traficante nos anos 1980, quando o comércio ilegal de drogas ainda mantinha um vínculo moral com a comunidade. Ela é uma jovem traficante nos dias atuais. O espetáculo gira em torno de um embate ideológico entre os dois personagens, representados em cena por quatro atores que se alternam sucessivamente nos dois papeis, num jogo cênico em que nenhuma posição é fixa e onde a ficção está sempre sob o risco da realidade.
    08/09 | 18h | Teatro | 01 L. de Leite UHT ou 01 livro | 14 anos

    “UM CONTO DE AMOR NORDESTINO” – TEATRO IMAGEM (CUIABÁ –MT)
    Um Conto de Amor Nordestino narra a história de amor mais atrapalhada e divertida que já se teve conhecimento em toda Maranguape. E é vinda de lá do interior de do Ceará que vocês vão conhecer Maria Jezebel: Uma moça cheia de garra e talento para administrar a sua padaria, na companhia de Arlindo Severino, seu fiel amigo; e João Lionel, seu verdadeiro amor. Os três vivem cômicas e intrigantes aventuras! Mas entre lobisomens, desencontros e atrapalhadas, o que esse trio mais quer, no final das contas, é encontrar paz, aconchego e amor. Com um rico cenário composto por quadros em xilogravura, figurinos distintos e narrativa inspirada em nossa literatura de cordel, o espetáculo propõe um diálogo de imersão na cultura popular e na riqueza cultural vinda da encantadora região nordeste de nosso país.
    09/09 | 16h30 | Parque das Águas (Cais de Rondonópolis) | 01 L. de Leite UHT | Livre
     
     
    ENTREPARTIDAS – TEATRO DO CONCRETO (BRASÍLIA–DF)
    Início da noite, a cidade se move como um complexo organismo. É hora do embarque! O público toma um ônibus e viaja pelas ruas da cidade onde conhece diversos personagens que se equilibram no fio do tempo, lembrando-nos que a vida é feita de encontros e instantes. Um espetáculo que fala, sobretudo, daquilo que é efêmero, chegadas e partidas, saudades, desejos, possibilidades, vida e morte. A viagem pela cidade como pretexto para viajar pelas ruas de si mesmo.
    11/09 | 19h30 | Embarque no Espaço Cultural (lugares limitados) | 01 L. de leite UHT | 16 anos
     
    A SALTO ALTO – CIRCO NO ATO (RIO DE JANEIRO –RJ)
    Entre gentilezas e extermínios, este espetáculo circense conta a história de sete pessoas que, ao terem acesso a outra maneira de viver, se despem de suas experiências para vestir essa outra realidade. O enredo se desenrola a partir do tensionamento entre um ambiente formal e refinado e personagens que, em sua essência, carregam a irreverência de quem precisa se reinventar e ressignificar a vida a cada instante. A fábula romântica da Cinderela é satirizada em meio a críticas ao consumismo desenfreado da nossa sociedade.
    12/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | Livre
     
    “IKIGAI” – CIRCONTATO (RONDONÓPOLIS–MT)
    No contexto de pressões vocacionais, necessidade de produção e expectativas vindas de todos os lados, uma grande angústia transborda além da cena. Se a urgência de liberdade e realização nos sufoca, como emergir?
    13/09 | 20h | Teatro | 01 L. de leite UHT | 12 anos

    “IMAGINARIUM” – CIA I9ART (RONDONÓPOLIS-MT)
    Todas as pessoas quando são crianças, tem um poder mágico de sonhar, que vai se perdendo conforme o tempo passa e a vida adulta chega. Imaginarium resgata o poder de sonhar e realizar seus sonhos de criança. Apresentando esse mundo está James Joshua, guardião guia dos que entrarem nesse sonho. Junto com ele estão C1, C2 e C3, três clowns com personalidades distintas, mas com uma coisa em comum: fazer muita bagunça! Entre nesse sonho junto com esses quatro personagens, para conhecer o mundo de Imaginarium.
    14/09 | 20h | 01 L. de leite UHT ou 01 livro | Livre

14/09

20:00

ESPETÁCULOS - ALDEIA GUANÁ 2018 - Arsenal - Teatro de Formas Animadas
  • RUAS ABERTAS, TEATRO DO CONCRETO (DF)

    Ruas Abertas é um conjunto de intervenções cênicas realizadas em faixas de pedestres, terminais rodoviários e áreas de grande movimentação nas cidades. As ações, imagens e proposições dos atores partem do tema amor e abandono para estabelecer um diálogo com esses espaços, transeuntes e motoristas. Não há uma narrativa, são fragmentos poéticos lançados no asfalto e que convidam o espectador do cotidiano a estabelecer redes de sentido.

    Duração: 60 minutos

    05/09 | 16h30 | Cruzamento Av. Prainha com Av. Isaac Póvoas, Cuiabá | Gratuito

     

    EXETINA KOPENOTY – HISTÓRIAS INDÍGENAS, ALICCE OLIVEIRA (MT)

    O espetáculo traz histórias da criação do mundo, a experiência dos animais, cantos no idioma Terena, manipulação de bonecos, uso de máscaras e paisagem sonora. Seu texto foi construído a partir de mitos do povo Terena e retirados de obras literárias escritas por pesquisadores, além de relatos e informações obtidas no decorrer da montagem da produção.

    Duração: 50 minutos

    09/09 | 19h | Teatro | Gratuito | Livre

     

    “TODO MÊS SANGRA”, COM TEATRO EXPERIMENTAL DE ALTA FLORESTA (MT)

    Uma mulher num momento de recortes, colagens e lembranças entorno de diálogos, que lhe permitem questionar e ressignificar sua vida de mulher na contemporaneidade. A poesia está em ser mulher e respeitada por isso.

    Nesta encenação, através da dança, a violência contra a mulher é o mote apontado em agressões físicas diretas e agressões silenciosas. TODO MÊS SANGRA alerta a distinção entre realidade ficcional e proximal. Por conotação, entre vida e jogo, entre realidade e representação. Dançar para uma perspectiva de respeito.

    11/09 | 20h | Salão Social | 16 anos | 1 L. de leite UHT

     

    “SEGUNDA PELE”, COM COLETIVO LUGAR COMUM (PE)

    Quantas peles habitam nosso corpo? Pêlo, casca, casa, cidade, olhar, pudor, prazer, cortes, avessos, toques, sorrisos, sons, leite, vento, chuva, memórias. O espetáculo Segunda Pele leva para cena corpos em troca de peles, em transformação, em desnudamentos.

    Movimentando entendimentos sobre a diversidade de corpos, pelas infinitas possibilidades do ser, e por tudo que ainda precisa ser discutido sobre padrões vigentes em nossa sociedade.

    Peles que escamam ao longo da cena, revelando histórias, corpos e experiências de vida das quatro dançarinas do elenco. Criado em 2012, o espetáculo foi recriado em 2016, com nova pele, novas vestes e novos desnudamentos em cena, ampliando o mergulho experimentado na montagem anterior.

    12/09 | 20h | Salão Social | 18 anos | 01 L. de leite UHT

     

    PARA MENORES, COM ELKA VICTORINO (MT)

    Experiências como professora de dança do Sistema Socioeducativo de Cuiabá impulsionaram o início de um processo de construção cênica em dança da bailarina Elka Victorino. A imersão em uma “cultura de cadeia” possibilitou a contaminação dos corpos da bailarina e dos adolescentes, num processo rico em afetos. O ambiente de conflitos, a tensão de uma prática relacional produziram faíscas para a criação em dança. As práticas de jovens encarcerados foram fagocitadas, digeridas e transformadas em alimento para a produção de partituras coreográficas em “Para Menores”. As vivências, encarnadas em muitos contrastes, criaram um ambiente antropofágico, no qual a bailarina se alimentou da cultura dos corpos daqueles jovens, mudando para o lugar da cena, o que antes estava em jaula.

    14/09 | 20h | Teatro de Formas Animadas | 16 anos | 1 Litro de leite UHT

15/09

08:00

CONHECENDO O ARTESÃO - Casa do Artesão - Sesc Casa do Artesão
  • O artesanato conta a história de uma região, suas tradições, cultura e costumes. Através dele a memória imaterial de um povo é mantida, seu modo de ser, fazer e viver. E quem melhor do que os próprios artesãos para contar sobre suas técnicas e trabalhos? Com esse intuito, o Sesc Casa do Artesão traz aos sábados um artista para produzir e mostrar seu trabalho ao público. Venha e conheça um pouco mais do artesanato de Mato Grosso.

    01/09 – Demerval Valeriano

    15/09 – Micheli Sierra

    22/09 – Ilma Divina

    29/09 – Deise Fátima

15/09

11:30

RESTAURANTE SESC BALNEÁRIO - Balneário - Sesc Balneário
  • SÁBADO (22/09):

     

    SALADAS:

    Mix de Alface

    Salada de Tomate com Pepino

    Rúcula com Tomate Seco

    Mix de Vetais

    Farfalle Especial

     

    MOLHOS:

    Vinagrete

    Alho

     

    PRATOS QUENTES:

    Feijoada

    File a Milanesa

    Couve Refogada

    Purê de Batata

    Arroz Branco

    Feijão

     

    SOBREMESA

    Creme de Coco com Chocolate

     

     

     

    DOMINGO (22/09):

    SALADAS:

    Mix de Alface

    Salada de Tomate com Pepino

    Rúcula com Tomate Seco

    Grão de Bico com Tomate

    Acelga com Abacaxi

     

    MOLHOS:

    Vinagrete

    Alho

     

    PRATOS QUENTES:

    Strogonoff de Carne

    Frango Assado com Batata

    Farofa de Alho com Bacon

    Brócolis ao Creme Branco

    Arroz Branco

    Feijão

     

    SOBREMESA

    Creme de Coco com Chocolate

     

     

    HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO:

    Sáb., Dom. e Feriados: 11h30 às 14h30 ou até a capacidade máxima de 430 refeições/dia.

     

    VALORES POR QUILO:

    Trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo e dependentes: R$ 18,00

    Público geral: R$ 35,00

     

    Obs.: O cardápio poderá sofrer alterações sem aviso prévio.

15/09

14:00

OVERDOZE - ALDEIA GUANÁ - Arsenal - Jardim
  • OVERDOZE

    14h - Jardim - Oficinas De Artes Visuais / Atividades Recreativas

    15h - Jardim - Atividades Recreativas

    16h - Palco Mangueira - Um Conto De Amor Nordestino (MT)

    17h - Jardim - Performance Ruth Albernaz (MT)

    17h30 - Jardim - Zumba - Sesc Porto

    18h - Palco Mangueira - Conto Exetina Kopenoty - Histórias Indígenas  Com Alicce Oliveira (MT)

    18h - Teatro - Se Eu Fosse IracemacCom 1comum Coletivo (RJ)

    19h - Palco Principal - Dança Flor do Campo e Convidados (MT)

    20h - Palco Mangueira - Circo Cabaré? Cia do Relativo (SP)

    21h - Palco Principal - Luth Peixoto E Banda (MT)

    21h45 - Palco Principal - Deize Aguena E Roda De Samba (MT)

    22h30 - Palco Principal - Vera & Zuleika (MT)

    23h15 - Palco Principal - Zabumba Beat (MT)

    24h- Palco Principal - Trio Trinca Brasil (DF)

    01h - Palco Principal - Nega Lu (MT)

     

    + Casa do Artesão, Intervenções Artísticas e Fusca Sebo

     


15/09

17:00

OVER6 - ALDEIA ROSA BORORO 2018 - Rondonopolis - Sesc Rondonópolis
  • Pela primeira vez, o Sesc Rondonópolis promove o OVER 6 - 6 horas de programação de cultura e lazer sem parar - realizado no teatro e no estacionamento da unidade, encerrando a programação da Aldeia Rosa Bororo de Arte e Cultura. Além da programação, também terá comidas e bebidas à venda, brincadeiras e muito mais!

    15/09 | 17h às 23h | Teatro e estacionamento do Sesc |Entrada: 01 L. de leite UHT ou 01 livro


    17h às 19h - Oficina de brinquedos ópticos e circenses, jogos gigantes, massagens com a Associação dos Deficientes Visuais de Rondonópolis e tapete literário  – Classificação Livre

    17h às 18h - Intervenção “Caixas de Lambe–Lambe”, com Coletivo Caixas no Caminho (Cuiabá-MT) – Classificação Livre

    19h - Espaço Astronômico  – Classificação Livre

    19h - Intervenção “Círculo de Mulheres”, com Thereza Helena, Juliana Graziela e Maria Clara (Cuiabá-MT)  – Classificação Livre

    19h - Show Chegança, com Katy Ribeiro e Banda (Rio de Janeiro –RJ)  – Classificação Livre

    20h -  Espetáculo “Segunda Pele”, com Coletivo Lugar Comum (Recife – PE) – Classificação 18 anos

    20h - Espetáculo Fios de Mentira, com Cia Art' Arteiros (Rondonópolis-MT)  – Classificação Livre

    21h - Espetáculo “Somente por amor”, com Caipiras Unidos (Rondonópolis–MT)  – Classificação Livre

    22h - Show O Caminho, com a Banda Salomanos (Cuiabá –MT)  – Classificação Livre



16/09

08:00

APRENDENDO A VIVER SAUDÁVEL - MERCADO DO PORTO - Porto - Sesc Porto
  • O Sesc oferece ao público local atividades educativas, nutricionais e recreativas tais como: aferição de pressão, teste de glicemia, avaliação e orientações nutricionais, orientações de saúde bucal, oficinas e jogos recreativos visando à promoção em saúde e lazer . Além de um saboroso caldo!

16/09

08:00

OFICINA- SEGUNDA PELE, COM CIA LUGAR COMUM - Rondonopolis - Sala de Dança
  • Quais as peles que nos contornam? O que veste o espaço além do corpo? Que sons podemos captar a partir do movimento das roupas sobre um corpo dançante? Que desenhos a vestimenta imprime no ambiente compartilhado entre a presença e o ar? Como a nossa pele, o nosso corpo e o outro reagem ao contato? A memória também é uma roupa que usamos? Tecido, costura, cor, vento, textura, raízes, asas, o que tudo isso provoca da superfície ao avesso?

    As artistas do Coletivo Lugar Comum, através desta oficina, vão desenvolver junto aos participantes a vivência de exercícios experimentados no processo de criação que levou à concepção do espetáculo Segunda Pele. São práticas corporais que acordam memórias, histórias, raízes, desnudando novas e antigas percepções, olhares, toques, descobrindo peles e vestes que acompanham cada corpo vivo em movimento humano, do mundo ao dentro, da casa ao outro.

    16/09 | 08h às 12h e das 14h às 18h | Sala de Dança | 18 anos

     

16/09

11:30

RESTAURANTE SESC BALNEÁRIO - Balneário - Sesc Balneário
  • SÁBADO (22/09):

     

    SALADAS:

    Mix de Alface

    Salada de Tomate com Pepino

    Rúcula com Tomate Seco

    Mix de Vetais

    Farfalle Especial

     

    MOLHOS:

    Vinagrete

    Alho

     

    PRATOS QUENTES:

    Feijoada

    File a Milanesa

    Couve Refogada

    Purê de Batata

    Arroz Branco

    Feijão

     

    SOBREMESA

    Creme de Coco com Chocolate

     

     

     

    DOMINGO (22/09):

    SALADAS:

    Mix de Alface

    Salada de Tomate com Pepino

    Rúcula com Tomate Seco

    Grão de Bico com Tomate

    Acelga com Abacaxi

     

    MOLHOS:

    Vinagrete

    Alho

     

    PRATOS QUENTES:

    Strogonoff de Carne

    Frango Assado com Batata

    Farofa de Alho com Bacon

    Brócolis ao Creme Branco

    Arroz Branco

    Feijão

     

    SOBREMESA

    Creme de Coco com Chocolate

     

     

    HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO:

    Sáb., Dom. e Feriados: 11h30 às 14h30 ou até a capacidade máxima de 430 refeições/dia.

     

    VALORES POR QUILO:

    Trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo e dependentes: R$ 18,00

    Público geral: R$ 35,00

     

    Obs.: O cardápio poderá sofrer alterações sem aviso prévio.

17/09

15:00

QUEBRA TORTO - MÓDULO REGIÃO CENTRO-OESTE - Porto - Sesc Porto
  • 03/09 - MOJICA DE PINTADO

    10/09 - BOLO DE ARROZ CUIABANO

    17/09 - MARIA ISABEL

    24/09 - FURRUNDU

18/09

18:00

MINICURSO CIBERLITERATURA NA ESCOLA, COM ALICE SILVEIRA - Arsenal - Banco de Textos de Artes Cênicas

  • A ciberliteratura é um tipo de literatura relativamente recente e pouco conhecido. Entretanto, o meio em que ocorre, o digital, é de fácil acesso a jovens brasileiros, visto que a maioria deles possui um dispositivo eletrônico com acesso à internet, na maioria das vezes um aparelho de celular. Este minicurso visa apresentar a ciberliteratura e discutir possibilidades de seu uso em sala de aula para produção de saberes, levando em consideração que a tecnologia é largamente aceita por alunos da educação básica e, dessa forma, pode vir a ser uma grande aliada do professor em sala de aula.
    OBS.: Sugere-se que os participantes tragam seus celulares para o minicurso.

    Professora: Alice Garcia Silveira
    É mestranda em Estudos Literários no Programa de Pós-Graduação de Estudos de Linguagem da Universidade Federal de Mato Grosso, onde estuda ciberliteratura. Licenciada em Letras/Inglês e Português e suas Respectivas Literaturas pela mesma universidade, foi professora de inglês do Curso de Extensão do Instituto de Linguagens dessa universidade e tutora do curso de Letras/Inglês da Universidade Aberta do Brasil/UFMT.


    Inscreva-se gratuitamente pelo link:

18/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - RONDONÓPOLIS - Rondonopolis - Teatro
  • ARÁBIA

    (Direção: Affonso Uchoa, João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 97 min)

    Sinopse: Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    18/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 16 anos

     

    DOMÉSTICAS

    (Direção: Gabriel Mascaro, Brasil, Documentário, 2012, 72 min)

    Sinopse: Sete adolescentes assumem a missão de registrar por uma semana a sua empregada doméstica e entregar o material bruto para o diretor realizar um filme com essas imagens. Entre o choque da intimidade, as relações de poder e a performance do cotidiano, o filme lança um olhar contemporâneo sobre o trabalho doméstico no ambiente familiar e se transforma num potente ensaio sobre afeto e trabalho.

    20/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 10 anos

     

    A GENTE

    (Direção:  Aly Muritiba, Documentário, Brasil, 2013, 90 min)

    Sinopse: Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme. A Equipe Alfa é formada por 28 pessoas, homens e mulheres de origens e formações distintas que fazem a guarda e custódia de cerca de mil criminosos numa penitenciária Brasileira. Walkiu torna-se o chefe da equipe e espera fazer um bom trabalho. Mas percebe que suas mãos estão algemadas.

    25/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 12 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Direção: Caio Cavechini e Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65 min)

    Sinopse: Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    27/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 10 anos

19/09

17:30

SESSÃO PIPOCA SETEMBRO - RONDONÓPOLIS - Rondonopolis - Teatro
  • EU E MEU GUARDA CHUVA

    (Toni Vanzolini, Brasil, Aventura, 2010, 83min)

    Sinopse: Eugênio é um garoto de 11 anos que jamais se separa do guarda chuva herdado de seu avô. No último dia de férias ele e Cebola, seu melhor amigo, precisam entrar na sombria casa onde fica sua nova escola. O motivo é para resgatar Frida, a grande paixão de Eugênio, que foi sequestrada pelo fantasma do Barão Von Staffen.

    01/09 | 26/09 (sessão pipoca azul) | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    PORCO ROSSO

    (Hayao Miyazaki, Japão, Aventura / Fantasia, 1994, 93min.)

    Sinopse: Entre as duas guerras, caçadores de prêmios ganham a vida lutando contra os piratas do ar que aterrorizam o Mar Adriático. Um deles é Porco Rosso. Gina, uma cantora e proprietária do Hotel Adriano, não desiste de tentar convencê-lo de que vale a pena procurar a humanidade, mas Porco resiste a falar do passado e detesta o único vestígio desses tempos.

    19/09 | 29/09 (sessão pipoca azul) | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    O MENINO NO ESPELHO

    (Guilherme Fiúza Zenha, Brasil, Drama, 2013, 90min.)

    Sinopse: Belo Horizonte, anos 1930. Fernando é um garoto de 10 anos que está cansado de fazer as coisas chatas da vida. Seu sonho era criar um sósia, que ficasse com estas tarefas enquanto ele poderia se divertir à vontade. Até que, um dia, é exatamente isto que acontece, quando o reflexo de Fernando deixa o espelho e ganha vida.

    22/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

20/09

15:00

MESTRE CUCA MIRIM - OFICINA DE CULINÁRIA INFANTOJUVENIL - Porto - Sesc Porto
  • RECEITA: PALHAÇO CABELUDO
    19/07 | 15h | 06 a 09 anos
    20/07 | 15h | 10 a 17 anos

20/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - SESC ARSENAL - Arsenal - Cinema
  • CINESESC COM EMBAIXADA DA ALEMANHA

    ESTRELA SOLITÁRIA [DON'T COME KNOCKING]

    (Wim Wenders, Alemanha, Drama, 2005, 122min.)

    Howard Spence já teve dias melhores: antes um protagonista dos westerns, agora ele só consegue papéis secundários e leva uma vida autocentrada, afogado em álcool, drogas e jovens mulheres. Quando sua mãe revela que ele tem um filho desconhecido, Howard vê nisso uma razão para remontar ao passado e, a partir daí, conviver melhor com o presente.

    06/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 14 anos

     

    LOUCEIRAS

    (Tatiana Toffoli, Brasil, Documentário, 2013, 54min.)

    Louceiras acompanha o dia a dia das últimas ceramistas do grupo étnico Kariri-Xocó que tiram do barro o sustento da família. Herdeiras de uma tradição que passa de mãe para filha, elas compartilham com seu povo o conhecimento.

    09 e 27/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC DEBATE: ARÁBIA

    (Affonso Uchoa/João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 96min.)

    Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem (Murilo Caliari) encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    13, 21 (CineSesc Debate) e 30/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 16 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Caio Cavechini/Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65min.)

    Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    14 e 23/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

     

    CINESESC: TRABALHAR CANSA

    (Juliana Rojas, Brasil, Drama/Terror, 2011, 99min.)

    A jovem dona-de-casa Helena resolve realizar um desejo antigo e abrir seu primeiro empreendimento: um mini mercado. Ela contrata a empregada doméstica Paula para tomar conta das tarefas do lar e de Vanessa, sua filha. Quando seu marido Otávio perde o emprego como gerente de uma grande corporação, as relações pessoais e de trabalho entre os três personagens sofrem uma inversão inesperada, ao mesmo tempo em que ocorrências perturbadoras passam a ameaçar os negócios de Helena.

    20 e 29/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

    CINESESC: A GENTE

    (Aly Muritiba, Brasil Documentário, 2013, 90min.)

    Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme.

    22 e 28/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 12 anos


20/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - RONDONÓPOLIS - Rondonopolis - Teatro
  • ARÁBIA

    (Direção: Affonso Uchoa, João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 97 min)

    Sinopse: Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    18/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 16 anos

     

    DOMÉSTICAS

    (Direção: Gabriel Mascaro, Brasil, Documentário, 2012, 72 min)

    Sinopse: Sete adolescentes assumem a missão de registrar por uma semana a sua empregada doméstica e entregar o material bruto para o diretor realizar um filme com essas imagens. Entre o choque da intimidade, as relações de poder e a performance do cotidiano, o filme lança um olhar contemporâneo sobre o trabalho doméstico no ambiente familiar e se transforma num potente ensaio sobre afeto e trabalho.

    20/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 10 anos

     

    A GENTE

    (Direção:  Aly Muritiba, Documentário, Brasil, 2013, 90 min)

    Sinopse: Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme. A Equipe Alfa é formada por 28 pessoas, homens e mulheres de origens e formações distintas que fazem a guarda e custódia de cerca de mil criminosos numa penitenciária Brasileira. Walkiu torna-se o chefe da equipe e espera fazer um bom trabalho. Mas percebe que suas mãos estão algemadas.

    25/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 12 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Direção: Caio Cavechini e Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65 min)

    Sinopse: Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    27/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 10 anos

21/09

15:00

MESTRE CUCA MIRIM - OFICINA DE CULINÁRIA INFANTOJUVENIL - Porto - Sesc Porto
  • RECEITA: PALHAÇO CABELUDO
    19/07 | 15h | 06 a 09 anos
    20/07 | 15h | 10 a 17 anos

21/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - SESC ARSENAL - Arsenal - Cinema
  • CINESESC COM EMBAIXADA DA ALEMANHA

    ESTRELA SOLITÁRIA [DON'T COME KNOCKING]

    (Wim Wenders, Alemanha, Drama, 2005, 122min.)

    Howard Spence já teve dias melhores: antes um protagonista dos westerns, agora ele só consegue papéis secundários e leva uma vida autocentrada, afogado em álcool, drogas e jovens mulheres. Quando sua mãe revela que ele tem um filho desconhecido, Howard vê nisso uma razão para remontar ao passado e, a partir daí, conviver melhor com o presente.

    06/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 14 anos

     

    LOUCEIRAS

    (Tatiana Toffoli, Brasil, Documentário, 2013, 54min.)

    Louceiras acompanha o dia a dia das últimas ceramistas do grupo étnico Kariri-Xocó que tiram do barro o sustento da família. Herdeiras de uma tradição que passa de mãe para filha, elas compartilham com seu povo o conhecimento.

    09 e 27/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC DEBATE: ARÁBIA

    (Affonso Uchoa/João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 96min.)

    Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem (Murilo Caliari) encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    13, 21 (CineSesc Debate) e 30/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 16 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Caio Cavechini/Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65min.)

    Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    14 e 23/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

     

    CINESESC: TRABALHAR CANSA

    (Juliana Rojas, Brasil, Drama/Terror, 2011, 99min.)

    A jovem dona-de-casa Helena resolve realizar um desejo antigo e abrir seu primeiro empreendimento: um mini mercado. Ela contrata a empregada doméstica Paula para tomar conta das tarefas do lar e de Vanessa, sua filha. Quando seu marido Otávio perde o emprego como gerente de uma grande corporação, as relações pessoais e de trabalho entre os três personagens sofrem uma inversão inesperada, ao mesmo tempo em que ocorrências perturbadoras passam a ameaçar os negócios de Helena.

    20 e 29/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

    CINESESC: A GENTE

    (Aly Muritiba, Brasil Documentário, 2013, 90min.)

    Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme.

    22 e 28/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 12 anos


22/09

08:00

CONHECENDO O ARTESÃO - Casa do Artesão - Sesc Casa do Artesão
  • O artesanato conta a história de uma região, suas tradições, cultura e costumes. Através dele a memória imaterial de um povo é mantida, seu modo de ser, fazer e viver. E quem melhor do que os próprios artesãos para contar sobre suas técnicas e trabalhos? Com esse intuito, o Sesc Casa do Artesão traz aos sábados um artista para produzir e mostrar seu trabalho ao público. Venha e conheça um pouco mais do artesanato de Mato Grosso.

    01/09 – Demerval Valeriano

    15/09 – Micheli Sierra

    22/09 – Ilma Divina

    29/09 – Deise Fátima

22/09

15:00

CLUBE ARSENAL DE LEITURA - AMÉRICA LATINA EM OITO CONTOS - Arsenal - Laboratório da Palavra
  • Oito passeios pela literatura latino-americana, por meio da leitura de contos de diferentes países: Argentina, Brasil, Chile, México, Nicarágua, Peru e Uruguai. Uma viagem por diferentes paisagens literárias.

    Mediação: Ana Paula Silveira (UFMT).

22/09

16:00

SEMANA MOVE - Porto - Sesc Porto
  • SESC EM AÇÃO- CORRIDA FUNCIONAL

    Uma combinação de corrida e exercícios funcionais desafiadores, onde cada equipe é composta por três participantes (misto), visando completar o desafio em menor tempo.

    Venha se superar!!

    22/09 (Sábado) | 16h | 14 anos acima

    Inscrição Gratuita de 10 a 21/09, na Sala Cárdio - Sesc Porto (presencial e realizada por um adulto responsável)Vagas Limitadas! | Informações: 3611-0720.

     

    SESC EM AÇÃO - HIDROFEST FAMÍLIA

    Ao som de diferentes ritmos, com muita intensidade e luzes, venha com a família participar de atividades aquáticas.

    29/09 (Sábado) | 17h30 | Piscina Sesc Porto | 14 anos acima | Gratuito e aberto ao público

    Obrigatório o uso de traje de banho (maiô, sunga)

22/09

17:30

CINESESC - SESSÃO PIPOCA - Arsenal - Cinema
  • Exibições de obras destinadas ao público infantojuvenil com o intuito de semear a paixão pelo cinema. Ao término das sessões é distribuída pipoca ao público presente.

     

    EU E MEU GUARDA CHUVA

    (Toni Vanzolini, Brasil, Aventura, 2010, 83min)

    Sinopse: Eugênio é um garoto de 11 anos que jamais se separa do guarda chuva herdado de seu avô. No último dia de férias ele e Cebola, seu melhor amigo, precisam entrar na sombria casa onde fica sua nova escola. O motivo é para resgatar Frida, a grande paixão de Eugênio, que foi sequestrada pelo fantasma do Barão Von Staffen.

    08 e 29/09 (Sessão Pipoca Azul) | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    PORCO ROSSO

    (Hayao Miyazaki, Japão, Aventura / Fantasia, 1994, 93min.)

    Sinopse: Entre as duas guerras, caçadores de prêmios ganham a vida lutando contra os piratas do ar que aterrorizam o Mar Adriático. Um deles é Porco Rosso. Gina, uma cantora e proprietária do Hotel Adriano, não desiste de tentar convencê-lo de que vale a pena procurar a humanidade, mas Porco resiste a falar do passado e detesta o único vestígio desses tempos.

    09 (Sessão Pipoca Azul) e 23/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    O MENINO NO ESPELHO

    (Guilherme Fiúza Zenha, Brasil, Drama, 2013, 90min.)

    Sinopse: Belo Horizonte, anos 1930. Fernando é um garoto de 10 anos que está cansado de fazer as coisas chatas da vida. Seu sonho era criar um sósia, que ficasse com estas tarefas enquanto ele poderia se divertir à vontade. Até que, um dia, é exatamente isto que acontece, quando o reflexo de Fernando deixa o espelho e ganha vida.

    22 e 30/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

22/09

17:30

SESSÃO PIPOCA SETEMBRO - RONDONÓPOLIS - Rondonopolis - Teatro
  • EU E MEU GUARDA CHUVA

    (Toni Vanzolini, Brasil, Aventura, 2010, 83min)

    Sinopse: Eugênio é um garoto de 11 anos que jamais se separa do guarda chuva herdado de seu avô. No último dia de férias ele e Cebola, seu melhor amigo, precisam entrar na sombria casa onde fica sua nova escola. O motivo é para resgatar Frida, a grande paixão de Eugênio, que foi sequestrada pelo fantasma do Barão Von Staffen.

    01/09 | 26/09 (sessão pipoca azul) | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    PORCO ROSSO

    (Hayao Miyazaki, Japão, Aventura / Fantasia, 1994, 93min.)

    Sinopse: Entre as duas guerras, caçadores de prêmios ganham a vida lutando contra os piratas do ar que aterrorizam o Mar Adriático. Um deles é Porco Rosso. Gina, uma cantora e proprietária do Hotel Adriano, não desiste de tentar convencê-lo de que vale a pena procurar a humanidade, mas Porco resiste a falar do passado e detesta o único vestígio desses tempos.

    19/09 | 29/09 (sessão pipoca azul) | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    O MENINO NO ESPELHO

    (Guilherme Fiúza Zenha, Brasil, Drama, 2013, 90min.)

    Sinopse: Belo Horizonte, anos 1930. Fernando é um garoto de 10 anos que está cansado de fazer as coisas chatas da vida. Seu sonho era criar um sósia, que ficasse com estas tarefas enquanto ele poderia se divertir à vontade. Até que, um dia, é exatamente isto que acontece, quando o reflexo de Fernando deixa o espelho e ganha vida.

    22/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

22/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - SESC ARSENAL - Arsenal - Cinema
  • CINESESC COM EMBAIXADA DA ALEMANHA

    ESTRELA SOLITÁRIA [DON'T COME KNOCKING]

    (Wim Wenders, Alemanha, Drama, 2005, 122min.)

    Howard Spence já teve dias melhores: antes um protagonista dos westerns, agora ele só consegue papéis secundários e leva uma vida autocentrada, afogado em álcool, drogas e jovens mulheres. Quando sua mãe revela que ele tem um filho desconhecido, Howard vê nisso uma razão para remontar ao passado e, a partir daí, conviver melhor com o presente.

    06/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 14 anos

     

    LOUCEIRAS

    (Tatiana Toffoli, Brasil, Documentário, 2013, 54min.)

    Louceiras acompanha o dia a dia das últimas ceramistas do grupo étnico Kariri-Xocó que tiram do barro o sustento da família. Herdeiras de uma tradição que passa de mãe para filha, elas compartilham com seu povo o conhecimento.

    09 e 27/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC DEBATE: ARÁBIA

    (Affonso Uchoa/João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 96min.)

    Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem (Murilo Caliari) encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    13, 21 (CineSesc Debate) e 30/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 16 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Caio Cavechini/Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65min.)

    Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    14 e 23/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

     

    CINESESC: TRABALHAR CANSA

    (Juliana Rojas, Brasil, Drama/Terror, 2011, 99min.)

    A jovem dona-de-casa Helena resolve realizar um desejo antigo e abrir seu primeiro empreendimento: um mini mercado. Ela contrata a empregada doméstica Paula para tomar conta das tarefas do lar e de Vanessa, sua filha. Quando seu marido Otávio perde o emprego como gerente de uma grande corporação, as relações pessoais e de trabalho entre os três personagens sofrem uma inversão inesperada, ao mesmo tempo em que ocorrências perturbadoras passam a ameaçar os negócios de Helena.

    20 e 29/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

    CINESESC: A GENTE

    (Aly Muritiba, Brasil Documentário, 2013, 90min.)

    Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme.

    22 e 28/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 12 anos


23/09

12:00

MÚSICA AO VIVO COM BANDA TÔ TE QUERENDO - Balneário - Sesc Balneário
  • Traga sua família para curtir uma boa música e uma divertida tarde de lazer com: BANDA TÔ TE QUERENDO.

23/09

17:00

DOMINGOS COM ARTE: MANUALIDADES DO BISPO DO ROSÁRIO, COM ALICE PEREIRA - Arsenal - Galeria de Artes
  • MANUALIDADES DO BISPO DO ROSÁRIO, COM ALICE PEREIRA

    Nessa oficina será apresentada a vida e a obra de Bispo de Rosário e os participantes serão convidados a produzir experimentações visuais a partir do  bordado livre.

    23 e 30/09 | 17h às 19h | Galeria de Artes | 20 vagas | Valor: 01 L de leite UHT | Inscrição pelo e-mail: kavila@sescmt.com.br (Informar nome completo, fone para contato e idade) | A partir dos 10 anos | (A oficina possui lista individual de materiais

23/09

17:30

CINESESC - SESSÃO PIPOCA - Arsenal - Cinema
  • Exibições de obras destinadas ao público infantojuvenil com o intuito de semear a paixão pelo cinema. Ao término das sessões é distribuída pipoca ao público presente.

     

    EU E MEU GUARDA CHUVA

    (Toni Vanzolini, Brasil, Aventura, 2010, 83min)

    Sinopse: Eugênio é um garoto de 11 anos que jamais se separa do guarda chuva herdado de seu avô. No último dia de férias ele e Cebola, seu melhor amigo, precisam entrar na sombria casa onde fica sua nova escola. O motivo é para resgatar Frida, a grande paixão de Eugênio, que foi sequestrada pelo fantasma do Barão Von Staffen.

    08 e 29/09 (Sessão Pipoca Azul) | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    PORCO ROSSO

    (Hayao Miyazaki, Japão, Aventura / Fantasia, 1994, 93min.)

    Sinopse: Entre as duas guerras, caçadores de prêmios ganham a vida lutando contra os piratas do ar que aterrorizam o Mar Adriático. Um deles é Porco Rosso. Gina, uma cantora e proprietária do Hotel Adriano, não desiste de tentar convencê-lo de que vale a pena procurar a humanidade, mas Porco resiste a falar do passado e detesta o único vestígio desses tempos.

    09 (Sessão Pipoca Azul) e 23/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    O MENINO NO ESPELHO

    (Guilherme Fiúza Zenha, Brasil, Drama, 2013, 90min.)

    Sinopse: Belo Horizonte, anos 1930. Fernando é um garoto de 10 anos que está cansado de fazer as coisas chatas da vida. Seu sonho era criar um sósia, que ficasse com estas tarefas enquanto ele poderia se divertir à vontade. Até que, um dia, é exatamente isto que acontece, quando o reflexo de Fernando deixa o espelho e ganha vida.

    22 e 30/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

23/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - SESC ARSENAL - Arsenal - Cinema
  • CINESESC COM EMBAIXADA DA ALEMANHA

    ESTRELA SOLITÁRIA [DON'T COME KNOCKING]

    (Wim Wenders, Alemanha, Drama, 2005, 122min.)

    Howard Spence já teve dias melhores: antes um protagonista dos westerns, agora ele só consegue papéis secundários e leva uma vida autocentrada, afogado em álcool, drogas e jovens mulheres. Quando sua mãe revela que ele tem um filho desconhecido, Howard vê nisso uma razão para remontar ao passado e, a partir daí, conviver melhor com o presente.

    06/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 14 anos

     

    LOUCEIRAS

    (Tatiana Toffoli, Brasil, Documentário, 2013, 54min.)

    Louceiras acompanha o dia a dia das últimas ceramistas do grupo étnico Kariri-Xocó que tiram do barro o sustento da família. Herdeiras de uma tradição que passa de mãe para filha, elas compartilham com seu povo o conhecimento.

    09 e 27/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC DEBATE: ARÁBIA

    (Affonso Uchoa/João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 96min.)

    Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem (Murilo Caliari) encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    13, 21 (CineSesc Debate) e 30/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 16 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Caio Cavechini/Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65min.)

    Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    14 e 23/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

     

    CINESESC: TRABALHAR CANSA

    (Juliana Rojas, Brasil, Drama/Terror, 2011, 99min.)

    A jovem dona-de-casa Helena resolve realizar um desejo antigo e abrir seu primeiro empreendimento: um mini mercado. Ela contrata a empregada doméstica Paula para tomar conta das tarefas do lar e de Vanessa, sua filha. Quando seu marido Otávio perde o emprego como gerente de uma grande corporação, as relações pessoais e de trabalho entre os três personagens sofrem uma inversão inesperada, ao mesmo tempo em que ocorrências perturbadoras passam a ameaçar os negócios de Helena.

    20 e 29/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

    CINESESC: A GENTE

    (Aly Muritiba, Brasil Documentário, 2013, 90min.)

    Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme.

    22 e 28/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 12 anos


24/09

15:00

QUEBRA TORTO - MÓDULO REGIÃO CENTRO-OESTE - Porto - Sesc Porto
  • 03/09 - MOJICA DE PINTADO

    10/09 - BOLO DE ARROZ CUIABANO

    17/09 - MARIA ISABEL

    24/09 - FURRUNDU

25/09

14:00

ARTE DA PALAVRA | REDE SESC DE LEITURAS | CIRCUITO DE AUTORES - Arsenal - Laboratório da Palavra
  • Circuito de Autores é circuito nacional de escritores, voltado para a valorização e divulgação de autores nas diferentes comunidades literárias.

    André Sant'Anna é escritor, músico, dramaturgo, roteirista de cinema, televisão e publicidade. É autor da trilogia “Amor” – Edições Dubolso, “Sexo e Amizade” –Companhia das Letras; “O Paraíso é Bem Bacana” – Companhia das Letras; “Inverdades” – 7Letras; “O Brasil É Bom” – Companhia das Letras. Teve o conto “O Importado Vermelho de Noé” incluído na antologia “Os Cem Melhores Contos Brasileiros do Século” e o texto “Pro Beleléu” na antologia “As Cem Melhores Crônicas Brasileiras” – Ed. Objetiva.

    Cidinha da Silva é mineira, prosadora e dramaturga. Autora de 14 livros autorais. “Um Exu em Nova York” e “O homem azul do deserto” são os mais recentes. No teatro destaca “Engravidei, pari cavalos e aprendi a voar sem asas”. Tem textos traduzidos para o francês, espanhol, inglês e italiano. Organizou o livro “Africanidade e relações raciais: insumos para políticas públicas na área do livro, leitura, literatura e bibliotecas no Brasil.

    25/09 | 14h e 19h | Laboratório da Palavra | Gratuito

25/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - RONDONÓPOLIS - Rondonopolis - Teatro
  • ARÁBIA

    (Direção: Affonso Uchoa, João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 97 min)

    Sinopse: Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    18/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 16 anos

     

    DOMÉSTICAS

    (Direção: Gabriel Mascaro, Brasil, Documentário, 2012, 72 min)

    Sinopse: Sete adolescentes assumem a missão de registrar por uma semana a sua empregada doméstica e entregar o material bruto para o diretor realizar um filme com essas imagens. Entre o choque da intimidade, as relações de poder e a performance do cotidiano, o filme lança um olhar contemporâneo sobre o trabalho doméstico no ambiente familiar e se transforma num potente ensaio sobre afeto e trabalho.

    20/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 10 anos

     

    A GENTE

    (Direção:  Aly Muritiba, Documentário, Brasil, 2013, 90 min)

    Sinopse: Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme. A Equipe Alfa é formada por 28 pessoas, homens e mulheres de origens e formações distintas que fazem a guarda e custódia de cerca de mil criminosos numa penitenciária Brasileira. Walkiu torna-se o chefe da equipe e espera fazer um bom trabalho. Mas percebe que suas mãos estão algemadas.

    25/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 12 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Direção: Caio Cavechini e Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65 min)

    Sinopse: Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    27/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 10 anos

26/09

18:00

OBSERVATÓRIO DE IDEIAS MUSICAIS - RITA DULTRA (BA) - Arsenal - Salão Social
  • A especialista Rita Dultra, ministrará a oficina “Música, Linguagem e Expressão que traz a musicalização com interfaces entre a Educação Musical e a Musicoterapia, promovendo atividades vivências seguidas de reflexões e de fundamentação teórica, comprovando as significativas contribuições que o som, a música e o movimento podem promover aos seres humanos nos aspectos biológicos, mentais, psicológicos e sociais. Rita Dultra é  Licenciada em Música, Bacharel em Musicoterapia , Especialista em Artes e Música (UNEB/IAT), Diagnóstico e Tratamento dos Transtornos do Desenvolvimento na Infância e na Adolescência (Hélio Rocha/Lydia Coriat en Neurorehabilitación pela rede Neuromúsica (Buenos Aires)., Professora convidada nos cursos de pós-graduação em Fortaleza (GRADUALE), Balneário Camboriú (FAC), Porto Alegre (FAC) e Salvador.

    26 a 28 das 18h às 22h e 29/09 das 14h às 22h | Salão Social | 01 L de leite UHT | Público de interesse: professores de música da rede regular de ensino, estudantes de música, musicoterapia.

27/09

15:00

APROVEITAMENTO INTEGRAL DOS ALIMENTOS - Porto - Sesc Porto
  • RECEITA: QUICHE DE VEGETAIS

    Inscrições gratuitas | Vagas limitadas

27/09

15:00

OFICINANDO - Porto - Sesc Porto
  • As crianças aprenderão a fazer brinquedos e utensílios com materiais reaproveitáveis. 

    27 e 28/09 | 15h às 16h30 | 05 a 12 anos | Inscrição gratuitas na recepção do Sesc Porto | Vagas limitadas!


27/09

18:00

SESC MATERNA - Porto - Sesc Porto
  • Grupo formado por famílias que buscam informações sobre os aspectos físicos e emocionais no período gestacional, parto e pós-parto. Espaço destinado às pessoas que entendem o nascimento como um evento familiar emocionante e transformador onde vivências individuais contribuem para fortalecer o grupo como um todo.

27/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - SESC ARSENAL - Arsenal - Cinema
  • CINESESC COM EMBAIXADA DA ALEMANHA

    ESTRELA SOLITÁRIA [DON'T COME KNOCKING]

    (Wim Wenders, Alemanha, Drama, 2005, 122min.)

    Howard Spence já teve dias melhores: antes um protagonista dos westerns, agora ele só consegue papéis secundários e leva uma vida autocentrada, afogado em álcool, drogas e jovens mulheres. Quando sua mãe revela que ele tem um filho desconhecido, Howard vê nisso uma razão para remontar ao passado e, a partir daí, conviver melhor com o presente.

    06/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 14 anos

     

    LOUCEIRAS

    (Tatiana Toffoli, Brasil, Documentário, 2013, 54min.)

    Louceiras acompanha o dia a dia das últimas ceramistas do grupo étnico Kariri-Xocó que tiram do barro o sustento da família. Herdeiras de uma tradição que passa de mãe para filha, elas compartilham com seu povo o conhecimento.

    09 e 27/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC DEBATE: ARÁBIA

    (Affonso Uchoa/João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 96min.)

    Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem (Murilo Caliari) encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    13, 21 (CineSesc Debate) e 30/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 16 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Caio Cavechini/Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65min.)

    Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    14 e 23/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

     

    CINESESC: TRABALHAR CANSA

    (Juliana Rojas, Brasil, Drama/Terror, 2011, 99min.)

    A jovem dona-de-casa Helena resolve realizar um desejo antigo e abrir seu primeiro empreendimento: um mini mercado. Ela contrata a empregada doméstica Paula para tomar conta das tarefas do lar e de Vanessa, sua filha. Quando seu marido Otávio perde o emprego como gerente de uma grande corporação, as relações pessoais e de trabalho entre os três personagens sofrem uma inversão inesperada, ao mesmo tempo em que ocorrências perturbadoras passam a ameaçar os negócios de Helena.

    20 e 29/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

    CINESESC: A GENTE

    (Aly Muritiba, Brasil Documentário, 2013, 90min.)

    Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme.

    22 e 28/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 12 anos


27/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - RONDONÓPOLIS - Rondonopolis - Teatro
  • ARÁBIA

    (Direção: Affonso Uchoa, João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 97 min)

    Sinopse: Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    18/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 16 anos

     

    DOMÉSTICAS

    (Direção: Gabriel Mascaro, Brasil, Documentário, 2012, 72 min)

    Sinopse: Sete adolescentes assumem a missão de registrar por uma semana a sua empregada doméstica e entregar o material bruto para o diretor realizar um filme com essas imagens. Entre o choque da intimidade, as relações de poder e a performance do cotidiano, o filme lança um olhar contemporâneo sobre o trabalho doméstico no ambiente familiar e se transforma num potente ensaio sobre afeto e trabalho.

    20/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 10 anos

     

    A GENTE

    (Direção:  Aly Muritiba, Documentário, Brasil, 2013, 90 min)

    Sinopse: Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme. A Equipe Alfa é formada por 28 pessoas, homens e mulheres de origens e formações distintas que fazem a guarda e custódia de cerca de mil criminosos numa penitenciária Brasileira. Walkiu torna-se o chefe da equipe e espera fazer um bom trabalho. Mas percebe que suas mãos estão algemadas.

    25/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 12 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Direção: Caio Cavechini e Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65 min)

    Sinopse: Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    27/09 | 19h30 | Teatro | 01 L de leite UHT ou 01 livro | 10 anos

28/09

15:00

OFICINANDO - Porto - Sesc Porto
  • As crianças aprenderão a fazer brinquedos e utensílios com materiais reaproveitáveis. 

    27 e 28/09 | 15h às 16h30 | 05 a 12 anos | Inscrição gratuitas na recepção do Sesc Porto | Vagas limitadas!


28/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - SESC ARSENAL - Arsenal - Cinema
  • CINESESC COM EMBAIXADA DA ALEMANHA

    ESTRELA SOLITÁRIA [DON'T COME KNOCKING]

    (Wim Wenders, Alemanha, Drama, 2005, 122min.)

    Howard Spence já teve dias melhores: antes um protagonista dos westerns, agora ele só consegue papéis secundários e leva uma vida autocentrada, afogado em álcool, drogas e jovens mulheres. Quando sua mãe revela que ele tem um filho desconhecido, Howard vê nisso uma razão para remontar ao passado e, a partir daí, conviver melhor com o presente.

    06/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 14 anos

     

    LOUCEIRAS

    (Tatiana Toffoli, Brasil, Documentário, 2013, 54min.)

    Louceiras acompanha o dia a dia das últimas ceramistas do grupo étnico Kariri-Xocó que tiram do barro o sustento da família. Herdeiras de uma tradição que passa de mãe para filha, elas compartilham com seu povo o conhecimento.

    09 e 27/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC DEBATE: ARÁBIA

    (Affonso Uchoa/João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 96min.)

    Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem (Murilo Caliari) encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    13, 21 (CineSesc Debate) e 30/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 16 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Caio Cavechini/Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65min.)

    Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    14 e 23/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

     

    CINESESC: TRABALHAR CANSA

    (Juliana Rojas, Brasil, Drama/Terror, 2011, 99min.)

    A jovem dona-de-casa Helena resolve realizar um desejo antigo e abrir seu primeiro empreendimento: um mini mercado. Ela contrata a empregada doméstica Paula para tomar conta das tarefas do lar e de Vanessa, sua filha. Quando seu marido Otávio perde o emprego como gerente de uma grande corporação, as relações pessoais e de trabalho entre os três personagens sofrem uma inversão inesperada, ao mesmo tempo em que ocorrências perturbadoras passam a ameaçar os negócios de Helena.

    20 e 29/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

    CINESESC: A GENTE

    (Aly Muritiba, Brasil Documentário, 2013, 90min.)

    Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme.

    22 e 28/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 12 anos


29/09

08:00

CONHECENDO O ARTESÃO - Casa do Artesão - Sesc Casa do Artesão
  • O artesanato conta a história de uma região, suas tradições, cultura e costumes. Através dele a memória imaterial de um povo é mantida, seu modo de ser, fazer e viver. E quem melhor do que os próprios artesãos para contar sobre suas técnicas e trabalhos? Com esse intuito, o Sesc Casa do Artesão traz aos sábados um artista para produzir e mostrar seu trabalho ao público. Venha e conheça um pouco mais do artesanato de Mato Grosso.

    01/09 – Demerval Valeriano

    15/09 – Micheli Sierra

    22/09 – Ilma Divina

    29/09 – Deise Fátima

29/09

10:00

EMISSÃO DO CARTÃO SESC - Balneário - Sesc Balneário
  • Em um final de semana por mês será possível fazer a emissão do cartão do Sesc, tanto para trabalhadores do Comércio de Bens, Serviços e Turismo, como para o público em geral

    Ele é indispensável para a entrada na unidade e a taxa de confecção não inclui o valor do Day use.

     

    Datas para emissão na unidade:

    27 e 28 de janeiro; 24 e 25 de fevereiro; 24 e 25 de março; 28 e 29 de abril; 26 e 27 de maio; 23 e 24 de junho; 28 e 29 de julho; 25 e 26 de agosto; 29 e 30 de setembro; 20 e 21 de outubro; 24 e 25 de novembro e 15 e 16 de dezembro.

29/09

14:00

MINICURSO LITERATURA E TEATRO, COM LEANDRO BRITO - Arsenal - Banco de Textos de Artes Cênicas
  • A intersecção entre literatura e teatro oferece ótimas oportunidades de formar leitores conscientes, e o emprego da encenação como forma de estímulo à leitura e produção de textos autorais se mostra útil na construção de um saber significativo. O objetivo do curso é, nessa perspectiva, apresentar algumas ferramentas pertencentes ao campo do teatro para uso em sala de aula, mais especificamente no ensino de literatura, tais como: leituras dramatizadas, jogos de leitura e improvisação, jogos corporais e interpretação, nos quais os textos literários servirão de mote inicial para as atividades desenvolvidas.

    Professor: Leandro Brito
    Graduado em Letras pela Universidade Federal de Mato Grosso, Leandro é Técnico em Artes Dramáticas - ator, caracterizador e produtor cultural, atuando nas artes cênicas desde 1998. Foi integrante dos grupos de teatro Pessoal do Ânima, Confraria dos atores, Cia Crápula de Teatro e, atualmente, faz parte da Solta Cia de Teatro. É, ainda, colaborador do Canal de Humor “Não Convém”, e faz parte do coletivo Parágrafo Cerrado – leituras de cena.


    Inscreva-se gratuitamente pelo link:
    http://bit.ly/minicurso-literatura-e-teatro

29/09

17:30

CINESESC - SESSÃO PIPOCA - Arsenal - Cinema
  • Exibições de obras destinadas ao público infantojuvenil com o intuito de semear a paixão pelo cinema. Ao término das sessões é distribuída pipoca ao público presente.

     

    EU E MEU GUARDA CHUVA

    (Toni Vanzolini, Brasil, Aventura, 2010, 83min)

    Sinopse: Eugênio é um garoto de 11 anos que jamais se separa do guarda chuva herdado de seu avô. No último dia de férias ele e Cebola, seu melhor amigo, precisam entrar na sombria casa onde fica sua nova escola. O motivo é para resgatar Frida, a grande paixão de Eugênio, que foi sequestrada pelo fantasma do Barão Von Staffen.

    08 e 29/09 (Sessão Pipoca Azul) | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    PORCO ROSSO

    (Hayao Miyazaki, Japão, Aventura / Fantasia, 1994, 93min.)

    Sinopse: Entre as duas guerras, caçadores de prêmios ganham a vida lutando contra os piratas do ar que aterrorizam o Mar Adriático. Um deles é Porco Rosso. Gina, uma cantora e proprietária do Hotel Adriano, não desiste de tentar convencê-lo de que vale a pena procurar a humanidade, mas Porco resiste a falar do passado e detesta o único vestígio desses tempos.

    09 (Sessão Pipoca Azul) e 23/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    O MENINO NO ESPELHO

    (Guilherme Fiúza Zenha, Brasil, Drama, 2013, 90min.)

    Sinopse: Belo Horizonte, anos 1930. Fernando é um garoto de 10 anos que está cansado de fazer as coisas chatas da vida. Seu sonho era criar um sósia, que ficasse com estas tarefas enquanto ele poderia se divertir à vontade. Até que, um dia, é exatamente isto que acontece, quando o reflexo de Fernando deixa o espelho e ganha vida.

    22 e 30/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

29/09

17:30

SEMANA MOVE - Porto - Sesc Porto
  • SESC EM AÇÃO- CORRIDA FUNCIONAL

    Uma combinação de corrida e exercícios funcionais desafiadores, onde cada equipe é composta por três participantes (misto), visando completar o desafio em menor tempo.

    Venha se superar!!

    22/09 (Sábado) | 16h | 14 anos acima

    Inscrição Gratuita de 10 a 21/09, na Sala Cárdio - Sesc Porto (presencial e realizada por um adulto responsável)Vagas Limitadas! | Informações: 3611-0720.

     

    SESC EM AÇÃO - HIDROFEST FAMÍLIA

    Ao som de diferentes ritmos, com muita intensidade e luzes, venha com a família participar de atividades aquáticas.

    29/09 (Sábado) | 17h30 | Piscina Sesc Porto | 14 anos acima | Gratuito e aberto ao público

    Obrigatório o uso de traje de banho (maiô, sunga)

29/09

19:30

CINESESC SETEMBRO - SESC ARSENAL - Arsenal - Cinema
  • CINESESC COM EMBAIXADA DA ALEMANHA

    ESTRELA SOLITÁRIA [DON'T COME KNOCKING]

    (Wim Wenders, Alemanha, Drama, 2005, 122min.)

    Howard Spence já teve dias melhores: antes um protagonista dos westerns, agora ele só consegue papéis secundários e leva uma vida autocentrada, afogado em álcool, drogas e jovens mulheres. Quando sua mãe revela que ele tem um filho desconhecido, Howard vê nisso uma razão para remontar ao passado e, a partir daí, conviver melhor com o presente.

    06/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 14 anos

     

    LOUCEIRAS

    (Tatiana Toffoli, Brasil, Documentário, 2013, 54min.)

    Louceiras acompanha o dia a dia das últimas ceramistas do grupo étnico Kariri-Xocó que tiram do barro o sustento da família. Herdeiras de uma tradição que passa de mãe para filha, elas compartilham com seu povo o conhecimento.

    09 e 27/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    CINESESC DEBATE: ARÁBIA

    (Affonso Uchoa/João Dumans, Brasil, Drama, 2018, 96min.)

    Em Ouro Preto, Minas Gerais, um jovem (Murilo Caliari) encontra por acaso o diário de um operário metalúrgico que sofreu um acidente e por suas memórias embarca numa jornada pelas condições de vida de trabalhadores marginalizados.

    13, 21 (CineSesc Debate) e 30/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 16 anos

     

    CARNE, OSSO

    (Caio Cavechini/Carlos Juliano Barros, Brasil, Documentário, 2011, 65min.)

    Os frigoríficos brasileiros ganham mercado em todo o mundo. Mas na esteira desse sucesso estão histórias pouco conhecidas de trabalhadores afastados por jornadas intensas, penosas e repetitivas.

    14 e 23/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

     

    CINESESC: TRABALHAR CANSA

    (Juliana Rojas, Brasil, Drama/Terror, 2011, 99min.)

    A jovem dona-de-casa Helena resolve realizar um desejo antigo e abrir seu primeiro empreendimento: um mini mercado. Ela contrata a empregada doméstica Paula para tomar conta das tarefas do lar e de Vanessa, sua filha. Quando seu marido Otávio perde o emprego como gerente de uma grande corporação, as relações pessoais e de trabalho entre os três personagens sofrem uma inversão inesperada, ao mesmo tempo em que ocorrências perturbadoras passam a ameaçar os negócios de Helena.

    20 e 29/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 10 anos

     

    CINESESC: A GENTE

    (Aly Muritiba, Brasil Documentário, 2013, 90min.)

    Por sete anos, Aly Muritiba trabalhou em uma prisão. Lá ele fez parte da Equipe Alfa. Após estudar cinema e dirigir alguns curtas-metragens, Muritiba, volta ao seu antigo trabalho para reencontrar seus colegas e realizar um filme.

    22 e 28/09 | 19h30 | Cinema | Gratuito | 12 anos


30/09

09:00

SESC NA FEIRA - Balneário - Feira Popular Osmar Cabral
  • Atividades de Educação em Saúde, Recreativas e Lúdicas com o público presente. Aferição de pressão arterial, teste de glicemia capilar, I.M.C, jogos recreativos, orientações e outros.

30/09

10:00

EMISSÃO DO CARTÃO SESC - Balneário - Sesc Balneário
  • Em um final de semana por mês será possível fazer a emissão do cartão do Sesc, tanto para trabalhadores do Comércio de Bens, Serviços e Turismo, como para o público em geral

    Ele é indispensável para a entrada na unidade e a taxa de confecção não inclui o valor do Day use.

     

    Datas para emissão na unidade:

    27 e 28 de janeiro; 24 e 25 de fevereiro; 24 e 25 de março; 28 e 29 de abril; 26 e 27 de maio; 23 e 24 de junho; 28 e 29 de julho; 25 e 26 de agosto; 29 e 30 de setembro; 20 e 21 de outubro; 24 e 25 de novembro e 15 e 16 de dezembro.

30/09

17:30

CINESESC - SESSÃO PIPOCA - Arsenal - Cinema
  • Exibições de obras destinadas ao público infantojuvenil com o intuito de semear a paixão pelo cinema. Ao término das sessões é distribuída pipoca ao público presente.

     

    EU E MEU GUARDA CHUVA

    (Toni Vanzolini, Brasil, Aventura, 2010, 83min)

    Sinopse: Eugênio é um garoto de 11 anos que jamais se separa do guarda chuva herdado de seu avô. No último dia de férias ele e Cebola, seu melhor amigo, precisam entrar na sombria casa onde fica sua nova escola. O motivo é para resgatar Frida, a grande paixão de Eugênio, que foi sequestrada pelo fantasma do Barão Von Staffen.

    08 e 29/09 (Sessão Pipoca Azul) | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    PORCO ROSSO

    (Hayao Miyazaki, Japão, Aventura / Fantasia, 1994, 93min.)

    Sinopse: Entre as duas guerras, caçadores de prêmios ganham a vida lutando contra os piratas do ar que aterrorizam o Mar Adriático. Um deles é Porco Rosso. Gina, uma cantora e proprietária do Hotel Adriano, não desiste de tentar convencê-lo de que vale a pena procurar a humanidade, mas Porco resiste a falar do passado e detesta o único vestígio desses tempos.

    09 (Sessão Pipoca Azul) e 23/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre

     

    O MENINO NO ESPELHO

    (Guilherme Fiúza Zenha, Brasil, Drama, 2013, 90min.)

    Sinopse: Belo Horizonte, anos 1930. Fernando é um garoto de 10 anos que está cansado de fazer as coisas chatas da vida. Seu sonho era criar um sósia, que ficasse com estas tarefas enquanto ele poderia se divertir à vontade. Até que, um dia, é exatamente isto que acontece, quando o reflexo de Fernando deixa o espelho e ganha vida.

    22 e 30/09 | 17h30 | Cinema | Gratuito | Livre